Stopover: o que é e como fazer | Em Algum Lugar do Mundo

STOPOVER: O QUE É E COMO FAZER

Saiba como acrescentar um destino na sua viagem e estender o tempo de conexão do voo por alguns dias, sem pagar nada a mais por isso!

  • Adriana
  • -
  • 3 de agosto de 2019
  • 12 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Atualizado em 19 de abril de 2017.

Se tem uma palavrinha que faz nossos olhos brilharem, é essa tal de stopover. Afinal, quem não quer viajar, conhecer mais lugares e não ter que pagar por isso? O termo em inglês é usado pra definir uma escala que seu voo vai fazer, permitindo que você desembarque em uma cidade no meio do caminho e siga viagem dias ou semanas depois – com suas bagagens e sem pagar um real a mais por isso!

Nós já incluímos alguns destinos em nosso roteiro graças ao stopover. Um bom exemplo foi logo no começo da nossa viagem: nosso destino inicial era África do Sul. Porém, graças ao stopover, passamos 10 dias na Espanha – e não gastamos um centavo extra para fazer essa parada na Europa.

Ficou interessado? Confira aqui as dicas e um passo a passo sobre como fazer um stopover e adicionar um destino nas suas próximas férias!

Mas afinal, o que é stopover?

Em poucas palavras, stopover nada mais é do que estender seu tempo de conexão em um voo, retirando suas malas e fazendo pernoite(s) nesse país de parada. Ou seja, quando sua passagem permite desembarcar e passar uns dias no país de conexão, sem nenhum custo adicional.

E como fazer um stopover? Por onde eu começo?

Passo 1: definir seu destino final

Entendido o conceito do que é stopover, vamos à prática e entender como funciona o stopover. Pra começar sua busca, você precisa definir qual destino final da sua viagem e buscar todas as opções de voos do seu ponto de origem até o destino.

Como fazer stopover - foto avião
Cias aéreas podem oferecer stopover em seu país de origem

O grande lance é: muitas companhias nacionais oferecem o stopover em capitais do seu país de origem. Por exemplo, a Lufthansa oferece stopover em Frankfurt, a Air France em Paris, assim como a Emirates em Dubai, a TAP em Lisboa, e por aí vai. Isso significa que, se você planeja sair de São Paulo e passar as próximas férias em Bangkok, poderá voar de Emirates e dar uma paradinha em Dubai, por exemplo.

Definido seu destino final, vamos ao próximo passo: busca de passagens.

Passo 2: pesquisar passagens com stopover

Para fazer a busca de passagens com stopover, o mais indicado é usar sites de busca. Existem diversos sites para fazer essa pesquisa, todos eles irão te mostrar as opções de cias aéreas que fazem o trajeto que você está buscando.

O que nós mais usamos e consideramos nosso ponto de partida na busca de passagens aéreas é o Momondo. Ele é o nosso preferido, pois geralmente apresenta os melhores preços.

Mas antes de fechar no Momondo, procuramos estender a pesquisa pra outros sites como Skyscanner ou Submarino Viagens, já que muitas vezes eles trazem resultados diferentes.

Alternativamente, você pode realizar a busca diretamente no site da cia aérea, porém pra pesquisa inicial usamos os sites de busca, já que eles mostram todas as opções de empresas.

Passo 3: fazer simulação de voos

Vá até o Momondo ou outro buscador e faça a busca inicial de um voo ida ou ida/volta pro destino escolhido.

Tome nota de todos os voos com escalas. Anote as cidades onde as escalas são realizadas.

Como fazer stopover - quadro de voos
Entenda o seu vôo

Dica: seja flexível com as datas de ida/volta. As opções de escalas e voos variam de acordo com a data pesquisada.

Passo 4: definir sua rota

Agora que você já definiu destino final, anotou as possíveis escalas e já tem ideia dos preços de voos ida/volta, o próximo passo é fazer a pesquisa por “múltiplos destinos”.

Com fazer stopover - Rota de viagem
Plano de viagem

Pegue suas anotações e jogue para o site de buscas, definindo seu ponto de origem e adicionando as demais cidades como os próximos destinos.

Dicas:

  • Mais uma vez, seja flexível com as datas de viagem na busca de multi-destinos. Às vezes um único dia a mais (ou a menos) pode alterar o valor final da passagem.
  • Seja flexível também com as opções de escala. Se o trajeto ficou muito caro, experimente retirar uma escala. Outra opção é simular outros destinos de escala. Muitas vezes um país pode parecer “nada a ver” e total fora de rota do seu destino final, mas ele pode ser uma rota importante daquela cia aérea, significando uma oferta de passagem barata.

Veja também: Como economizar para sua próxima viagem – 7 passos para um planejamento financeiro para viajar. 

