Ilha de Bali: 15 coisas imperdíveis para fazer na famosa ilha da Indonésia | Em Algum Lugar do Mundo

ILHA DE BALI: 15 PASSEIOS IMPERDÍVEIS + DICAS DE VIAGEM

Confira uma lista com o que há de imperdível na ilha mais conhecida da Indonésia.

  • Caio
  • -
  • 15 de setembro de 2019
  • 11 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Já falamos por aqui que há muito o que fazer em Bali além de curtir suas belas belas praias. Claro que o cenário paradisíaco de ondas perfeitas é uma das marcas registradas da ilha de Balii, mas há muito mais para curtir nesse lindo destino da Indonésia: campos de arroz, florestas tropicais, vulcões, lindos templos religiosos… A lista é extensa!

Sim, há beleza por todos os lados e a ilha de Bali é realmente grande: leva-se no mínimo 3 horas de carro pra percorrê-la de norte a sul, sem contar com o trânsito – que é pesado por aqui. Por isso, é legal se planejar e escolher as atrações que não podem ficar de fora do seu roteiro.

E se você está sonhando com esse destino incrível, resolvemos facilitar sua vida: confira essa lista com tudo o que fazer em Bali, com 15 atrações que não podem ficar de fora do seu roteiro. Também daremos várias dicas para você planejar uma viagem incrível para a Ilha de Bali.

Dicas de Bali: onde se hospedar

Antes de mostrarmos tudo o que fazer em Bali, vamos a uma dica super importante.

É importante você saber de antemão que a Ilha de Bali é bem grande: há praias para todos os lados e o trânsito é bem intenso.

Além disso, existem tantas ótimas opções de hospedagem em Bali que ficamos bem perdidos na escolha.

Devido a nossa dificuldade, nós escrevemos um post bem detalhado sobre onde ficar em Bali, mostrando tudo sobre as melhores regiões.

Mas de uma forma geral, você deverá fazer uma escolha básica: ficar perto das praias ou mais perto do centro cultural Ubud.

E se eu puder te dar o melhor conselho de todos, lá vai: se possível, divida sua viagem em duas partes e se hospede-se nas duas regiões. Assim você consegue curtir tanto o lado cultural como as praias da Ilha de Bali.

Dicas de hotel em Bali: nas praias

Para curtir uma praia mais relax/ hipster e com ótima infra-estrutura, dê uma olhada no FRii Bali Echo Beach em Canggu.

Pra ficar no meio do agito, a boa é buscar uma opção em Semyniak ou Uluwatu. Nós ficamos no Horison em Seminyak, que tem uma ótima localização. Mas você pode conferir também o Harmonius Surf Camp, que fica em Uluwatu e é muito bem recomendado.

Frii Bali Echo Beach. Foto: Divulgação

Dicas de hotel em Bali: em Ubud

Se você pretende ficar uns dias em Ubud (o que nós recomendamos fortemente), também irá achar muito lugar incrível. Um exemplo é a Tini Villa, a 5km do centro de Ubud.

Não deixe também de ver o Airbnb, com cada lugar que mais parece um sonho. Olha só essa casa que a gente ficou, no meio dos campos de arroz. E se você ainda não se cadastrou no Airbnb, cadastre-se agora e ganhe R$179 de desconto na sua primeira reserva!

Hospedagem Airbnb em Ubud. Foto: Divulgação

O que fazer em Bali: as 15 atrações imperdíveis

  1. Pôr do Sol no Uluwatu, Tanah Lot e praias
  2. Show de Kekak Dance
  3. Aula de surfe em Canggu
  4. Beach clubs em Seminyak
  5. Explorar Ubud
  6. Provar a culinária da ilha de Bali
  7. Praias paradisíacas: Nusa Dua, Nyang Nyang,  Pantai Tegal e Melasti (a nossa favorita)
  8. Explorar lugares abandonados
  9. Cachoeiras
  10. Campos de arroz
  11. Conhecer a arte de Bali
  12. Visitar templos hindus
  13. Nusa Penida, Nusa Lebongam e Gili Islands
  14. Yoga em Ubud
  15. Vulcões na ilha de Bali

1. Ver pôr do Sol no Uluwatu, Tanah Lot e praias

Vamos começar logo por um dos passeios em Bali mais clichê, daqueles que não pode faltar. Afinal de contas, como ir a Bali e não conferir o espetáculo do pôr do sol em algumas das praias mais famosas do mundo?

