O QUE FAZER NA NAMíBIA

Cortamos o país de norte a sul e mostramos aqui o que fazer na Namíbia. Um país único, com atrações incríveis e paisagens surreais! Veja aqui tudo que você precisa antes de embarcar nessa aventura.

  • Adriana
  • -
  • 2 de abril de 2016
  • 28 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e baixe nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Um país único, com paisagens surreais e que não cansou de nos surpreender. E com tantos atrativos, é difícil decidir o que fazer na Namíbia: você pode explorar as estradas que cortam o país e te levam ao deserto, apreciar as dunas de areia que mudam de cor, aventurar-se num safari em uma das maiores reservas da África… as opções de turismo na Namíbia são extensas.

E o país é grande. Na verdade, é um dos maiores países da África. Viajar para Namíbia não é tarefa das mais fáceis, o que pode ser percebido rapidamente pelos locais praticamente inóspitos e as longas estradas não pavimentadas.

Portanto, planejar sua viagem para Namíbia é fundamental. E o primeiro passo é definir o roteiro antecipadamente. Por isso, listamos aqui os 12 principais pontos de interesse da Namíbia para você começar a planejar sua viagem agora mesmo.

A Namíbia foi um dos primeiros destinos que visitamos em nosso safari pela África. Para saber mais, leia o post: tudo que você precisa saber sobre um safari na África.

Roteiro Namíbia: destinos imperdíveis

Nós cortamos o país de norte a sul e reunimos aqui as melhores dicas sobre o que fazer na Namíbia. Não importa se você vai conta própria ou em um tour em grupo, nós te ajudamos a montar seu roteiro.

Confira os 12 principais pontos de interesse da Namíbia para você se inspirar agora mesmo:

  1. Orange River
  2. Fish River Canyon
  3. Sossusvlei
  4. Dead Vlei
  5. Solitaire
  6. Swakopmund
  7. Walvis Bay
  8. Spitzkoppe
  9. Etosha
  10. Windhoek
  11. Skeleton Coast
  12. Kolmanskop

1. Orange River

O Orange River é o mais longo da África do Sul, fazendo fronteira desse país com a Namíbia. Ou seja, pra quem entra na Namíbia pela estrada e vem da África do Sul, vale uma paradinha nesse rio, que também é conhecido como “Gariep River”.

Suas corredeiras são famosas para a prática de canoagem, e foi isso que fizemos enquanto estivemos lá! Nós chegamos no final da tarde e, após uma noite no Orange River Rafting Lodge, acordamos cedo pra descer o rio. Foi pura diversão!

O que fazer na Namíbia : Orange River
Orange River, Namíbia

2. Fish River Canyon

Em uma região bem árida ainda ao sul da Namíbia, fica o Fish River Canyon. Esse é o maior cânion do hemisfério sul e o segundo maior do mundo, ficando atrás apenas do Grand Canyon, no Arizona.

Os números são mesmo gigantescos: 160km de comprimento, alcançando em alguns pontos 27km de largura e 550m de profundidade.

O cânion faz parte de um parque nacional e a entrada está situada no campo de Hobas. A partir dali, dirigimos por mais 10km até chegarmos no ponto onde tivemos uma vista deslumbrante da conhecida “Curva do Inferno”.

Toda essa paisagem rochosa se divide em uma série de falésias, por onde passa o Fish River. Esse rio nasce no centro do país e desce até encontrar o Orange River.

Para curtir o melhor do Fish River Canyon, você pode se hospedar por uma noite no Fish River Lodge. A própria acomodação oferece passeios de bike, carro ou a pé pelo cânion.

O que fazer na Namíbia : Fish River Canyon
Fish River Canyon, Namíbia

3. Sossusvlei – deserto da Namíbia

O deserto da Namíbia é citado como o mais antigo do mundo, com cerca de 43 milhões de anos. (mantendo sua forma atual por pelo menos 2 milhões de anos!). São planícies e dunas de diferentes formas e tamanhos que se estendem ao longo de toda a costa.