Stopover na prática: veja nosso exemplo

Ainda tá achando confuso essa história de adicionar um destino de graça no seu roteiro? Se liga aqui no nosso exemplo e veja o nosso passo-a-passo na prática, que seguimos para comprar nossa passagem Rio – Cidade do Cabo, com stopover em Madrid:

  • Decidimos que, ao sair do Rio de Janeiro, nosso destino era Cidade de Cabo, na África do Sul.
  • Primeiro fizemos uma busca simples de passagens só de ida para o trajeto Rio – Cidade do Cabo.
  • Descartamos os voos diretos e os mais caros, Anotamos as opções mais baratas, com uma ou mais escalas.  Exemplificando, a opção mais em conta na época da compra foi o voo Rio – Cidade do Cabo, com escalas em Madri, Londres e Joanesburgo, custando aproximadamente R$ 2.100,00
  • Fizemos novamente a busca de passagens, só que dessa vez selecionando a opção “múltiplos destinos”. Em vez de buscarmos Rio -> Cidade do Cabo, acrescentamos os destinos trecho a trecho, conforme a imagem abaixo
  • Para fazer essa busca trecho a trecho, clicamos na opção múltiplos destinos/ várias cidades.
  • Ao fazer a busca acima, o novo valor foi de R$ 5.500, quase o triplo do preço. Nada feito.
  • Ao selecionar a opção de múltiplos destinos, o valor total deverá sofrer alterações se comparado com a busca inicial (ida e volta ou só ida).  O que influenciará o preço é a quantidade de destinos que se está acrescentando, ou ainda o tempo de permanência em cada destino. E é aí que entram os quesitos tempo e paciência…
  • Após 3 dias de busca e milhares de combinações diferentes, finalmente fizemos essa busca:
  • Voilà! Os mesmos R$ 2.100,00 do voo Rio – Cidade do Cabo. Conseguimos manter o preço da passagem original, mas fazendo duas paradas: 9 dias em Madri e 5 dias em Johanesburgo. Fechado!

Poderíamos ficar 15 dias em Madri? Não, pois ficava mais caro. E um stopover em Londres? Nem pensar, dobro do preço. E uma semana em Johanesburgo? Negativo. E…? E…? Esquece, foi essa a única opção que achamos pelo mesmo preço.

Gostando do post? Então curta nossa página do Facebook e fique por dentro das nossas dicas de viagem!

em algum lugar do mundo no facebook

Quais as vantagens do stopover?

Economia e conforto. Além de acrescentar um novo destino ao seu roteiro sem pagar nada mais por isso, “quebrar” o voo com stopover pode tornar a viagem muito menos cansativa, principalmente em voos mais longos. Afinal o que é melhor? Levar mais de 30 horas pra chegar na Cidade do Cabo ou passar 9 dias curtindo a Espanha sem ter que comprar outra passagem?

E desvantagens, tem?

A única coisa ruim do stopover é que, se você economiza em dinheiro, você gasta muito em tempo e em paciência. São horas, muitas vezes dias de busca até conseguir achar a passagem ideal, com o menor preço, pro destino que você quer.

Incluir um destino no seu roteiro sem pagar nada é uma ideia genial, mas dá um certo trabalho. Porém, com disposição e tempo pra pesquisar, é totalmente possível.

Dá um certo trabalho conseguir uma passagem com stopover, mas sem dúvidas vale a pena!

Quer mais dicas de viagem? Então confira esses posts:

Preparado pra buscar a passagem da sua próxima viagem? Que destinos você incluiria no seu roteiro sem ter que pagar a mais por isso?

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Você também pode gostar de ler:

12 comentários em “STOPOVER: O QUE É E COMO FAZER”

  1. Rodrigo Rodrigues De Andrade disse:

    tb vou dazer isso,mas gostaria de tirar uma duvida sobre a imigração na espanha,mesmo indo pra cidade do cabo a exigência na imigração de madrid é a mesma pra quem vai ficar direto? como é?

    1. Caio Farias disse:

      Olá Rodrigo! Bom, não vimos nenhuma diferença na imigração. Passamos pelos oficiais, com passaporte, carimbaram o nosso passaporte e seguimos para a cidade. Tivemos um contratempo no embarque no Brasil pois o funcionário da companhia aérea, acredito que mal informado (não fez por mal), nos exigiu uma passagem de volta da Espanha para o Brasil e não tínhamos isso, nossa saída da Espanha era para Cape Town. Então tivemos que elaborar um documento escrito a mão nos responsabilizando caso tivéssemos algum problema na Espanha. Mas na entrada lá, tudo normal.

  2. Erika Silva disse:

    Oi Adriana, nao entendi muito na pratica como eu faço.
    Eu seleciono as datas e lugares q eu gostaria de ir e qdo presquiso ele dã a opçao stopover?
    Eu quero ir p GRU-TLS, TLS-FAO, OPO-GRU.
    Coloco a data inicial e final q quero incluindo todas as cidades ou coloco direto GRU-TLS, OPO-GRU com a data media e espero a sugestao de stopover p acrescentar os dias a mais?
    obrigada
    ERika

  3. Jana disse:

    Boa Tarde! Gostaria de saber como faço com as malas? Eu as retiro normalmente?