Há muitos lugares onde você pode apreciá-lo, mas nossos locais favoritos para assistir ao pôr do sol são: o Templo de Uluwatu e o Templo Tanah Lot.

15 coisas Ilha de Bali-2
O pôr do sol em Bali ‘é inesquecível!

Outras boas opções são na Praia Berawa, Praia de Batu Belig e nos belos campos de arroz em torno da área de Canggu. Se for acompanhado de uma Bintang bem gelada – a cerveja balinesa adorada por todos – fica melhor ainda!

2. Assistir a um show de Kekak Dance

Não vai demorar muito pra você perceber que o povo balinês ama dança. Em diversos lugares da Ilha de Bali nós nos deparamos com shows e rituais lindos, com dançarinos tradicionais usando fantasias espetaculares.

Uma das apresentações mais populares é o Kecak Dance Show, que acontece diariamente no Templo de Uluwatu, incluindo vistas panorâmicas sobre o oceano.

Dançarinos (todos homens) sentam-se em um círculo e fazem sons apenas com as bocas, enquanto as bailarinas fazem um show incrível, usando todas as partes de seus corpos, movendo os olhos e fazendo gestos lindos com as mãos.

Ilha de Bali
Show de Kekak Dance em Uluwatu

A performance ocorre todas as noites às 18h no Templo de Uluwatu. Confira também as performances do Ubud Palace do Water Temple, que fica na região de Ubud.

3. Aprender a surfar em Canggu – ou se aventurar em Uluwatu (para os mais experientes)

Quando as pessoas pensam na Ilha de Bali, certamente uma das primeiras lembranças que vem à mente é o surf. Não é à toa que o destino é famoso pelas suas ondas: as séries perfeitas atraem surfistas experientes e aprendizes de vários cantos do mundo.

Se você quer começar a se aventurar no esporte, Bali é o lugar certo. Mais precisamente em Canggu, uma praia que reúne diversas escolas de surfe.

O clima é tão gostoso que eu garanto: até quem nunca pensou em surfar vai se sentir tentado a experimentar.

Outra opção é na famosa praia de Kuta, mas nossa opinião é que preferimos Canggu.

15 coisas Ilha de Bali-3
Canggu é o point do surfe na ilha de Bali

Se você já tem experiência, encarar o crowd do Blue Point de Uluwatu, Green Bowl ou Nusa Dua pode ser seu sonho. 

4. Curtir um agito em um Beach Club em Seminyak

Se você é amante da natureza mas não dispensa um bom drinque e uma noitada, não se preocupe: a ilha de Bali é pra você. Sinta-se no paraíso em Seminyak: essa praia está repleta de restaurantes requintados e beach clubs.

Foto: Onono / CC BY-SA 2.0
Beach Clubs sempre agitados em Seminyak. Foto: Onono / CC BY-SA 2.0

São várias opções descoladas para curtir o lado badalação da ilha, como os famosos Potato Head e Ku De Ta. Todos os dias centenas de pessoas se reúnem por ali no fim de tarde para beber ao som de DJ’s e curtir um pôr-do-sol dos mais inesquecíveis de Bali.

5. Conhecer Ubud, a capital cultural de Bali

Longe do mar, localizada na região central da ilha de Bali, Ubud foi um dos passeios em Balo que mais gostamos de fazer.

Escrevemos um post completíssimo sobre Ubud, pois consideramos que Ubud merece um tempo maior para ser explorada.

ilha de bali
Ubud tem lindos templos hindus

Considerada a capital cultural de Bali, Ubud fica em meio à floresta. Essa região está repleta de lojinhas de artesanato, galerias de arte, deliciosos restaurantes de comida típica e cafés lotados de nômades digitais.

Há também spas perfeitos para uma massagem relaxante e diferentes retiros espirituais, ideais para mergulhar no universo da yoga.

Como se não bastasse tudo isso, nos arredores de Ubud ficam muitos dos mais famosos templos, campos de arroz e cachoeiras de Bali. Uma delícia de lugar com energia única!

Se possível, reserve 2 dias por aqui, principalmente se você for um amante das artes e da natureza. Você vai amar a vibe relaxante e os passeios entre cartões postais. 

6. Explorar a Culinária de Bali: do tradicional Nasi Goreng ao Healthy Food

Quase todos os países do Sudeste Asiático têm uma versão própria do arroz frito ou fried rice. Neste quesito, a Indonésia não é diferente: um dos pratos nacionais mais famosos e adorados pelos ocidentais que visitam Bali é o Nasi Goreng.

