Quando nossa aventura pela Ásia começou há um tempo atrás, nossa expectativa em conhecer o Myanmar era alta, mas nada se compara ao que foi de fato nossa viagem para lá.

A gente até agora tenta descrever o que foi estar nesse lugar, conhecer um pouco da sua cultura e ver de perto um pouco de sua natureza. Depois de uma longa temporada que passamos em Bangkok, resolvemos continuar nosso percurso e finalmente visitar o Myanmar.

Podemos dizer que foi uma experiência única. O sudeste asiático é repleto de destinos encantadores, mas o Myanmar nos tomou pelos braços e nos fez enxergar uma Ásia mais autêntica, com pouquíssima influência do ocidente se comparado a seus países vizinhos.

Para explicar um pouco do nosso amor pelo país, separamos aqui 10 lugares mais do que especiais que valem a visita quando você quiser se aventurar pelo país. É pra fazer você arrumar as malas e visitar o Myanmar o quanto antes!

Veja 10 lugares incríveis para visitar no Myanmar

Embora esteja aberto ao turismo há pouco mais de 20 anos, o Myanmar ainda é relativamente pouco explorado, o que torna o país ainda mais especial. Se você tem vontade de conhecer o Myanmar, prepare-se! Temos certeza que depois desse post o país vai subir de posição na sua lista desejos. Bom vamos lá!

1. Apreciar o Pôr do Sol em um templo de Bagan

Bagan-19

O Shwesandaw Paya é apenas um dos mais de 2 mil templos espalhados por Bagan, mas é o melhor ponto para ver o pôr do sol nessa cidade histórica.

A subida para acessar o topo do Shwesandaw requer um pouquinho de disposição e roupas adequadas. Por se tratar de um lugar sagrado, tanto homens quanto mulheres não devem usar roupas que sejam decotadas ou mostrem o corpo excessivamente.

Como todo ponto turístico famoso, vale alertar que esse templo é muito procurado, então prepare-se para chegar mais cedo. Arrume um lugar pra sentar e assista ao espetáculo que está prestes a acontecer na sua frente.

Na volta para casa, caso você não tenha ido com carro alugado ou bicicleta elétrica, a dica que damos é: tenha bastante paciência e contemple a natureza. Como o Shwesandaw é muito procurado, especialmente no nascer e pôr do sol, muitas vezes os táxis que se encontram próximos não conseguem atender prontamente a todos os turistas, o que pode fazer a volta para casa ser mais longa que o previsto, fora o engarrafamento.

Saiba tudo sobre Bagan e veja seus principais templos.

2. Assistir a dança dos pescadores de Inle Lake

10 lugares pra visitar no Myanmar

Visitar o Myanmar é ir se transformando um pouquinho a cada nova experiência. O Inle Lake foi um lugar que nos marcou muito, e certamente é um ponto que você não pode deixar de conhecer.

O lago é bem raso (tem cerca de 1,5m de profundidade) e um dos mais altos do Myanmar. Está localizado no leste do país, na parte montanhosa do estado Shan e, para chegar lá, o aeroporto mais próximo é o de Heho.

Uma das imagens que mais impressiona em Inle Lake é a conexão dos pescadores com o lago e sua forma singular de pesca. Eles são conhecidos como pescadores bailarinos: para terem as mãos livres no momento da pesca, os “bailarinos” permanecem em pé na ponta do barco para visualizar melhor o fundo do lago. Enquanto uma perna mantém o equilíbrio, a outra é utilizada para remar (sim, eles remam com uma das pernas!).

Todo o processo parece uma dança. E esse é apenas um dos muitos espetáculos que esse imenso lago guarda. 

3. Visitar a ponte U Bein em Amarapura

Mandalay-38

Com cerca de 1,2 km de extensão, a ponte U Bein fica próxima a Mandalay, e é um dos principais pontos turísticos da região. Ela foi construída inteiramente com pedaços de uma árvore nativa conhecida como teca.

Mas não é apenas a beleza e o fato de ser a maior e mais antiga ponte nesse estilo que chama atenção: o seu entorno, o vai-e-vem de monges e pescadores e a beleza cotidiana se unem a um belo pôr do sol, fazendo da ponte de U Bein um ponto turístico importante para quem está indo visitar o Myanmar.

4. Explorar os templos de YangonYangon-46

 

Yangon-36O mais conhecido e mais imponente é o Shwedagon Pagoda, que é também um dos templos mais importantes do Myanmar, com seus mais de 2.500 anos. Não perca a oportunidade de fazer uma imersão ao budismo e à cultura do país.