    1. Caio Farias disse:

      Oi Jana, retira normalmente! As malas ficam com você e no próximo embarque você despacha novamente!
      Abs,

  4. NAIARA SILVA disse:

    Parabéns muito clara sua explicação! Mas me surgiu uma dúvida com relação a volta estou a procura de uma passagem para Lisboa com stopover em Paris

  5. Pessoallll!!! Que bacana essa dica!!! Adorei!
    Muito obrigada por compartilhar!
    Já ganharam mais uma fã!
    Valeu!
    ;o)

    1. Caio Farias disse:

      Olá Lilian, que bom que gostou! Muito obrigado pela mensagem!! Abs e boas viagens!

  6. viviane disse:

    Olaaa!! Estou preparando minha primeira viagem com stopover(por isso o atraso no post..rs). Minha dúvida é como comprar o bilhete quando são várias companhias que participam do trajeto? uma companhia é responsavl por emitir o bilhete ou tenho que entrar em todas e emitir separadamente?

    1. Adriana disse:

      Oi Viviane! Tudo bem? Nesse caso de várias cias participando do trajeto, você deve fechar sua passagem através de um buscador (skyscanner por exemplo). Na busca, você deve selecionar a opção “várias cidades” ou “múltiplos destinos”. O próprio buscador já faz uma combinação das cias aéreas para os diferentes trechos. Espero ter ajudado! Um abraço 🙂

  7. Aracy disse:

    oLÁ,

    Com stopover, como fica a hospedagem? o preço da passagem apresentada inclui ou não a hospedagem?

    1. Caio Farias disse:

      Olá, Aracy. A hospedagem é a parte. Os valores apresentados só levam em consideração o vôo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

O carnaval acabou! E agora? Onde você queria estar nesse momento? A gente: Playa Hermosa na Costa Rica!#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica

Uma nova amizade! Conheçam Zuleide, uma tartaruguinha verde que conheci hoje no mar de Arraial do Cabo! Ficamos ali um tempinho batendo um papo sobre como está o mundo hoje… a maré tá boa por aí?A propósito: o mar de Arraial do Cabo continua assim, lindo!
#dive #emalgumlugardomundo #seasheperd #mergulho

Imagina acampar em um lugar assim? ?️ Pois nós dormimos 3 noites em uma dessas cabanas e foi in-crí-vel!Na verdade não se trata de um camping em si. Essa é um tipo de acomodação mais básica, que encontramos no @selina em La Fortuna, na Costa Rica.
Mas apesar de parecer uma “simples” barraca, ela tinha uma cama super confortável e era tão estilosa por dentro como por fora.
O melhor: o preço era mais baixo do que o de um quarto comum, sem deixar nada a desejar no quesito conforto. E a gente podia usar toda a dependência do hotel, incluindo piscina, cozinha… E vc, passaria uma noite numa cabana dessas?

COSTA RICA NÃO É SÓ PRAIA!
Se vc acha que o país (que por sinal é um dos lugares mais biodiversos do mundo) tem só belas praias a oferecer, dá uma espiada nessa beleza.
Uma das cachoeiras mais bonitas que visitamos na Costa Rica foi a Catarata Rio Fortuna, com nada menos que 75 metros de queda d’água.E para se banhar nessa maravilha, é preciso encarar uns 500 degraus de escadaria. Dica: desça na maior empolgação pra dar um mergulho nessa belezura e deixa pra sofrer na volta ?
Nós fomos não época de chuvas e mesmo assim a água estava linda!
O que pode acontecer nessa época é que, devido ao grande volume de água, o mergulho na piscina principal seja proibido por questões de segurança. Mas dá pra se banhar logo adiante, no rio formado pela cachoeira. Então tá valendo o “esforço” de qualquer jeito!E vc, tb curte uma cachoeira ou prefere mesmo uma praia?#costarica #lafortuna #emalgumlugardomundo #nature #waterfall

? ??Viajar pela Costa Rica de carro foi uma das melhores aventuras que vivemos!
A gente ama a liberdade de dirigir pelo desconhecido, fazer as coisas do nosso jeito, no nosso tempo.
Sabiamos que não iríamos muito longe alugando um carro comum, porque algumas estradas por lá são impraticáveis – então já fechamos num 4×4 da @nomad_america pra não ter erro. E gente, não é em qualquer lugar que a gente pode alugar um carro com barraca de camping e dormir em uma praia deserta, né? ?️?️ E foi assim que cruzamos rios e acampamos em lugares incríveis – tudo isso vivenciando uma conexão incrível com a natureza selvagem desse país que tanto nós surpreendeu ?

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!