Uma parte central do deserto engloba o Namib-Naukluft National Park, o maior “game park” da Africa. O parque se divide em quatro seções, sendo Sossusvlei a mais conhecida delas.

E não é pra menos: as dunas que vimos são um absurdo de lindas, fazendo Sossusvlei merecer o primeiro lugar na nossa lista sobre o que fazer na Namíbia. São várias dunas que compõem esse visual, sendo a Big Daddy a maior delas, com 380m de altura.

O ideal é ir ao nascer ou por do sol, para observar melhor os diferentes tons de laranja, marrom e vermelho das dunas. Nós acordamos às 4h45 da manhã pra assistir ao sol nascer na chamada Duna 45.

Se rolar a dúvida de onde se hospedar, saiba que você tem boas escolhas: tanto o Hoodia Desert Lodge como o Sossusvlei Lodge vão te garantir uma hospedagem inesquecível no deserto da Namíbia.

O que fazer na Namíbia : Sossusvlei
Dunas de Sossusvlei, Namíbia

4. Dead Vlei

Ainda nessa mesma região desértica encontra-se o Dead Vlei. Trata-se de uma área plana, seca e estéril, onde não existiu mais vida depois dela ter sido abandonada pela água, que foi bloqueada pelas dunas.

Esse vale morto e esbranquiçado fica entre as dunas de areias vermelhas. O contraste das cores forma um cenário surreal, somado ao azul do céu e às arvores mortas.

Estima-se que as árvores dali tenham aproximadamente 900 anos, e não sofreram decomposição devido ao clima seco. Resumindo, Dead Vlei é um dos lugares mais espetaculares que já presenciamos.

O que fazer na Namíbia : Dead Vlei
Dead Vlei, Namíbia

5. Solitaire

O nome já diz tudo: Solitaire fica bem no meio do nada da Namíbia. Em 1948, era apenas uma casa de campo construída por um casal, que a nomeou Solitaire devido a sua localização remota.

Hoje encontramos um comércio mínimo, com uma lojinha, uma padaria, e poucas hospedagens. Quem quiser curtir o deserto de verdade, pode se hospedar no Solitaire Desert Farm e aproveitar para fazer um voo de balão.

E pra quem está apenas de passagem, a parada em Solitaire é obrigatória de qualquer jeito, já que é o único posto de gasolina que você vai encontrar entre Sossusvlei e Swakopmund. Aproveite pra fazer uma pausa, esticar as pernas e tirar umas fotos.

O que fazer na Namíbia : Solitaire
Solitaire, Namíbia

6. Swakopmund

Um passeio à beira-mar, ruas arborizadas e um clima mais ameno do que a secura e o calor do deserto: é isso que você encontra em Swakopmund, destino de vários namibianos durante as férias e feriados.

Swakopmund foi fundada em 1892, quando foi escolhida como o porto principal durante a colonização alemã. A influência dessa ocupação pode ser observada ainda hoje através da língua e arquitetura locais.

Porém, uma das melhores formas de vivenciar um pouco da cultura em Swakopmund é fazendo um tour no distrito de Mondesa: você aprende um pouco sobre a comunidade e sobre os povos Nama, Damara e Herero, podendo experimentar a comida local em uma casa de família.

Swakopmund também é conhecida como a capital da aventura, e a oferta de atividades por aqui é grande: paraquedismo, sandboarding, passeios de quadriciclo, voos cênicos, pesca submarina, passeios de balão, entre outros. Uma boa pedida é fazer um tour para Sandwich Bay em um 4×4, explorando o cenário que une dunas e oceano.

E pra passar a noite em Swakopmund, nós sugerimos o Organic Square Guesthouse, uma deliciosa estadia perto da praia que oferece um café da manhã orgânico delicioso.

7. Walvis Bay

Não distante de Swakopmund fica Walvis Bay. Embora a gente tenha passado apenas uma tarde por lá, Walvis Bay tem um ar parecido com a vizinha Swakopmund, sendo mais ampla e ainda mais calma (fomos em baixa temporada).

