Conheça o Museu do Apartheid em Joanesburgo | Em Algum Lugar do Mundo

CONHEÇA O MUSEU DO APARTHEID EM JOANESBURGO

Se sua estadia em Joanesburgo for curta e tiver que escolher apenas um lugar pra ir, siga direto pro Museu do Apartheid. O museu é uma imersão na história.

  • Adriana
  • -
  • 14 de janeiro de 2020
  • Nenhum Comentário

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Se sua estadia em Joanesburgo for curta e você tiver que escolher apenas um lugar pra ir, siga direto pro Museu do Apartheid. O museu é uma imersão na história do país e é simplesmente impossível sair de lá indiferente a tudo que você vai ver.

Uma mistura de sentimentos tomou conta da gente durante e depois a visita. Muito emocionante, mesmo.

Uma coisa é lembrar do que foi o Apartheid pelo que chegava até a gente pela mídia. Outra é termos acesso aos detalhes desse regime que existia até bem pouco tempo atrás. É sair do museu e ver que a história ainda está bem viva, que as consequências desse regime fazem parte do dia-a-dia dos sul-africanos, principalmente em Joanesburgo.

Museu Apartheid
Museu do Apartheid: tributo a Mandela

Conheça o Museu do Apartheid em Joanesburgo

Como chegar

Para visitar o Museu do Apartheid, você pode fechar um tour com agência, que normalmente oferece um dia de passeio combinando o museu com um city tour e uma visita a Soweto.

Se quiser uma opção prática, é uma boa usar o ônibus hop-on hop-off Joanesburgo. Uma das paradas é justamente no Apartheid Museum.

Como é a visita

Já na entrada os visitantes são recebidos com uma simulação de como era viver em uma sociedade racialmente segregada.

O Museu do Apartheid tem duas entradas, rotuladas de “brancos” ou “não brancos” e, dependendo do bilhete que você recebeu na entrada (selecionado aleatoriamente), deverá seguir uma das duas.

Entrada do Museu do Apartheid
Entrada do Museu do Apartheid
Museu do Apartheid
Corredor do Museu do Apartheid logo após a entrada

Quando o Partido Nacional (da minoria branca) assumiu a liderança do país em 1948, a segregação racial tomou conta de vez e a situação só piorou. Áreas urbanas foram separadas por grupos sociais, atribuiu-se a todos os cidadãos uma categoria racial distinta, toques de recolher para não brancos tornaram-se rotina, a violência cresceu absurdamente.

Olha, é tanta barbaridade que não dá pra contar, acho que a gente não digeriu tudo aquilo até hoje.

Nós nos perdemos em tanta riqueza de detalhes dessa história tão marcante. Foram 2 horas bem corridas que passamos no Museu Apartheid e não foi o suficiente. Tivemos que acelerar o passo na última parte, que aborda o mandato de Mandela, eleito presidente em 1994.

O Museu do Apartheid tem uma estrutura multimídia muito boa e conta toda essa história através de filmes, fotos, textos e objetos, de forma bem interativa. Pra quem quer saber mais sobre o Apartheid e entender melhor essa história tão marcante e recente da África do Sul, não dá pra deixar de ir a esse museu.

Museu Apartheid

Já sabe onde se hospedar em Joanesburgo?

Se você ainda não definiu sua acomodação em Joanesburgo, aproveite nossas dicas: a maioria das opções de acomodação ficam concentradas na região norte da cidade. Alguns bairros recomendados são Melville, Rosebank e Melrose.

Em Melville, um bairro cheio de jovens e com a noite animada, nossa sugestão de hospeddagem é o Motel Mi Pi Chi. Se quiser uma estadia memorável, fique no Protea Hotel Fire & Ice Johannesburg Melrose Arch, localizado em Melrose, o bairro luxuoso de Joburg. E no movimentado bairro Rosebank, uma boa pedida é o hotel Once in Joburg.

Primeira vez no país? Confira nosso Guia Prático da África do Sul: aqui você encontra todas as informações que precisa para planejar sua viagem.

Não esqueça o seguro viagem!

Não importa o destino, nós sempre fazemos um seguro viagem para todas nossas viagens. E para Joanesburgo não foi diferente. Felizmente não precisamos usar, mas já tivemos que acionar o seguro em outras viagens e foi a maior tranquilidade pra gente – e pro nosso bolso.

Por isso, recomendamos fazer uma pesquisa pela Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. E usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

E se quiser assistir aos melhores momentos da nossa viagem a Joanesburgo, veja esse vídeo:

E aí, vai incluir o Museu do Apartheid em seu roteiro de Joanesburgo?

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

África do Sul: explore

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

O carnaval acabou! E agora? Onde você queria estar nesse momento? A gente: Playa Hermosa na Costa Rica!#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica

Uma nova amizade! Conheçam Zuleide, uma tartaruguinha verde que conheci hoje no mar de Arraial do Cabo! Ficamos ali um tempinho batendo um papo sobre como está o mundo hoje… a maré tá boa por aí?A propósito: o mar de Arraial do Cabo continua assim, lindo!
#dive #emalgumlugardomundo #seasheperd #mergulho

Imagina acampar em um lugar assim? ?️ Pois nós dormimos 3 noites em uma dessas cabanas e foi in-crí-vel!Na verdade não se trata de um camping em si. Essa é um tipo de acomodação mais básica, que encontramos no @selina em La Fortuna, na Costa Rica.
Mas apesar de parecer uma “simples” barraca, ela tinha uma cama super confortável e era tão estilosa por dentro como por fora.
O melhor: o preço era mais baixo do que o de um quarto comum, sem deixar nada a desejar no quesito conforto. E a gente podia usar toda a dependência do hotel, incluindo piscina, cozinha… E vc, passaria uma noite numa cabana dessas?

COSTA RICA NÃO É SÓ PRAIA!
Se vc acha que o país (que por sinal é um dos lugares mais biodiversos do mundo) tem só belas praias a oferecer, dá uma espiada nessa beleza.
Uma das cachoeiras mais bonitas que visitamos na Costa Rica foi a Catarata Rio Fortuna, com nada menos que 75 metros de queda d’água.E para se banhar nessa maravilha, é preciso encarar uns 500 degraus de escadaria. Dica: desça na maior empolgação pra dar um mergulho nessa belezura e deixa pra sofrer na volta ?
Nós fomos não época de chuvas e mesmo assim a água estava linda!
O que pode acontecer nessa época é que, devido ao grande volume de água, o mergulho na piscina principal seja proibido por questões de segurança. Mas dá pra se banhar logo adiante, no rio formado pela cachoeira. Então tá valendo o “esforço” de qualquer jeito!E vc, tb curte uma cachoeira ou prefere mesmo uma praia?#costarica #lafortuna #emalgumlugardomundo #nature #waterfall

? ??Viajar pela Costa Rica de carro foi uma das melhores aventuras que vivemos!
A gente ama a liberdade de dirigir pelo desconhecido, fazer as coisas do nosso jeito, no nosso tempo.
Sabiamos que não iríamos muito longe alugando um carro comum, porque algumas estradas por lá são impraticáveis – então já fechamos num 4×4 da @nomad_america pra não ter erro. E gente, não é em qualquer lugar que a gente pode alugar um carro com barraca de camping e dormir em uma praia deserta, né? ?️?️ E foi assim que cruzamos rios e acampamos em lugares incríveis – tudo isso vivenciando uma conexão incrível com a natureza selvagem desse país que tanto nós surpreendeu ?

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!