Onde ficar em Santiago do Chile: melhores bairros e dicas de hotéis | Em Algum Lugar do Mundo

HOSPEDAGEM EM SANTIAGO: MELHORES REGIÕES E DICAS DE HOTÉIS

Conheça os bairros mais legais para se hospedar na cidade e confira nossas dicas de hotéis

  • Adriana
  • -
  • 10 de junho de 2019
  • Nenhum Comentário

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Está planejando uma viagem para a capital chilena mas ainda está perdido sem saber onde se hospedar? Nós te ajudamos: nesse post você encontra nossas dicas de onde ficar em Santiago, para aproveitar ao máximo sua viagem.

Nós já demos todas as dicas sobre o que fazer em Santiago. Agora nós vamos mostrar os principais bairros de Santiago para se hospedar, além de recomendar ótimos hotéis para cada região – com opções para todos os bolsos e que cumprem todos os requisitos para que sua viagem seja inesquecível!

Onde Ficar em Santiago Parque
Momento relax no Parque Bicentenário, um dor parque mais bonitos de Santiago

Onde Ficar em Santiago: o que considerar ao escolher sua localização

Planejar onde ficar em Santiago durante sua viagem e escolher o melhor bairro para sua estadia pode ser determinante para que sua viagem seja incrível.

Vamos começar logo pela má notícia: o trânsito em Santiago é bem pesado, caótico nos horários de pico. Mas calma que o transporte público de Santiago é uma mão na roda para os turistas. E dependendo de onde você se hospedar, dá pra fazer muita coisa a pé.

O sistema de metrô é composto por seis linhas, e com ele é possível chegar em praticamente qualquer lugar da cidade. A maior parte das atrações turísticas fica próxima de estações das linhas 1 (verde) ou 5 (vermelha), então é uma boa ideia procurar uma opção de hospedagem próxima de uma delas.

Onde Ficar em Santiago Metro
A melhor maneira de se locomover por Santiago

Uma dica importante é que se você tem poucos dias na cidade, vale a pena escolher um hotel que fique perto dos principais museus, mirantes e parques da cidade, como a região de Bellavista ou Lastarria, onde você consegue fazer grande parte da programação andando mesmo. Assim, você otimiza seu tempo e vê mais coisas durante sua estadia, sem ficar se preocupando com muitos deslocamentos.

Outra dica muito importante é pagar sua estadia usando cartão de crédito ou dólares americanos para escapar da cobrança do imposto de 19% atrelado à hospedagem, chamado IVA.

Onde Ficar em Santiago: principais regiões e dicas de hotéis

Onde ficar em Santiago: Centro

O Centro de Santiago reúne muitas atrações para serem visitadas durante sua viagem – é realmente o coração da cidade, cercado de prédios e monumentos históricos. Ao redor da Plaza de Armas, ponto de partida para explorar a região, você encontra o Palacio La Moneda, o Edificio dos Correios e museus como o Museo de Arte Precolombino e o Museo de Historia Nacional.

É uma boa região se você tem poucos dias para explorar Santiago, ou até mesmo se for ficar apenas por uma noite. Mas se sua viagem tiver mais dias, pode ser interessante considerar outras regiões: à noite, o centro fica vazio – os escritórios e lojas estão fechados –  e há poucas opções de restaurantes.

Nós nos hospedamos no Hotel Casa Zañartu e ele é a coisa-mais-linda-do-mundo! Ele está localizado em um casarão que é tombado. Apesar de antigo, é tudo reformado: a decoração é bem clássica, impecável e cheia dos detalhes. Como uma boa casa antiga, os quartos são enormes – e muito confortáveis. Recomendamos muito! Diárias a partir de R$220.

Onde ficar em Santiago - Casa Zañartu
Hotel Casa Zañartu

Para quem está com o orçamento mais apertado, uma boa opção é reservar um quarto individual em um hostel, onde os preços são mais atraentes. O Plaza de Armas Hostel – que fica a alguns passos das principais atrações do centro, oferece quartos com banheiro privativo por R$ 150 a diária.

Onde ficar em Santiago: Providencia

Uma das regiões favoritas de quem visita Santiago, a Providencia reúne duas características essenciais: proximidade de várias atrações (e do Centro de Santiago) e preços em conta. Para melhorar, é por lá que fica o shopping Sky Costanera, casa do mirante 360º da cidade.

Uma opção baratinha – mas bem confortável – é o Alma Bed & Breakfast. Além dos quartos coletivos, que são bem baratinhos, é possível reservar quartos duplos por apenas R$ 140 a diária. Já o charmoso Yogi Hostel tem suítes a partir de R$150 e uma área comum ótima para relaxar depois de um dia de muita caminhada pela cidade.