As atrações do lugar se concentram ao redor da lagoa. Impossível esse lugar passar desapercebido, e eis o motivo: flamingos. O tempo estava nublado, mas ainda assim foi lindo ver tantos flamingos reunidos nessa lagoa.

Se você puder, nós recomendamos passar uma noite em Walvis Bay e aproveitar pra fazer um passeio por aqui. Um dia já é o suficiente pra ver as principais atrações.

Você pode conferir um tour por Walvis Bay, que dura em média cinco horas. Outra opção incrível é um tour de catamarã, onde você pode avistar golfinhos, tartarugas, baleias e focas.

E para passar a noite, veja aqui essa lista com boas opções de acomodação em Walvis Bay.

O que fazer na Namíbia : Walvis Bay
Flamingos em Walvis Bay, Namíbia

8. Spitzkoppe

Um aglomerado de montanhas em meio à planície do deserto: Spitzkoppe faz parte de mais um dos cenários quase inacreditáveis da Namíbia. Essa formação tem mais de 700 milhões de anos e atinge até 1.784m (acima do nível do mar).

No local podemos ver ainda algumas pinturas rupestres feitas por tribos que já habitaram a área.

Para conhecer Spitzkoppe, muitas pessoas fazem tours guiados de um dia partindo de Swakopmund.

Porém, nós escolhemos dormir por lá e passamos uma noite acampados no pé de uma das montanhas. Não havia nenhuma estrutura (nem água pra escovar os dentes), mas apreciar aquela paisagem à luz da lua e ao amanhecer foi indescritível. Se você quiser, pode conferir a opção de tour de 2 dias para Spitzkoppe.

O que fazer na Namíbia : Spitzkope
Spitzkoppe, Namíbia

9. Etosha

Uma das maiores reservas naturais da África, o Etosha National Park se estende por mais de 20.000 km2 e abriga uma diversidade imensa de animais. Apesar da paisagem muitas vezes parecer estéril, são mais de 100 espécies de mamíferos, 340 de aves e 16 de répteis habitando o Etosha.

Nós passamos dois dias inteiros fazendo safari dentro do parque, que consideramos um dos melhores que visitamos pela África. Conseguimos encontrar sem maiores dificuldades bichos como leões, girafas, hienas, zebras e, pra nossa felicidade, muuuitos rinocerontes!

Para quem quer fazer o safari mas não quer ir por conta própria, vale conferir as opções de tour para o Etosha saindo da capital Windhoek.

O Etosha fica aberto do nascer ao por do sol, e safaris noturnos podem ser agendados com guia do próprio parque. Dizem que a melhor época é de maio a setembro (meses mais frios), mas visitamos fora dessa época e gostamos bastante do que vimos, tirando o calor absurdo.

Dentro do parque há diferentes opções de acomodação. Nós passamos uma noite no Gondwana Etosha Safari Camp e adoramos.

O que fazer na Namíbia : Etosha
Paisagem no Etosha, Namíbia
O que fazer na Namíbia : Etosha
Rinoceronte e Gnus no Etosha, Namíbia

10. Windhoek

Windhoek é o centro administrativo, legislativo e das demais atividades da Namíbia. Ela fica localizada no centro do país e, se você planeja visitar a Namíbia, provavelmente você irá passar por lá. Nossa passagem foi breve.

Não dá pra considerar Windhoek um destino tão belo como Sossusvlei ou Etosha, por exemplo. Mas a arquitetura nos chamou a atenção, e consideramos um bom ponto de partida pra se conhecer a história do país, principalmente pelos resquícios que a colonização alemã deixou a cidade.

Em Windhoek nós nos hospedamos no Arebbusch Travel Lodge, um hotel super agradável e que nós lamentamos não ter tido mais tempo pra aproveitá-lo.

11. Skeleton Coast

Parte do litoral norte da Namíbia, Skeleton Coast é mais um dos lugares bem inóspitos do país. A principal característica daqui é a força do oceano: não à toa os portugueses chamaram o local de “as portas do inferno”. O cenário é inclusive composto pelos “esqueletos” de alguns navios espalhados ao longo da costa.

