Turismo no Zimbábue - Guia de Viagem - EM ALGUM LUGAR DO MUNDO

ZIMBÁBUE

#emalgumlugardomundo

O Zimbábue é um país fascinante. Com um patrimônio natural e cultural imenso para se explorar, o turismo no Zimbábue é promissor: a região possui diversas ruínas, parques nacionais, além – é claro – das belíssimas cataratas Victoria.

Contudo, para explorar o local da melhor forma, é preciso ficar atento com algumas situações. Por isso, confira neste guia tudo o que você precisa saber para que sua viagem para o Zimbábue seja segura e tranquila. Aproveite!

turismo no Zimbábue - Victoria Falls
Victoria Falls, um mundo de água

Um breve resumo sobre o Zimbábue

Geografia

O Zimbábue está localizado no sul do continente africano, mais precisamente entre os rios Zambeze e Limpopo. O país faz fronteira com a Zâmbia, Moçambique, África do Sul e Botsuana.

História

A região foi colônia britânica na década de 1890 e, em 1923, se tornou autônoma, formando a Rodésia do Sul. Durante 15 anos a região sofreu isolamento internacional e viveu uma guerra interna entre forças nacionalistas negras e brancas.

Atualmente, o país vive em uma ditadura de partido único, que surgiu em 1987.

Economia

Desde a década de 90, Zimbábue tem estado em declínio econômico, passando por várias crises e hiperinflação.

Por conta disso, o dólar zimbabueano foi suspenso pelo governo e o país passou a aceitar várias moedas, como o dólar americano e o rand sul-africano. Com a crise econômica, a produção agrícola, que é a atividade mais importante do país, diminuiu muito.

Religião

No Zimbábue, em torno de 80% da população é considerada cristã, sendo que 63% é protestante e somente 9% é católica. Porém, uma boa parte da população segue uma religião tradicional africana.

Turismo

Sem dúvidas, a maior atração do turismo no Zimbábue são as Victoria Falls, a maior queda d’água do mundo. Mas além dessa atração, você ainda pode visitar algumas ruínas e fazer alguns safáris incríveis pelo país.

turismo no Zimbábue - aérea Victoria Falls
A gente dá um jeito né? mesmo que de longe!

Informações úteis sobre o Zimbábue

Dinheiro

A moeda oficial do Zimbábue é o dólar americano, que substituiu o dólar zimbabueano, desmonetizado em 2015.

Eletricidade

Assim como na maior parte dos países africanos, a voltagem no Zimbábue é de 220V, O país possui dois formatos de tomada, que são do tipo D (padrão Índia) e tipo G (padrão Reino Unido). Sendo assim, o ideal é que você leve um adaptador universal em sua viagem para o Zimbábue.

Vistos

Brasileiros que embarcam em uma viagem para o Zimbábue a turismo precisam de visto. A solicitação pode ser feita na entrada do país. O custo gira em torno de $30 a $55 dólares e o processo é feito diretamente com o oficial de imigração.

Segurança e saúde

Muitos países africanos são conhecidos por serem extremamente violentos, o que não é exatamente a realidade do Zimbábue. No entanto, é preciso ficar atento ao andar à noite nos centros urbanos.

Durante sua temporada de turismo no Zimbábue, é muito provável que você esbarre com policiais corruptos, que chegam ao ponto de extorquir turistas nos postos de controle nas estradas. Você também pode encontrar alguns “espertos” nos comércios das cidades, além de taxistas que podem cobrar algo além do valor correto.

Para entrar no país, é exigido o certificado de vacinação internacional contra febre amarela. Embora não seja obrigatório, é recomendado também vacinas contra hepatite A, febre tifoide e encefalite japonesa. A malária é uma das doenças mais comuns no país, portanto, informe-se sobre prevenção da malária antes de embarcar em uma viagem para o Zimbábue.

A doença que mais mata a população é a AIDS: cerca de 15 a 20% da população está infectada com o vírus HIV, sendo a sexta taxa mais alta do mundo.

É extremamente recomendado fazer um seguro antes de embarcar em sua viagem para a Namíbia. Para isso, sugerimos pesquisar preços no site da Segurospromo. Aproveite para usar nosso código EMALGUMLUGAR5 e ganhar 5% de desconto.

