Stopover: o que é e como fazer | Em Algum Lugar do Mundo

STOPOVER: O QUE É E COMO FAZER

Saiba como acrescentar um destino na sua viagem e estender o tempo de conexão do voo por alguns dias, sem pagar nada a mais por isso!

  • Adriana
  • -
  • 3 de agosto de 2019
  • 12 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Atualizado em 19 de abril de 2017.

Se tem uma palavrinha que faz nossos olhos brilharem, é essa tal de stopover. Afinal, quem não quer viajar, conhecer mais lugares e não ter que pagar por isso? O termo em inglês é usado pra definir uma escala que seu voo vai fazer, permitindo que você desembarque em uma cidade no meio do caminho e siga viagem dias ou semanas depois – com suas bagagens e sem pagar um real a mais por isso!

Nós já incluímos alguns destinos em nosso roteiro graças ao stopover. Um bom exemplo foi logo no começo da nossa viagem: nosso destino inicial era África do Sul. Porém, graças ao stopover, passamos 10 dias na Espanha – e não gastamos um centavo extra para fazer essa parada na Europa.

Ficou interessado? Confira aqui as dicas e um passo a passo sobre como fazer um stopover e adicionar um destino nas suas próximas férias!

Mas afinal, o que é stopover?

Em poucas palavras, stopover nada mais é do que estender seu tempo de conexão em um voo, retirando suas malas e fazendo pernoite(s) nesse país de parada. Ou seja, quando sua passagem permite desembarcar e passar uns dias no país de conexão, sem nenhum custo adicional.

E como fazer um stopover? Por onde eu começo?

Passo 1: definir seu destino final

Entendido o conceito do que é stopover, vamos à prática e entender como funciona o stopover. Pra começar sua busca, você precisa definir qual destino final da sua viagem e buscar todas as opções de voos do seu ponto de origem até o destino.

Como fazer stopover - foto avião
Cias aéreas podem oferecer stopover em seu país de origem

O grande lance é: muitas companhias nacionais oferecem o stopover em capitais do seu país de origem. Por exemplo, a Lufthansa oferece stopover em Frankfurt, a Air France em Paris, assim como a Emirates em Dubai, a TAP em Lisboa, e por aí vai. Isso significa que, se você planeja sair de São Paulo e passar as próximas férias em Bangkok, poderá voar de Emirates e dar uma paradinha em Dubai, por exemplo.

Definido seu destino final, vamos ao próximo passo: busca de passagens.

Passo 2: pesquisar passagens com stopover

Para fazer a busca de passagens com stopover, o mais indicado é usar sites de busca. Existem diversos sites para fazer essa pesquisa, todos eles irão te mostrar as opções de cias aéreas que fazem o trajeto que você está buscando.

O que nós mais usamos e consideramos nosso ponto de partida na busca de passagens aéreas é o Momondo. Ele é o nosso preferido, pois geralmente apresenta os melhores preços.

Mas antes de fechar no Momondo, procuramos estender a pesquisa pra outros sites como Skyscanner ou Submarino Viagens, já que muitas vezes eles trazem resultados diferentes.

Alternativamente, você pode realizar a busca diretamente no site da cia aérea, porém pra pesquisa inicial usamos os sites de busca, já que eles mostram todas as opções de empresas.

Passo 3: fazer simulação de voos

Vá até o Momondo ou outro buscador e faça a busca inicial de um voo ida ou ida/volta pro destino escolhido.

Tome nota de todos os voos com escalas. Anote as cidades onde as escalas são realizadas.

Como fazer stopover - quadro de voos
Entenda o seu vôo

Dica: seja flexível com as datas de ida/volta. As opções de escalas e voos variam de acordo com a data pesquisada.

Passo 4: definir sua rota

Agora que você já definiu destino final, anotou as possíveis escalas e já tem ideia dos preços de voos ida/volta, o próximo passo é fazer a pesquisa por “múltiplos destinos”.

Com fazer stopover - Rota de viagem
Plano de viagem

Pegue suas anotações e jogue para o site de buscas, definindo seu ponto de origem e adicionando as demais cidades como os próximos destinos.

Dicas:

  • Mais uma vez, seja flexível com as datas de viagem na busca de multi-destinos. Às vezes um único dia a mais (ou a menos) pode alterar o valor final da passagem.
  • Seja flexível também com as opções de escala. Se o trajeto ficou muito caro, experimente retirar uma escala. Outra opção é simular outros destinos de escala. Muitas vezes um país pode parecer “nada a ver” e total fora de rota do seu destino final, mas ele pode ser uma rota importante daquela cia aérea, significando uma oferta de passagem barata.