Além das carcaças dos navios, por aqui você poderá ver colônias de focas, répteis, babuínos e outras espécies de vida selvagem. Há também uma tribo Himba que pode ser visitada a partir daqui.

Outro lugar super interessante que você pode ver por aqui

A cidade mais próxima de Skeleton Coast é Henties Bay, que fica a uma hora (de carro) ao norte de Swakopmund. Para se hospedar por aqui, dê uma olhada no sofisticado Desert Rendezvous ou no mais simples HouseOnduri.

12. Kolmanskop

Ao planejar o que fazer na Namíbia, que tal considerar uma visita à uma cidade fantasma no deserto?

Localizada no sul do país, Kolmanskop é uma antiga cidade mineradora. O primeiro diamante foi descoberto ali em 1908, transformando o local em uma cidade próspera até a Primeira Guerra. A partir daí o negócio declinou e a cidade foi totalmente abandonada em 1954.

O que ficou foi um cenário bem intrigante e fotogênico: a areia tomou conta das antigas construções, muitas vezes alcançando até o teto. Atualmente o lugar funciona como um museu.

O ponto de partida para visitar Kolmanskop é a cidade de Luderitz. Alguns tours de longa duração já incluem esse local no roteiro, mas você pode fechar um tour específico para visitar Kolmanskop.

E se for passar a noite em Luderitz, recomendamos se hospedar no Luderitz Nest Hotel.

Primeira vez no país? Confira nosso Guia Prático da Namíbia: aqui você encontra todas as informações que precisa para planejar sua viagem.

Como viajar pela Namíbia

Avião

A forma mais rápida (e mais cara) de se viajar pelo país é de avião. A Air Namibia tem voos regulares partindo de Windhoek para alguns centros regionais. Os preços dos voos variam bastante, mas achamos as melhores opções pelo buscador Momondo.

Vôos fretados

Se dinheiro não é seu problema, siga em frente com essa opção. Há diversas companhias (a maioria com base em Windhoek) oferecendo voos panorâmicos para destinos como Fish River Canyon, Swakopmund e Sossusvlei (essa última é a rota mais famosa).

Um voo desses tem capacidade para até 5 pessoas e vai custar pelo menos uns US$350 dólares. Há a opção de fazer todo o safari dessa forma, levando de 4 a 8 dias. É possível também combinar um tour pela Namíbia com outros destinos, como Botswana.

Trem

Não é uma opção muito popular entre os turistas, pois o serviço é lento e a malha ferroviária da Namíbia é um pouco limitada, deixando de fora alguns destinos turísticos. O que pode valer a pena é a opção de trem de luxo, com rotas para Swakopmund e Etosha.

Ônibus

Os ônibus são mais rápidos, um pouco mais confortáveis e mais caros que os trens regulares. Ainda assim, há uma limitação quanto aos destinos em que se pode chegar viajando de ônibus. A cia Intercape Mainliner  oferece rotas partindo de Joanesburgo e Cape Town na África do Sul, passando por Windhoek e Swakopmund.

Safari

Para atravessar a Namíbia, nós escolhemos fazer um safari em um caminhão, combinando outros destinos como Botswana e Zimbabwe no roteiro.

Essa viagem é feita em grupo, com agência – e nós seguimos um roteiro pré definido.

É preciso uma dose de disposição pra encarar essa viagem, que é cansativa mas incrível e linda . Pra saber mais, confere o post em que contamos como foi nosso safari pela África.

Carro

Essa provavelmente será nossa escolha quando retornarmos à Namíbia. Existem várias agências que alugam diferentes tipos de carro, dos mais simples até os super equipados com barracas de camping, cozinha e equipamentos.

A dica é fechar com a máxima antecedência possível para garantir os melhores preços. O valor pode variar de 50 a 160 dólares por dia.

Se essa for sua escolha, tenha todo seu roteiro planejado e confira todas as condições na hora de alugar o carro, pois você poderá dirigir por horas em uma região totalmente deserta.

Para saber mais sobre a experiência de viajar pela Namíbia de carro, confere o que o Casal Wanderlust contou sobre a aventura deles pelas estradas do país.