Seguros Promo

Idioma(s)

Por ser uma colônia britânica, o Zimbábue acabou adotando o inglês como uma de suas línguas oficiais. Porém, a maior parte da população fala as línguas Shona e Ndebele. Por isso, o Parlamento acabou nomeando em torno de 16 línguas como os idiomas oficiais do país.

Festivais e eventos

Festividade Nacional de Zimbábue | No dia 18 de abril é comemorado o dia da independência do país, onde as pessoas saem às ruas para participar de diferentes desfiles e eventos.

Dia da África | O dia 25 de maio é a comemoração oficial do Dia da África e é celebrado como um feriado em alguns países africanos como o Zimbábue.

Turismo no Zimbábue: o que ver e fazer

Victoria Falls| Em Victoria Falls você terá a oportunidade de conhecer a maior queda d’água do mundo. As cataratas estão na lista das 7 maravilhas naturais do planeta. E se você gosta de aventura, não pode deixar de fazer um passeio de rafting, um mergulho em Devil`s Pool (que fica do lado de Zambia das cataratas) ou pular de bungee jump.

turismo no Zimbábue - Rainbow Falls
Rainbow Falls ou Cascata Arco-Íris, se tiver sol, ele sempre estará lá!

Harare | A cidade é a capital do Zimbábue e, por isso, acaba sendo mais moderna do que as demais. Entre os pontos turísticos mais visitados da região estão o Museu Nacional Rainha da Vitória e a Catedral Anglicana.

turismo no Zimbábue - Harare
A capital Harare

Bulawayo | Na região de Bulawayo existem lugares fantásticos para visitar. Um deles é a Reserva Tshabalala, de onde você pode fazer excursões para observar vidas selvagens. Além disso, você não pode deixar de visitar as Ruínas Khami e Dhlo-Dhlo, que apresentam figuras de marfim que foram construídas pelas civilizações mais remotas.

Quer saber mais sobre safari? É possível fazer um safari combinando o Zimbábue com diferentes países do sul da África – tudo na mesma viagem. Confira o post que escrevemos com tudo que você precisa saber sobre um safari na África.

Acomodação no Zimbábue

Em Harare, o lugar mais recomendado para se hospedar é na parte nova da cidade. Em acomodações mais luxuosas, a diária para duas pessoas custa em torno de R$ 990,00 e, nas mais simples, é possível pagar cerca de R$ 347,00.

Para quem vai visitar Victoria Falls, prepare-se para pagar um valor alto na hospedagem, mas considere o centro como a melhor área para se hospedar. Em acomodações mais luxuosas, a diária mínima é de R$ 1.490,00 e em hospedagens mais modestas você consegue pagar cerca de R$ 231,00.

Transporte no Zimbábue

Não existem voos diretos do Brasil para a capital Harare. Portanto, para chegar no Zimbábue é preciso voar de Joanesburgo, principal cidade da África do Sul. Companhias como Latam e South African voam direto para esse destino.

Chegando a Joanesburgo você tem algumas opções para ir até ao Zimbábue. As companhias South African, Airlink, Kulula e Fastjet fazem o trajeto direto até a cidade de Harare. Normalmente nós fazemos pesquisa de preços e compramos passagens pelos sites Skyscanner e Momondo.

Existe a opção de viajar de ônibus de Joanesburgo até Harare. No entanto, a viagem é bastante longa, chegando a durar quase 18 horas na estrada. A passagem custa cerca de R$ 360,00. Uma das empresas que faz esses percursos é a Intercape.

Você poderá usar ônibus ou trem para se locomover entre as cidades. Porém, são percursos longos, cansativos e desconfortáveis. As viagens de deslocamento podem durar mais de 15 horas.

Existem também opções de tours feitos por agências especializadas, que fazem os trajetos de caminhão. Geralmente a agência se responsabiliza pela hospedagem e transporte entre os destinos. Nós visitamos o Zimbábue com a empresa Nomad Tours, e recomendamos.

Dentro de algumas cidades, você pode usar o serviço de táxi para se locomover de um local ao outro. O custo não é alto e acaba sendo mais confortável. Não recomendamos o transporte público por sua precariedade.

Quando ir para o Zimbábue

O melhor período para fazer turismo no Zimbábue é de maio a outubro, que é considerado inverno na região. Durante o dia o clima é ameno e, à noite, a temperatura cai um pouco, mas nada que incomode.

A época chuvosa fica entre os meses de novembro a março. Nesse período, as chuvas são intensas e fortes o que pode prejudicar a sua viagem. Portanto, é uma temporada que deve ser evitada.