Feito na wok com vegetais, ovo e a proteína que você escolher, é sempre servido com o tradicional krupuk, um biscoitinho de camarão característico de Bali. Maravilhoso!

Experimente também a versão com o noodles, o Mie Goreng, e o tradicional Nasi Campur.

15 coisas Ilha de Bali-7
A comida indonésia é deliciosa!

Mas em Bali você acha comida para todos os gostos, principalmente se quiser opções saudáveis. Os pratos típicos são deliciosos, mas os negócios ocidentais que surgiram nas últimas décadas fizeram de Bali a capital da comida saudável.

E isso tem tudo a ver com o clima de surf e natureza de Bali. Delicie-se com bowls de frutas exóticas e saladas repletas de super alimentos. Se você é vegetariano, aqui será seu paraíso, com muitas opções de raw food e macrobiótica.

Se você quiser ir além, poderá fazer uma aula de culinária em Bali. A aula começa com uma visita a um mercado local, passando por uma plantação de arroz, até finalmente você preparar um prato local – e partir para degustação.

No blog Viajoteca você encontra uma lista com sugestões de onde comer na Ilha de Bali.

7. Visitar as praias paradisíacas da ilha: Nusa Dua, Nyang Nyang,  Pantai Tegal e Melasti (a nossa favorita)

Como já disse, a Ilha de Bali é bem grande. Para ver o melhor que esse paraíso tem para oferecer, é preciso se deslocar. Por isso, uma das melhores coisas para fazer em Bali é alugar uma scooter e ir atrás da praia do dia.

Um dia, você pode explorar a costa sudoeste: comece pela praia de Kuta e siga em direção oeste, passando por Legian, SemyniakCanggu. Encerre bem o dia em Tanah Lot, pra curtir o pôr do sol lindo que já falamos acima.

Ilha de Bali
Ilha de Bali
As praias paradisíacas da Indonésia

No dia seguinte, vá para o sul e explore todas as praias pelo caminho. Saindo de Kuta algumas belíssimas opções são: Nusa Dua, uma grande praia cheia de resorts, e Nyang Nyang, uma praia praticamente deserta com cavernas e recifes de coral banhados por águas azuis.

Aproveite também pra passar por Pantai Tegal, e não deixe de curtir Melasti Beach, nossa queridinha.

Ilha de Bali
Apreciando a vista das praias de Bali

Tem um dia extra? Então explore o lado nordeste, passando por Sanur, Keramas e White Sand Beach.

Aviso amigo: esteja preparado para subir e descer muitas colinas e ficar preso em engarrafamentos. Isso será compensado com vistas fantásticas, valerá a pena!

8. Explorar lugares abandonados

Se quiser um programa diferente e bem curioso, nós temos um para recomendar: explorar aviões e hotéis abandonados pela ilha, que nos deparamos por nossas andanças e explorações de scooter.

Descobrimos que estes se tornaram verdadeiros pontos turísticos bem ao estilo da série Lost. Os exemplos mais famosos são o Boeing 737, a apenas um quilômetro da praia de Pandawa – que está “aposentado” em um pequeno restaurante É no mínimo inusitado, para não dizer bizarro.

Um avião abandonado perto de Pandawa

9. Tomar banho de cachoeira

A Ilha de Bali é definitivamente um paraíso tropical. Em toda sua extensão você poderá encontrar alguma cachoeira, só perguntar para os balineses qual a mais próxima. O que conferimos é que as cachoeiras mais belas ficam na região de Ubud.

A principal e mais famosa é a Tegenungan. Uma queda d’água fortíssima emoldurada pela floresta, perfeita para um refresco em um dia quente. Apesar de normalmente ficar bem cheia de turistas, existem poços menores e mais reservados ao longo de seu rio.

Ilha de Bali
Cachoeira Tegenungan em Bali

Se quer aproveitar o passeio com mais calma, a cachoeira Git Git e a Kanto Lampo, quedas menos conhecidas, mas igualmente divertidas.

O casal do blog Monday Feelings escreveu um post ótimo falando das cachoeiras de Bali, confere lá!

10. Visitar campos de arroz

Bali não seria Bali sem seus magníficos campos de arroz Imagine apenas o visual de plantações verdinhas entre as colinas. Nada mal né?