5. Impressionar-se com a Golden Rock

10 motivos para visitar o Myanamar
Foto: dany13 / CC BY 2.0

A Golden Rock é uma pedra dourada imensa que fica na ponta de um penhasco. Ela está lá paradinha há mais de 2 mil anos.

Há umas 5 horas de distância (de ônibus) de Yangon, o lugar é um dos mais sagrados do país, atraindo fiéis de toda a Ásia e turistas quem vêm conhecer o Myanmar. Dizem que a pedra já suportou diversos terremotos, e a melhor parte: segundo a lenda é sustentada por uma mecha de cabelo do próprio Buda.

6. Encantar-se com centenas de pagodas e estupas

Inle Lake-114

São inúmeros templos religiosos espalhados pelo Myanmar, mas um conjunto de pagodas e estupas chama atenção: na pequena vila de Indein, a oeste de Inle Lake. O que encontramos lá é de encher os olhos e o coração.

São centenas de estupas para serem exploradas, em diferentes estados de conservação. Embora algumas já tenham sido restauradas, muitas dessas relíquias se deterioram ao longo dos anos e estão em ruínas, com vegetação crescendo ao seu redor. Vale a pena sentir a energia incrível desse lugar!

7. Hsinbyume PagodaMandalay drone-5

Também conhecida como Myatheindan Pagoda, essa incrível construção fica em Mingum, uma cidade vizinha a Mandalay, às margens do rio Irrawaddy.

Em um passeio de um dia, é possível cruzar o rio em um barco até a e andar até esse lindo monumento. Sua forma circular e cor branca é uma representação das sete montanhas do Monte Meru, que para alguns budistas é o centro do universo.

8. Mergulhar na Ngapali beach

Foto: Stefan Fussan / CC BY-SA 2.0
Foto: Stefan Fussan / CC BY-SA 2.0

Não é à toa que essa é uma das praias mais famosas e mais procuradas por quem está indo visitar o Myanmar. A Ngapali beach é um refúgio bem agradável de areia fina e clara, com água cristalina e quente. A região conta com ótimos hotéis para todos os tipos de bolso e com uma gastronomia de frutos do mar espetacular.

9. Entrar nas cavernas de Pindaya

Foto: Yarzaryeni / CC BY-SA 4.0
Foto: Yarzaryeni / CC BY-SA 4.0

Pindaya é uma cidade bem agradável à beira de um lago. Mas o que mais atrai visitantes para lá são suas cavernas, que guardam pelo menos 6 mil imagens de Buda de diferentes tamanhos.

As imagens são feitas de gesso, bronze, mármore e algumas são revestidas com folha de ouro. Na entrada para as cavernas há uma pagoda conhecida como Shwe U Min.

10.  Sentir a atmosfera espiritual do Monte Popa

Bagan-28

O que antigamente era um vulcão, hoje é uma montanha que guarda um lindo mosteiro budista no seu topo. Acredita-se que o local é a casa de 37 nats (espíritos birmaneses), representados por estátuas na base da montanha. Para chegar ao topo e visitar o mosteiro, você deve encarar 777 degraus e muitos macacos pelo caminho.

Quer mais dicas de viagem? Curta nossa página no Facebook!

em algum lugar do mundo no facebook

Myanmar: um país de sorrisos sinceros e natureza exuberante

Templos de Bagan - CriançaCertamente visitar o Myanmar foi uma das experiências mais incríveis de nossas andanças pela Ásia.

Embora num passado distante o país já tenha sido rico, uma série de golpes e o regime ditatorial severo deixou marcas bem fortes.

Porém existe algo que parece resistir a qualquer situação difícil: o sorriso no rosto dos birmaneses. Para qualquer canto que você vá, será recebido de uma forma acolhedora que vai fazer você se apaixonar ainda mais pelo país.

Vai para o Myanmar? Para facilitar ainda mais o seu planejamento, confira também esses posts:

E se quiser mais dicas de viagem pelo sudeste asiático, dá uma olhada aqui:

Viaje tranquilo e sem preocupações faça sempre um seguro viagem. Sugerimos sempre fazer uma busca nas opções no site Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e ajuda a escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. GANHE 5% de desconto utilizando o nosso código promocional EMALGUMLUGAR5 . Viaje na paz!

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.

Booking.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here