Preciso fazer um seguro viagem para visitar a Namíbia?

Mil vezes sim! Uma viagem pra Namíbia é certamente uma aventura, mas isso não significa que você precisa correr riscos desnecessários, certo?

Felizmente não tivemos nenhuma emergência, mas um rapaz em nosso grupo ficou muito doente e precisou de cuidados médicos bem no meio da viagem. E ele teria ficado num prejuízo alto se não tivesse seguro. Resumindo, não vale economizar nesse ponto. 

Mas já adianto que dá pra pesquisar os melhores preços e as melhores opções pela Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e ajuda a escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. Usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

Seguros Promo

E aí, ficou com vontade de conhecer a Namíbia?

Assista aqui também ao vídeo que fizemos mostrando os melhores momentos da nossa viagem pela Namíbia:

Qual desses lugares você não deixaria de fora do seu roteiro pela Namíbia?

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Baixe agora nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Namíbia: explore

28 comentários em “O QUE FAZER NA NAMíBIA”

  1. Joao Martins disse:

    Ola! Estou indo a África do Sul, sozinho, e quero muito conhecer a Namíbia, mas ainda não entendi a melhor forma de chegar lá e fazer os passeios? Consigo fazer isso sozinho alugando um carro na capital? Sem guia, só com gps? Você teria o contato de algum guia? Muito obrigado!

    1. Caio Farias disse:

      Olá João. Fomos para a Namíbia no esquema de Overland Tour. Caminhões adaptados que cruzam os países por terra. Começamos na África do Sul, passamos pela Namíbia, Botswana e fomos até o Zimbabwe, 20 dias. Bem, na estrada conhecemos um casal de senhores que estavam fazendo esse mesmo trajeto com um VW Polo, rs! João é possível sim, mas precisa ser muito bem planejado. As distancia entre cidades/vilarejos são grandes, você chega a passar 6 horas dirigindo e não ver ninguém, nem uma casa. A Namíbia é um país muito grande. O mais comum é encontrar carros 4×4 adaptados com barracas de camping no teto. Concluindo: Dá pra fazer? Dá! Desde que muito planejado! Mas recomendo dar uma olhada num site: http://www.africanbudgetsafaris.com/ . É mais seguro com uma equipe.

  2. Gê Azevedo disse:

    Adriana do céu! Que post mais incrível! Confesso que tive que pausar mais de uma vez para tomar fôlego! Que lugares lindos, que fotos maravilhosas! Vale a aventura!

  3. Já tinha curiosidades mas fiquei cheia de vontade de conhecer a Namíbia, principalmente com estas imagens! Que bom post cheio de dicas essenciais! Boas viagens!

    1. Caio Farias disse:

      Obrigado, Susana! Que bom que gostou do post. Não fique apenas com a curiosidade! Conheça a Namíbia, é um lugar muito lindo! Boas viagens pra vc também!

  4. Estão aqui belas sugestões de locais a conhecer na Namíbia, um país absolutamente fascinante que visitei há alguns anos! Para mim, visitar uma aldeia Himba perdida no norte da Namíbia foi uma das experiências mais marcantes das minhas viagens por África http://www.almadeviajante.com/fotos-tribo-himba-namibia/ . Grande abraço e parabéns pelo excelente post.

  5. Michela disse:

    Ta aí um continente onde nunca fomos, ainda, mas tenho muita vontade de me aventurar um dia. Adorei o post e estas fotos são demais! Atiça mesmo a vontade de começar a planejar a expansão dos horizontes…

    1. Caio Farias disse:

      Michela, esse lugar é realmente incrível! Se tiver oportunidade não deixe de ir!

  6. Fiquei com muita vontade em ir, sim! Não conheço e tenho lido algumas coisas sobre este magnífico país. Tem paisagens lindas… O que para mim se destaca mais é o deserto 🙂

    1. Caio Farias disse:

      A Namíbia foi o país mais surreal que já visitamos até agora. É impressionante o quão selvagem o lugar é!