Ilha de Bali
Tegalalang: campo de arroz em Ubud

Você pode encontrar arrozais com vistas panorâmicas de tirar o fôlego em toda a ilha de Bali, mas a maioria fica em áreas rurais em torno de Ubud, na parte central da ilha. Há também lindos campos nos arredores de Canggu, vale conferir.

Os terraços de arroz mais famosos são os de Tegalalang e Jatiluwih Rice Fields, a cerca de meia hora ao norte de Ubud, mas existem outros igualmente belos que podem ser explorados com uma scooter. No nosso guia de Ubud damos todos os detalhes para se perder em arrozais.

11. Conhecer a arte de Bali

Bali é mundialmente famosa por seu artesanato. A ilha é uma escola tradicional em esculturas de madeira, pintura e trabalho com metal. Não é à toa que muita gente ganha a vida revendendo as artes balinesas mundo afora, por preços exorbitantes.

Ilha de Bali
Esculturas de Budas de Mandeira

Aproveite então que você tá aqui para aprender mais sobre estes trabalhos, apreciar e comprar essas belezuras por um preço ótimo. Ubud e seus arredores podem ser também um paraíso para compras, só não esqueça de respeitar estes trabalhos sem deixar de praticar a barganha.

12. Visitar lindos templos Hindu

Acredite ou não, existem milhares de templos em Bali. Isso porque cada família relevante tinha seu próprio templo hindu, o que explica o grande número de construções religiosas de diferentes relevâncias.

Quando andávamos de scooter por Bali meio que sem destino, acabávamos achando uma belezura mais escondida. Às vezes tinha um templo em cada esquina!

Ilha de Bali
Pura Besaki à esquerda. À direita, de cima pra baixo: Tanah Lot, Ulwatu e Tirta Empul

Além dos já citados templos de Uluwatu e do Tanah Lot, há outros templos que você deve conferir de perto. Nos arredores de Canggu, não deixe de conferir o Tirta Empul – templo das águas sagradas.

Tem também o Goa Gajah – a zona arqueológica da caverna dos elefantes, o Saraswati e o Bedugul – cuja torre refletida no Lago Bratan é um dos principais cartões postais da ilha.

E se tiver um tempinho extra, vá até o Besakih, o templo mãe que fica mais ao norte da Ilha, considerado o mais sagrado de todos.

Não esqueça das regras de respeito para visitar estes lugares sagrados e cuidado com os macacos! É bom evitar objetos que os bichos possam puxar, como óculos escuros e celulares. Se não tiver um sarong à mão, não se preocupe pois em quase todos os templos é possível pegar um emprestado na entrada, gratuitamente.

13. Conhecer ilhas próximas – Nusa Penida, Nusa Lebongam e Gili Islands

Sabe aquele cartão postal perfeito de praias de areia branca e águas azuis? Pode ser que não seja uma fotografia da ilha de Bali propriamente, mas de alguma de suas pequenas ilhas vizinhas, com praias ainda mais belas.

Foto Gili Air: Niek van Son / CC BY 2.0
Nusa Penida à esquerda. À direita: Nusa Lembongan e Gili Air. Foto Gili Air: Niek van Son / CC BY 2.0

Os passeios mais populares são para essas 3 ilhas:

E se você quer estender sua viagem pela Indonésia e conhecer mais praias fantásticas desse país, vale conferir o que fazer em Lombok, um ilha bem maior (e menos turística) que Bali com cenários de tirar o fôlego.

14. Praticar Yoga em Ubud

Ubud não é só o centro cultural de Bali. Nos últimos anos, com a ocupação da vila por empreendedores descolados de todas as parte do mundo, esta se tornou também uma das capitais mundiais do yoga e do encontro espiritual.

Se você já pratica yoga ou quer um empurrãozinho pra começar, aproveite para encontrar um retiro em Ubud ou ao menos fazer algumas aulas experimentais. É uma combinação perfeita com a energia do lugar.

Ilha de Bali
Momento relax de yoga em Bali

15. Escalar um vulcão

Já pensou em escalar um vulcão ativo para ver o amanhecer? Não é uma coisa que a gente faz todos os dias, então se você está preparado física e mentalmente para um pequeno trekking, não deixe de colocar esse item na sua lista com o que fazer em Bali: vá conhecer o Mount Batur de perto.