Onde ficar em Santiago - Yogi Hostel
Yogi Hostel. Foto: Divulgação

Para quem prefere mais conforto e privacidade, o Park Plaza Santiago é um hotel completo, com academia e piscina, a cinco metros do metrô Los Leones. O quarto duplo padrão sai a partir de R$ 320 a diária.

Onde ficar em Santiago - Park Plaza
Park Plaza Santiago. Foto: Divulgação

Onde ficar em Santiago: Lastarria

À primeira vista, o bairro de Lastarria parece saído de Paris ou Madri. A semelhança não é à toa, já que os arquitetos responsáveis pelas construções da área eram imigrantes europeus que chegaram na cidade no começo do século XX.

Lastarria também é conhecido por ser o reduto da boêmia de Santiago. São diversas opções de cafés e bares com estilo e clima europeu. De bônus, a região fica do ladinho do belo Parque Forestal e do MAVI (Museo de Artes Visuales).

O Hostal Forestal oferece quartos individuais a partir de R$100 no bairro, com um café da manhã farto incluso. Ótimo para quem quer economizar e curtir o melhor da área.

onde ficar em santiago hostal forestal 1
Hotel Forestal. Foto: divulgação

Para quem busca privacidade, mas quer se sentir em casa, uma opção é alugar um studio na área. O Rukaza Lastarria oferece justamente isso, e por um preço bem em conta. O studio com cama de casal e varanda sai a partir de R$ 190. Há também opões com mais quartos para quem está viajando em grupo.

Onde ficar em Santiago - Rukaza Lastarria
Rukaza Lastarria. Foto: divulgação
onde ficar em santiago rukaza lastarria 2
Rukaza Lastarria. Foto: divulgação

Se você prefere um hotel com mais conforto, onde não é preciso se preocupar com nada, o Hotel Montecarlo Santiago cumpre todos os requisitos: quartos duplos a partir de R$ 270, café da manhã e vista para o Cerro Santa Lucía.

Onde ficar em Santiago: Bellavista

Coladinho com Lastarria, Bellavista é o bairro certo para quem faz questão de ficar próximo do agito e vida noturna. O coração da região é o Patio Bellavista, polo gastronômico a céu aberto que reúne muitas opções de restaurantes e bares. Outro ponto alto é a proximidade de atrações como o Cerro San Cristóbal e a La Chascona, uma das (muitas) casas de Neruda.

O Rado Boutique Hostel fica bem ao lado do Patio Bellavista e oferece quartos compartilhados – R$75 a diária – e duplos – R$ 180 a diária. No valor está incluído o café da manhã, que pode ser tomado no terraço incrível do hotel.

Rado Boutique Hostel. Foto: Divulgação

Já o Edificio Bellavista Forestal, a cinco minutinhos da estação Baqueadano do metrô, tem apartamentos disponíveis a partir de R$150, todos com cozinha equipada e alguns até com varandinha.

Para quem pode gastar mais, uma opção com um nível a mais de conforto é o Bellavista Apartments. Com decoração moderna, localização perfeita – pertinho de tudo – e totalmente equipado, funciona bem para quem gosta de fazer as próprias refeições. O apartamento padrão com cama de casal sai por R$260 a diária. Para quem está viajando em grupos maiores, há também opções de apartamento quádruplos por R$380.

Onde ficar em Santiago: Las Condes e El Golf

Uma das áreas mais nobres e bem conservadas de Santiago, Las Condes e El Golf são lar de alguns dos hotéis mais sofisticados da cidade. Não é uma opção próxima do centro, mas é uma região ótima para famílias ou viajantes em busca de tranquilidade e muita segurança.

Para quem curte gastronomia e planeja se esbaldar na culinária local, El Golf reúne alguns dos restaurantes mais conceituados de Santiago. Aos domingos, o destino certo é a feirinha de artesanato Pueblito.

A alguns metros da Estação de Metrô Los Dominicos, o Homestay oferece quartos privados para duas pessoas a partir de R$120 – uma barganha pela área. O café não está incluído, mas a casa possui uma cozinha equipada e disponível para os hóspedes.

Para quem prefere um hotel padrão, mas sem firulas, o Ibis Manquehue, da conhecidíssima rede de hotéis Ibis, oferece quartos com camas queen-size a partir de R$240, com café da manhã incluso na reserva. Em termos de custo-benefício, não tem como sair perdendo.