  7. O meu sonho, conhecer a África (continente), pois sou louca por natureza e animais (quero conhecer a Namibia, Africa do Sul, Marrocos, etc, etc). Esse artigo está lindíssimo e completo e as fotos, babei em todas. Agora, sobre sua pergunta, o que não deixar de fora, acho difícil, pois todos os lugares citados são lindos. Eu gostei bastante do Dead Vlei, Etosha, o lugar onde ver aqueles flamingos fofos e também do canion maravilhoso 🙂

    Abraços

    1. Caio Farias disse:

      Josiane, se é um sonho seu vá! Se gosta de animais e natureza, vá! Eu passava horas assistindo documentários sobre animais em casa e lá a gente sente fazer parte de um! Esse continente é muito bonito.

  8. Nossa que imagens! Ainda não conhecemos a África, minha idéia é deixar o pequeno crescer um pouco mais, e dividir em várias viagens! Obrigada pelo post inspirador! Bjs Angelica @descansanavolta

    1. Caio Farias disse:

      Obrigado pelo comentário Angélica! Faça o seu planejamento mas não deixe de conhecer esse continente! É incrível! Abs

  9. Nossa, eu sempre fico babando nas fotos de vocês da África! Namíbia sem dúvida está na lista de próximos destinos de viagem. Excelente o post, informações completíssimas e dicas valiosas! Já salvei pra quando chegar a minha hora de explorar a África! Valeu galera!

    1. Caio Farias disse:

      Obrigado! Vamos juntos, já falei isso!

  10. A Namíbia faz parte da minha to-do list, por isso vou guardar religiosamente este post! Está cheio de boas dicas! Pela sua descrição, o Etosha National Park terá que ser uma paragem obrigatória. 🙂

  11. Há anos sou louca para conhecer a Namíbia. Depois de ler esse post e babar nas fotos me convenci que preciso tirar esse plano do papel logo. Ah! e eu não tiraria nada do roteiro. Tudo parece maravilhoso.

  12. Uau!! Amei!! E essas fotos?! Deve ser mesmo encantador… e quem aproveitou a passagem do MD desses dias se deu Bem né?

  13. Geraldo Burigo de Carvalho Filho disse:

    Ola Adriana/Caio,

    Primeiramente sensacional o post de vocês, o país é realmente show…estou indo em Fevereiro com a minha esposa porém ainda estou confuso com relação aos passeios.
    Irei desembarcar na capital Windhoek e de lá tentar me organizar para visitar os lugares abaixo:
    Sei que o país é extenso, mas se eu alugar um carro consigo chegar com um GPS em todos esses lugares? Algum deles preciso de um guia para chegar? Existem hospedagem próximo a esses lugares? Existem postos de gasolina pelas estradas?
    Acredito que com relação ao parque Etosha ao Norte e o litoral não tem muita preocupação, agora para visitar as Dunas de Sossusvle, Dead Vlei, Solitarie, Canyon tem acesso a carro ? é fácil a sinalização? Como que é?
    Desculpe a quantidade de perguntas mas é que estou bem confuso mesmo…não tenho ideia do que esperar. Obrigado

    Etosha
    Spitzkoppe
    Swakopmund
    Dead Vlei
    Solitaire
    Dunas de Sossusvle
    Fish River Canyon

    1. Caio Farias disse:

      Olá Geraldo, tudo bem? Que beleza de viagem ein! Queremos muito voltar! Conhecemos todos esses pontos mas estávamos em um overland tour, um caminhão adaptado, com guias e acampando. Você vai precisar de tempo pois o país realmente é bem grande! Bem nossa percepção sobre viajar de carro pelo país é que é bom alugar um 4×4. Vimos carros comuns pela estrada, mas talvez não seja bom correr esse tipo de risco. Tirando Spitzkoppe todos os locais tinham pequenas hospedagens há menos de 30 minutos de carro. Em Spitzkoppe apenas acampando ou motor home. Existem algumas sinalizações, e você vai andar horas e horas sem ver nem mesmo uma pessoa ou casa. Nossa dica é planeje muito bem tudo! Não vá na cara e coragem procurando posto de gasolina, hotel etc. Antes de ir saiba todos os lugares onde vai ficar, passar e abastecer. É um país com um ambiente hostil, não pelas pessoas que são ótimas ou violência, mas é um país selvagem e deserto então é melhor ter todos os pontos planejados para não correr riscos. Estamos planejando voltar lá em 2018 e fazer a viagem por conta própria, da África do Sul até a Tanzânia.