Para chegar até o topo do Mount Batur, que fica a 1717 metros de altitude, você terá que cair da cama no início da madrugada. São duas horas de trilha moderada, mas o visual magnífico recompensará essa pequena jornada.

É recomendado fazer esse passeio com guia. Um tour para o Mount Batur leva cerca de 11 horas, e inclui um café-da-manhã no topo do vulcão. Na volta, ainda há uma parada para visitar uma plantação de café e para um mergulho relaxante em uma fonte termal.

E apesar do Mount Batur ser o mais famoso dos vulcões de Bali, sobretudo pelas belas vistas da caldeira, existem outros três vulcões na ilha: o Mount Agung, o Bratan e o Mount Merbuk. Só tenha em mente que tratam-se de vulcões ativos, portanto, não se aventure sem guia!

Ilha de Bali
A ilha de Bali tem 4 vulcões

Primeira vez no país? Confira nosso Guia Prático da Indonésia: aqui você encontra todas as informações que precisa para planejar sua viagem

Lembre-se do seguro viagem

Para não ter dor de cabeça caso algo aconteça, não se esqueça de contratar um seguro viagem antes de ir pra Indonésia. Recomendamos fazer uma pesquisa pela Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. E usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

Seguros Promo

Como chegar e se locomover em Bali

Chegando no aeroporto em Bali

Caso você não tenha agendado um transfer do aeroporto pro seu hotel (recomendado), ao sair do aeroporto, procure por um taxi oficial (Blue Bird).

Se for pegar um taxi que não seja dessa companhia, fique de olho porque muitos são espertinhos e tentam enrolar (tente negociar o valor antes). Achamos isso tão chato que preferimos alugar um carro.

Se você também pretende alugar um carro, já poderá retirar o carro no próprio aeroporto. Nós sempre usamos a Rentcars, um comparador ótimo que permite pagamento em real e parcelamento em até 12x sem IOF.

Como se locomover em Bali

Infelizmente, Bali não conta com opções de transporte público acessíveis ao turista e o trânsito também não ajuda muito em um primeiro contato. Tá bem, na verdade o trânsito é um verdadeiro caos, e os taxistas não ajudam muito. Mas tudo bem, você tá em Bali!

Se você tem experiência com moto, pode ser uma boa alternativa alugar uma scooter para sofrer menos com o trânsito. Só tome cuidado redobrado caso não tenha a carteira de direção internacional. E sempre ande de capacete, pois é comum rolar blitz em Bali.

Ubud Indonésia
Scooter é o principal melhor meio de transporte na cidade

Se você tem medo de moto ou prefere outra alternativa, considere alugar um carro. Essa opção é ainda melhor se estiver viajando com mais pessoas para dividir o custo.

Se você não quer esquentar cabeça com trânsito, considere fechar um carro com motorista particular e fazer seu próprio roteiro em Bali. Ou dá pra escolher uma das muitas opções de tours em Bali e fazer o passeio em grupo.

Dinheiro na Indonésia

A moeda oficial da Indonésia é a rúpia indonésia. A menor nota é de 1.000 rúpias e a maior é de 100.000 rúpias. Por ser bem turística, muitos estabelecimentos em Bali aceitam cartão de crédito, mas há lugares que só aceitam dinheiro. 

Dica | Para comprar dólares, nós sempre fechamos com uma agência de câmbio online com boa reputação. Temos usado o Cotação, que é super seguro, tem um ótimo valor e ainda entrega em casa.

O ideal é trocar um valor mínimo no aeroporto, e deixar para trocar o restante já na área mais turística.

Mas a atenção deve ser redobrada ao trocar dinheiro em Bali:

É uma prática suuuper comum os cambistas aplicarem um golpe: eles contam as notas na sua frente e, ao recontar, somem com um montante das notas em um passe de mágica. Nós quase caímos nessa, então fique MUITO atento.

Outro ponto que vale reforçar antes de trocar seu dinheiro é se não há nenhuma taxa “oculta”. Você vai ver o valor anunciado em uma tabela mas, na prática, eles podem diminuir essa cotação. Fique de olho!

Mais dicas para sua viagem a Bali

Chip de internet | Existem basicamente 4 operadoras, na Indonésia, nós compramos um chip da XL e funcionou super bem, por isso recomendo. É possível comprar em lojas ou mercados. mas não são todas elas que fazem o registro do chip (que é obrigatório). Por isso, é mais fácil comprar o seu chip com antecedência e retirá-lo ainda no aeroporto. É um pouco mais caro mas vale a pena.