Veja também: Como economizar para sua próxima viagem – 7 passos para um planejamento financeiro para viajar. 

Stopover na prática: veja nosso exemplo

Ainda tá achando confuso essa história de adicionar um destino de graça no seu roteiro? Se liga aqui no nosso exemplo e veja o nosso passo-a-passo na prática, que seguimos para comprar nossa passagem Rio – Cidade do Cabo, com stopover em Madrid:

  • Decidimos que, ao sair do Rio de Janeiro, nosso destino era Cidade de Cabo, na África do Sul.
  • Primeiro fizemos uma busca simples de passagens só de ida para o trajeto Rio – Cidade do Cabo.
  • Descartamos os voos diretos e os mais caros, Anotamos as opções mais baratas, com uma ou mais escalas.  Exemplificando, a opção mais em conta na época da compra foi o voo Rio – Cidade do Cabo, com escalas em Madri, Londres e Joanesburgo, custando aproximadamente R$ 2.100,00
  • Fizemos novamente a busca de passagens, só que dessa vez selecionando a opção “múltiplos destinos”. Em vez de buscarmos Rio -> Cidade do Cabo, acrescentamos os destinos trecho a trecho, conforme a imagem abaixo
  • Para fazer essa busca trecho a trecho, clicamos na opção múltiplos destinos/ várias cidades.
  • Ao fazer a busca acima, o novo valor foi de R$ 5.500, quase o triplo do preço. Nada feito.
  • Ao selecionar a opção de múltiplos destinos, o valor total deverá sofrer alterações se comparado com a busca inicial (ida e volta ou só ida).  O que influenciará o preço é a quantidade de destinos que se está acrescentando, ou ainda o tempo de permanência em cada destino. E é aí que entram os quesitos tempo e paciência…
  • Após 3 dias de busca e milhares de combinações diferentes, finalmente fizemos essa busca:
  • Voilà! Os mesmos R$ 2.100,00 do voo Rio – Cidade do Cabo. Conseguimos manter o preço da passagem original, mas fazendo duas paradas: 9 dias em Madri e 5 dias em Johanesburgo. Fechado!

Poderíamos ficar 15 dias em Madri? Não, pois ficava mais caro. E um stopover em Londres? Nem pensar, dobro do preço. E uma semana em Johanesburgo? Negativo. E…? E…? Esquece, foi essa a única opção que achamos pelo mesmo preço.

Gostando do post? Então curta nossa página do Facebook e fique por dentro das nossas dicas de viagem!

em algum lugar do mundo no facebook

Quais as vantagens do stopover?

Economia e conforto. Além de acrescentar um novo destino ao seu roteiro sem pagar nada mais por isso, “quebrar” o voo com stopover pode tornar a viagem muito menos cansativa, principalmente em voos mais longos. Afinal o que é melhor? Levar mais de 30 horas pra chegar na Cidade do Cabo ou passar 9 dias curtindo a Espanha sem ter que comprar outra passagem?

E desvantagens, tem?

A única coisa ruim do stopover é que, se você economiza em dinheiro, você gasta muito em tempo e em paciência. São horas, muitas vezes dias de busca até conseguir achar a passagem ideal, com o menor preço, pro destino que você quer.

Incluir um destino no seu roteiro sem pagar nada é uma ideia genial, mas dá um certo trabalho. Porém, com disposição e tempo pra pesquisar, é totalmente possível.

Dá um certo trabalho conseguir uma passagem com stopover, mas sem dúvidas vale a pena!

Quer mais dicas de viagem? Então confira esses posts:

Preparado pra buscar a passagem da sua próxima viagem? Que destinos você incluiria no seu roteiro sem ter que pagar a mais por isso?

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Você também pode gostar de ler:

12 comentários em “STOPOVER: O QUE É E COMO FAZER”

  1. Rodrigo Rodrigues De Andrade disse:

    tb vou dazer isso,mas gostaria de tirar uma duvida sobre a imigração na espanha,mesmo indo pra cidade do cabo a exigência na imigração de madrid é a mesma pra quem vai ficar direto? como é?

    1. Caio Farias disse:

      Olá Rodrigo! Bom, não vimos nenhuma diferença na imigração. Passamos pelos oficiais, com passaporte, carimbaram o nosso passaporte e seguimos para a cidade. Tivemos um contratempo no embarque no Brasil pois o funcionário da companhia aérea, acredito que mal informado (não fez por mal), nos exigiu uma passagem de volta da Espanha para o Brasil e não tínhamos isso, nossa saída da Espanha era para Cape Town. Então tivemos que elaborar um documento escrito a mão nos responsabilizando caso tivéssemos algum problema na Espanha. Mas na entrada lá, tudo normal.