Onde ficar em Santiago - Ibis
Hotel Ibis. Foto: divulgação

Já o Trani oferece acomodações no estilo apart-hotel: apartamentos equipados com tudo que possa ser necessário para sua estadia em um espaço compacto, mas confortável, com sala, banheiro, cozinha e quarto. Tudo isso por uma diária de R$315 no apart duplo. De bônus, o Sky Costanera fica a apenas 400m.

Onde ficar em Santiago: Barrio Brasil

Ainda pouco explorado, o Barrio Brasil encanta pela atmosfera latina que emana. Difícil não ficar encantado com os belos prédios da região, que remontam ao século XIX, quando foram construídos para serem residência da classe nobre chilena da época. O epicentro do bairro é a Plaza Brasil.

No estiloso La Casa Roja Hostel, há opções de quartos compartilhados – a partir de R$ 42 – ou suítes com cama de casal – esse último sai por apenas R$180 a diária. O hotel fica bem perto das estações Republica e Cumming e ainda conta com uma piscina na área externa. Próximo do La Casa Roja e a 400 metros da Plaza Brasil, você encontra o Hostal Yungay, que tem quartos triplos e café da manhã por R$ 260 a diária.

Onde ficar em Santiago - Yungai Hostel
Hostal Yungay. Foto: Divulgação

Para uma hospedagem única, o Matildas Hotel Boutique é uma das opções mais legais do bairro. Situado um incrível palácio reformado, fica a apenas um quarteirão da Plaza Brasil. Os quartos são amplos, arejados e o café-da-manhã é um show à parte. A diária para o quarto duplo sai por R$ 360. Não deixe de curtir o jardim e o terraço, cantinhos bem charmosos onde os hóspedes podem descansar.

Não se esqueça do seguro viagem!

Agora que você já conferiu onde ficar em Santiago, lembre-se que um seguro viagem é indispensável para uma viagem tranquila e sem maiores estresses. Já precisamos de atendimento médico durante nossa viagem pela América do Sul e felizmente tínhamos o seguro para cobrir as despesas.

Por isso, recomendamos fazer uma pesquisa pela Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. E usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

Onde ficar em Santiago do Chile: tudo pra sua estadia na cidade ser incrível!

Agora que você já conhece as principais regiões, conta pra gente: já decidiu onde se hospedar em Santiago?

Independente da sua escolha, temos certeza que você irá curtir muito a capital chilena! E não deixe de conferir nosso post completo sobre o que fazer em Santiago. Boa viagem e aproveite!

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Chile: explore

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Ahh Costa Rica! Essa é uma formação natural que parece a cauda de uma baleia –  e o local de chama Parque Nacional Marino Ballena.
Tudo bem, já sabemos que o nome do parque veio desse formato. Mas quem explica a “coincidência” desse local ser o melhor ponto do país para  para o avistamento de baleias? 🤔#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica #baleiajubarte

Pura Vida!Mal desembarcamos na Costa Rica e já começamos a ouvir a expressão por todos os cantos. Embora não tenha uma tradução exata, essa é uma forma de cumprimentar, de dizer olá, tchau – ou qualquer coisa que tenha uma intenção positiva – dá pra usar de diversas formas!A nossa conclusão é que “Pura Vida” é essa coisa boa que você sente ao chegar por aqui e que te faz ficar sorrindo o tempo todo. É como encostar o carro em uma praia deserta, assistir o por do sol e dormir por ali mesmo, ao som dos macacos, com o barulho das ondas. Bem do jeitinho que a gente fez nesse dia!#emalgumlugardomundo #costarica #puravida #visitcostarica #destinosimperdiveis

O Parque Nacional Corcovado é um dos lugares menos explorados da Costa Rica – e até agora um de nossos destinos preferidos no país!A natureza aqui ainda é selvagem e é possível avistar araras, tucanos, macacos, bichos preguiça, quatis, antas… a lista é extensa!
E como se não bastasse a diversidade animal, tem essa praia de areia escura bem intocada. A constante névoa na praia dá um ar de paraíso perdido nesse lugar.Essa viagem pra Costa Rica tá tendo um cenário mais lindo que o outro! Estamos amando!!! #emalgumlugardomundo #costarica #corcovadonationalpark #visitcostarica

Ainda encantados com o lado do Caribe da Costa Rica!
Sem dúvidas, Punta Uva foi uma das praias mais bonitas das bandas de lá – pelo menos foi a nossa preferida!Agora estamos no lado do Pacífico. Estamos mostrando tudo no stories e já já vamos postar as fotos daqui!

A felicidade de quem estacionou o quarto do hotel e vai dormir em frente a praia no Caribe costa riquenho! Valeu @nomad_america !#emalgumlugardomundo #costarica #puntauva #destinosimperdiveis #visitcostarica

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!