Roteiro | Se você pretende combinar Indonésia com outros destinos na mesma viagem, veja nossas sugestões de roteiro para o sudeste asiático: tem várias opções de destinos que cabem em uma viagem de 20 a 30 dias pela região.

Transporte | Se você pretende visitar outros destinos além de Bali, dê uma olhada no site 12GoAsia: ele mostra todas as opções de deslocamento disponíveis entre os destinos que você selecionar. Esse site nos ajudou muito na nossa viagem pela Indonésia e pelo sudeste asiático, fechamos praticamente todas as passagens com ele.

Powered by 12Go Asia system

Sua viagem para Bali combina com:

Ilhas Gili | São no total 3 ilhas: Gili Air, Gili Meno e Gili Trawangan. Cada uma com sua vibe, o que dá para agradar a todos os gostos.

Nusa Penida | Um dos nossos lugares preferidos na Indonésia: Nusa Penida guarda uma coleção de paisagens que vão te deixar de boca aberta. Não deixe de conhecer essa ilha (ainda) pouco explorada pelo turismo.

Nusa Lembongan | A apenas 30 minutos de Bali, essa pequena ilha tem ritmo lento, sem agito e sem trânsito. Ótimo para relaxar e curtir uma praia

Lombok | Praias, florestas e cachoeiras: a ilha de Lombok é enorme e linda. E o melhor: bem mais tranquila e menos turística que Bali.

Monte Bromo e Vulcão Ijen | São mais de 400 vulcões na Indonésia, então não perca a oportunidade de conhecer um de perto. Os vulcões Bromo e Ijen estão ativos e esperando sua visita!

Komodo | Praias paradisíacas com areia rosa, além de natureza e aventura na medida certa. E claro, um encontro inesquecível com os dragões de Komodo.

Yogyakarta | centro cultural da Ilha de Java, por aqui você aprende mais sobre a história do local e visita lindos templos, incluindo o maior templo budista do mundo.

Qual dessas atrações da Ilha de Bali não ficaria de fora do seu roteiro?

Com tanto o que fazer em Bali é tarefa difícil selecionar apenas 15 das suas atrações imperdíveis.

Por isso, nossa dica final é: conheça Bali com calma. Permita-se uma aventura em cada cantinho deste paraíso tropical, aproveite cada momento. Depois conta pra gente o que achou de Bali e destes passeios incríveis!

Foto de Capa: Juan Antonio Segal / CC BY 2.0

Planejando uma viagem pela Ásia? Confira nossas dicas sobre os destinos:

Camboja | Indonésia | Filipinas | Laos | Malásia | Myanmar | Singapura | Tailândia | Vietnã

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Indonésia: explore

11 comentários em “ILHA DE BALI: 15 PASSEIOS IMPERDÍVEIS + DICAS DE VIAGEM”

  1. Viviane Carneiro disse:

    Nossa… que lugar incrível e que fotos maravilhosas! Eu preciso conhecer urgentemente e quero conhecer todos esses lugares lindos.

  2. Adoro Bali.. Estou indo para lá novamente no final desse mês.. pelas minhas contas pelo 8 vez. Eu Nunca tinha ouvido falar desse avião / restaurante.. Se tiver tempo e estiver por aquelas bandas vou tentar visitar. Eu ainda incluiria um 16 motivo. Massagem Balinesa

  3. Que lugar incrível!!! Morro de vontade de conhecer Bali e vou tentar incluir essas 15 sugestões em meu itinerário quando for… Parabéns pelo post!!!

  4. Fabio Brasil disse:

    Taí um lugar que eu sou doido para conhecer! Obrigado pelas dicas! 😉

    1. Adriana Mendonça disse:

      Tomara que você conheça logo, certeza que irá adorar!

  5. Ana disse:

    Completamente convencida de que Bali vale à pena. Bom, eu até já sabia, mas agora tenho certeza absoluta, depois desta lista informativa. Muita coisa bacana e interessante para fazer/ver por aí, mas com certeza o que mais me chamou foi visitar lugares abandonados (adoro estas coisas) e praticar yoga! Se bem que surfar se o mar estiver pequenininho também clama por mim, assim como visitar os templos… é, acho que tudo neste lista me atrai, afinal! 🙂

    1. Adriana Mendonça disse:

      Hahaha difícil não ser atraída por todas as maravilhas que essa ilha oferece né? Por isso minha recomendação é de ir com tempo pra aproveitar o máximo possível!