    2. ERISON disse:

      Olá Geraldo! Desculpe a intromissão, mas achei que seria produtivo contatar-te, pois eu e minha namorada vamos também em fevereiro próximo à Namibia e pretendemos fazer o self-drive, com vários destinos coincidindo com os teus. Podemos nos ajudar trocando informações gerais e quem sabe até nos encontrarmos lá. Eu tenho minhas próprias dúvidas, tais como:

      Preciso de uma carteira de motorista internacional para alugar e dirigir um carro lá? Alguma vacina é exigida para entrar no país? Consigo fazer o cambio de Reais por dólares namibianos ou devo levar dólares americanos?

      Se quiser entrar em contato para trocarmos informações, meu e-mail é erison-lopes@hotmail.com

      Tenham uma ótima viagem!

  14. ERISON disse:

    Olá Caio e Adriana!

    Sensacional! Obrigado por compartilhar as experiencias de vocês!

    Assim como o Geraldo, eu e minha namorada vamos também em fevereiro próximo à Namibia e pretendemos fazer o self-drive, com vários destinos coincidindo com os seus e dele. Mas eu tenho minhas próprias dúvidas, tais como:

    Preciso de uma carteira de motorista internacional para alugar e dirigir um carro lá? Alguma vacina é exigida para entrar no país? Consigo fazer o cambio de Reais por dólares namibianos ou devo levar dólares americanos?

    Desde já agradeço a colaboração de vocês!

    Abraços!

    1. Caio Farias disse:

      Erison,
      eu sempre apresento a minha carteira internacional para alugar carros, então a sua primeira dúvida eu nao sei te responder. Vacina de febre amarela é exigida. Dificilmente conseguirá trocar reais lá, sugiro levar dólar americano.

      Curta muito essa viagem! É um dos lugares que voltaremos para fazer um self-drive!

  15. Caue disse:

    Olá!

    Estou indo em outubro para um overland tour com um roteiro parecido com o de vocês, saindo de Cape, passando por Namíbia, Botswana, Vic Falls e Kruger e terminando em Joburg.

    Vocês recomendam fazer profilaxia para malária? Pegaram prescrição com médico daqui? Tiveram alguma reação? Fiquei um pouco ansioso lendo sobre o risco da doença E dos efeitos coleterais dos remédios!

    Ah, por curiosidade, qual a música que vocês colocaram no vídeo da Namíbia? Tentei procurar com Shazam no celular, mas não achou nada!

    1. Adriana Mendonça disse:

      Oi Caue!
      Nós fizemos profilaxia de malária sim, e recomendo que faça o mesmo. Nós fomos no médico do viajante, com atendimento gratuito e maravilhoso. Demos dicas nesse post aqui: https://emalgumlugardomundo.com.br/medicina-do-viajante/
      A medicina do viajante leva em consideração seu histórico médico e seu destino de viagem pra definir qual o melhor tipo de profilaxia. É ótimo!
      Se quiser saber um pouco mais sobre como se prevenir da malária, escrevemos aqui: https://emalgumlugardomundo.com.br/prevencao-da-malaria/

      E quanto à música, é Banched Whale – Forestears

      Espero que tenha ajudado! Um abração!

      1. Caue disse:

        Ajudou sim! Já estava pensando em achar uma clínica particular, mas segunda-feira já vou tentar marcar minha consulta no Emílio Ribas.

        Obrigado e abraços!

  16. Adorei TUDO nesse post, principalmente o Vlei, aquela secura me impressionou. Fui agora à África do Sul e fiquei com vontade de conhecer a Namíbia. Agora com esse post, vai entrar na minha Wish List

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!