  2. Erika Silva disse:

    Oi Adriana, nao entendi muito na pratica como eu faço.
    Eu seleciono as datas e lugares q eu gostaria de ir e qdo presquiso ele dã a opçao stopover?
    Eu quero ir p GRU-TLS, TLS-FAO, OPO-GRU.
    Coloco a data inicial e final q quero incluindo todas as cidades ou coloco direto GRU-TLS, OPO-GRU com a data media e espero a sugestao de stopover p acrescentar os dias a mais?
    obrigada
    ERika

  3. Jana disse:

    Boa Tarde! Gostaria de saber como faço com as malas? Eu as retiro normalmente?

    1. Caio Farias disse:

      Oi Jana, retira normalmente! As malas ficam com você e no próximo embarque você despacha novamente!
      Abs,

  4. NAIARA SILVA disse:

    Parabéns muito clara sua explicação! Mas me surgiu uma dúvida com relação a volta estou a procura de uma passagem para Lisboa com stopover em Paris

  5. Pessoallll!!! Que bacana essa dica!!! Adorei!
    Muito obrigada por compartilhar!
    Já ganharam mais uma fã!
    Valeu!
    ;o)

    1. Caio Farias disse:

      Olá Lilian, que bom que gostou! Muito obrigado pela mensagem!! Abs e boas viagens!

  6. viviane disse:

    Olaaa!! Estou preparando minha primeira viagem com stopover(por isso o atraso no post..rs). Minha dúvida é como comprar o bilhete quando são várias companhias que participam do trajeto? uma companhia é responsavl por emitir o bilhete ou tenho que entrar em todas e emitir separadamente?

    1. Adriana disse:

      Oi Viviane! Tudo bem? Nesse caso de várias cias participando do trajeto, você deve fechar sua passagem através de um buscador (skyscanner por exemplo). Na busca, você deve selecionar a opção “várias cidades” ou “múltiplos destinos”. O próprio buscador já faz uma combinação das cias aéreas para os diferentes trechos. Espero ter ajudado! Um abraço 🙂

  7. Aracy disse:

    oLÁ,

    Com stopover, como fica a hospedagem? o preço da passagem apresentada inclui ou não a hospedagem?

    1. Caio Farias disse:

      Olá, Aracy. A hospedagem é a parte. Os valores apresentados só levam em consideração o vôo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Ahh Costa Rica! Essa é uma formação natural que parece a cauda de uma baleia –  e o local de chama Parque Nacional Marino Ballena.
Tudo bem, já sabemos que o nome do parque veio desse formato. Mas quem explica a “coincidência” desse local ser o melhor ponto do país para  para o avistamento de baleias? 🤔#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica #baleiajubarte

Pura Vida!Mal desembarcamos na Costa Rica e já começamos a ouvir a expressão por todos os cantos. Embora não tenha uma tradução exata, essa é uma forma de cumprimentar, de dizer olá, tchau – ou qualquer coisa que tenha uma intenção positiva – dá pra usar de diversas formas!A nossa conclusão é que “Pura Vida” é essa coisa boa que você sente ao chegar por aqui e que te faz ficar sorrindo o tempo todo. É como encostar o carro em uma praia deserta, assistir o por do sol e dormir por ali mesmo, ao som dos macacos, com o barulho das ondas. Bem do jeitinho que a gente fez nesse dia!#emalgumlugardomundo #costarica #puravida #visitcostarica #destinosimperdiveis

O Parque Nacional Corcovado é um dos lugares menos explorados da Costa Rica – e até agora um de nossos destinos preferidos no país!A natureza aqui ainda é selvagem e é possível avistar araras, tucanos, macacos, bichos preguiça, quatis, antas… a lista é extensa!
E como se não bastasse a diversidade animal, tem essa praia de areia escura bem intocada. A constante névoa na praia dá um ar de paraíso perdido nesse lugar.Essa viagem pra Costa Rica tá tendo um cenário mais lindo que o outro! Estamos amando!!! #emalgumlugardomundo #costarica #corcovadonationalpark #visitcostarica

Ainda encantados com o lado do Caribe da Costa Rica!
Sem dúvidas, Punta Uva foi uma das praias mais bonitas das bandas de lá – pelo menos foi a nossa preferida!Agora estamos no lado do Pacífico. Estamos mostrando tudo no stories e já já vamos postar as fotos daqui!

A felicidade de quem estacionou o quarto do hotel e vai dormir em frente a praia no Caribe costa riquenho! Valeu @nomad_america !#emalgumlugardomundo #costarica #puntauva #destinosimperdiveis #visitcostarica

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!