O que levar na mala em uma viagem para o Zimbábue

Na hora de preparar a mala, o mais recomendado é priorizar as roupas mais leves para enfrentar o calor e a umidade da região. Se você for no período de inverno, precisa levar um casaco e algumas peças confortáveis.

Para se proteger dos mosquitos, é adequado usar calças e camisas de manga longa. Escolha tons neutros como marrom e cinza e evite a cor preta, que pode atrair mais insetos.

Repelentes e protetor solar são itens indispensáveis para usar no Zimbábue. Além disso, é fundamental levar um kit de primeiros socorros para lidar com os imprevistos. Não se esqueça de levar tênis para fazer longas caminhadas na região.

O que comer no Zimbábue

A culinária do Zimbábue recebeu influência da gastronomia britânica, já que o país foi colonizado pelo Reino Unido. No entanto, é possível perceber a presença da culinária africana em seus cardápios. Confira os principais pratos do país.

Sadza | Esse prato é parecido com um mingau, mas vem acompanhado com legumes. Ele se assemelha mais a um purê, e pode ser feito de milho ou arroz.

Porridge | O porridge é uma versão do sadza, só que no sabor doce. Este tipo de mingau é mais comum ser servido no café da manhã.

Mopane Worms | Uma das iguarias mais populares do país, mopane warms é uma espécie de carne de lagarta que é cultivada na região. Pode ser servido como petisco, como um acompanhamento ou frito com tomate.

Matembo | O matembo é basicamente peixe cru, que é sempre servido com um molho.

Mashakada | A mashakada é um tipo de arroz integral que é cozido na manteiga de amendoim.

Aproveite:

Lonely Planet Sul da África

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

ZIMBÁBUE: Explore

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

E tem forma melhor de terminar o dia?Um por do sol mais lindo que o outro na Costa Rica ❤️☀️ Se por aqui tem vida noturna, a gente desconhece. Estamos despencando da cama cedo todos os dias pra aproveitar cada raio de sol, cada grão de areia, cada gota de chuva (sim, continua chovendo todo dia! Mas passa rápido) e cada segundo pura vida que estamos tendo nesse país incrível!
E eu (Dri) que não curto acordar muito cedo, tenho levantado com sorrisão na cara todo dia. Delícia de lugar!!

Costa Rica é daqueles destinos que faz você se sentir uma grãozinho no universo – e essa sensação é gigante de boa!!!
⠀
As raízes dessas árvores parecem medir uns 2 metros, e parece que elas formam um labirinto no solo. É difícil descrever, mas é muito fácil se conectar com a natureza nesse lugar. Que paz! 🍃 🙏

Ahh Costa Rica! Essa é uma formação natural que parece a cauda de uma baleia –  e o local de chama Parque Nacional Marino Ballena.
Tudo bem, já sabemos que o nome do parque veio desse formato. Mas quem explica a “coincidência” desse local ser o melhor ponto do país para  para o avistamento de baleias? 🤔#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica #baleiajubarte

Pura Vida!Mal desembarcamos na Costa Rica e já começamos a ouvir a expressão por todos os cantos. Embora não tenha uma tradução exata, essa é uma forma de cumprimentar, de dizer olá, tchau – ou qualquer coisa que tenha uma intenção positiva – dá pra usar de diversas formas!A nossa conclusão é que “Pura Vida” é essa coisa boa que você sente ao chegar por aqui e que te faz ficar sorrindo o tempo todo. É como encostar o carro em uma praia deserta, assistir o por do sol e dormir por ali mesmo, ao som dos macacos, com o barulho das ondas. Bem do jeitinho que a gente fez nesse dia!#emalgumlugardomundo #costarica #puravida #visitcostarica #destinosimperdiveis

O Parque Nacional Corcovado é um dos lugares menos explorados da Costa Rica – e até agora um de nossos destinos preferidos no país!A natureza aqui ainda é selvagem e é possível avistar araras, tucanos, macacos, bichos preguiça, quatis, antas… a lista é extensa!
E como se não bastasse a diversidade animal, tem essa praia de areia escura bem intocada. A constante névoa na praia dá um ar de paraíso perdido nesse lugar.Essa viagem pra Costa Rica tá tendo um cenário mais lindo que o outro! Estamos amando!!! #emalgumlugardomundo #costarica #corcovadonationalpark #visitcostarica

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!