  6. Lu Oshiro disse:

    Esse blog de vcs é maaaraaa!!!! Estou mega empolgada só de ler!!! Dicas muito preciosas!!! E que dão muita clareza pra quem vai curtir esses lugares maravilhosos!!!!
    Meu namorado e eu estamos indo pra Bali no meio de setembro! Vamos passar em Singapore e Vietnam antes! Já estou de olho em todas as dicas de vcs!!!! Muito obrigada!!! Espero que continuem com essa energia boa!!!! 👊🏼 Lulu

    1. Caio Farias disse:

      Que bom que gostou Lu. Esperamos que curtam a Ásia como a gente curtiu!
      Boa viagem!

  7. Lu Oshiro disse:

    Esse post arrasouuuuu!!!!!
    Pretendemos usar todas as dicas hahahah
    Quanto tempo vcs ficaram em Bali como um todo?
    E poderia me falar quantos dias ficou em cada lugar, please? Só pra gente ter uma ideia!
    Vcs alugaram a scooter todos os dias? É de boa pilotar lá?
    Brigada gente!! Parabéns por esse blog parceiro! Lulu

    1. Caio Farias disse:

      Obrigado Lu!
      Que bom que a gente ajudou! Ficamos em Bali se não me engano uns 15 dias. Deixa eu tentar lembrar.
      Ubud foram 5 dias
      Canggu 4 dias
      Seminyak 4 dias
      Isso mas sempre estávamos ou de carro ou de scooter e íamos visitando as praias e os templos. Alugamos scooter alguns dias sim. É tranquilo, tem muita scooter, mas é preciso ter bastante cuidado e atenção, os motoristas de carro e ônibus as vezes podem ser um pouco agressivos. Vimos um acidente acontecer bem na nossa frente!

      Mais uma vez obrigado, esperamos que tenha uma boa viagem!

  8. Nilcea Fernandez disse:

    Indonésia que me aguarde! Excluindo os vulcões tudo me agrada.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Costa Rica é daqueles destinos que faz você se sentir uma grãozinho no universo – e essa sensação é gigante de boa!!!
⠀
As raízes dessas árvores parecem medir uns 2 metros, e parece que elas formam um labirinto no solo. É difícil descrever, mas é muito fácil se conectar com a natureza nesse lugar. Que paz! 🍃 🙏

Ahh Costa Rica! Essa é uma formação natural que parece a cauda de uma baleia –  e o local de chama Parque Nacional Marino Ballena.
Tudo bem, já sabemos que o nome do parque veio desse formato. Mas quem explica a “coincidência” desse local ser o melhor ponto do país para  para o avistamento de baleias? 🤔#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica #baleiajubarte

Pura Vida!Mal desembarcamos na Costa Rica e já começamos a ouvir a expressão por todos os cantos. Embora não tenha uma tradução exata, essa é uma forma de cumprimentar, de dizer olá, tchau – ou qualquer coisa que tenha uma intenção positiva – dá pra usar de diversas formas!A nossa conclusão é que “Pura Vida” é essa coisa boa que você sente ao chegar por aqui e que te faz ficar sorrindo o tempo todo. É como encostar o carro em uma praia deserta, assistir o por do sol e dormir por ali mesmo, ao som dos macacos, com o barulho das ondas. Bem do jeitinho que a gente fez nesse dia!#emalgumlugardomundo #costarica #puravida #visitcostarica #destinosimperdiveis

O Parque Nacional Corcovado é um dos lugares menos explorados da Costa Rica – e até agora um de nossos destinos preferidos no país!A natureza aqui ainda é selvagem e é possível avistar araras, tucanos, macacos, bichos preguiça, quatis, antas… a lista é extensa!
E como se não bastasse a diversidade animal, tem essa praia de areia escura bem intocada. A constante névoa na praia dá um ar de paraíso perdido nesse lugar.Essa viagem pra Costa Rica tá tendo um cenário mais lindo que o outro! Estamos amando!!! #emalgumlugardomundo #costarica #corcovadonationalpark #visitcostarica

Ainda encantados com o lado do Caribe da Costa Rica!
Sem dúvidas, Punta Uva foi uma das praias mais bonitas das bandas de lá – pelo menos foi a nossa preferida!Agora estamos no lado do Pacífico. Estamos mostrando tudo no stories e já já vamos postar as fotos daqui!

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!