Mercado Flutuante em Bangkok: Damnoen Saduak + 3 opções melhores

MERCADO FLUTUANTE EM BANGKOK: VEJA AS OPÇÕES E SAIBA QUAL VISITAR

Garantir uma boa foto bonita ou ter uma experiência autêntica vai depender de qual mercado visitar. Veja os principais e escolha o seu.

  • Adriana
  • -
  • 5 de setembro de 2019
  • 38 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Quase todo viajante que chega na capital tailandesa tem em sua lista de atividades os famosos mercados flutuantes de Bangkok. Existem diversas opções: alguns são lotados e podem ser um verdadeiro programa turistão, enquanto outros nos permite um verdadeiro mergulho na cultura tailandesa.

Nós já listamos em um post completo tudo o que fazer em Bangkok com as atrações imperdíveis da caidade.

E se agora você está na dúvida sobre qual o melhor mercado flutuante de Bangkok, nós vamos esclarecer tudo aqui: confira os detalhes de cada um e aproveite nossas dicas para acertar na escolha de qual visitar.

Mercado Flutuante Bangkok Khlong Lat Mayom

Mercado flutuante de Bangkok: o que saber antes de ir

Algumas pessoas já desconsideram de imediato fazer o passeio para um mercado flutuante em Bangkok, porque acham que vão ter que acordar às 5h da manhã ou vão perder o dia todo.

Mas calma, que esse sacrifício só serve para um mercado: existem várias opções mais práticas, rápidas, originais e que valem a visita!

É importante ressaltar: para garantir aquela foto bonita ou ter uma experiência positiva e autêntica, vai depender muito de qual deles você vai escolher visitar.

Nós visitamos diversos mercados flutuantes de Bangkok e posso garantir: cada um tem suas características, prós e contras. Por isso é importante saber mais e escolher direitinho qual visitar.

Nesse post falo sobre os principais e dou minha opinião sobre qual é o melhor mercado flutuante de Bangkok. Aproveite e veja o vídeo com a nossa visita ao Khlong Lat Mayom, um dos mercados que mais curtimos:

Principais Mercados Flutuantes de Bangkok

  1. Damnoen Saduak
  2. Amphawa
  3. Khlong Lat Mayom
  4. Taling Chang

1. Damnoen Saduak Floating Market

Se você chegar em uma agência “desavisado” procurando por uma indicação, eu diria que você tem 99% de chance de parar no mercado flutuante Damnoen Saduak.

É para onde a maioria esmagadora dos turistas vão, inclusive aqueles que chegam em grandes excursões, disputando espaço e se metendo na sua frente para tirar fotos e selfies com os barquinhos.

Sinceramente, eu não entendo porque todo mundo vai pra lá se, na minha humilde opinião, ele é a maior furada de todos, aquela verdadeira armadilha para turistas.

Primeiro, você tem que madrugar para chegar ao Damnoen Saduak. Saindo de Bangkok, a viagem leva aproximadamente duas horas, ou seja, esse é o mercado flutuante de Bangkok mais distante do centro.

E nem pense em se atrasar, senão o que você irá encontrar por lá será um engarrafamento de pessoas e barquinhos.

O Damnoen Saduak é extremamente turístico, você raramente irá encontrar tailandeses por lá fazendo compras. Se você quiser ter uma experiência mais original, é melhor ir para outro mercado.

Os pontos positivos desse mercado são: ele é o único que funciona todos os dias.Ou seja , se você quiser visitar um mercado flutuante em Bangkok durante a semana, só terá essa opção.

E o Damnoen Saduak é também o que tem mais barquinhos flutuantes nos canais, o que poderia garantir boas fotos – se não tivesse tanto tumulto em volta.

Como chegar | Ônibus para o Damnoen Saduak partem do Terminal de Ônibus ao sul de Bangkok. Muita gente prefere fechar um tour para o Damnoen Saduak com o mercado Maeklong, o mercado do trem (que mostraremos ao final do post).

Mercado Flutuante Bangkok Khlong Lat Mayom 1

2. Amphawa Floating Market

Embora também não seja tão perto do centro de Bangkok, o mercado flutuante Amphawa te garante uma experiência bem melhor que o anterior.

Esse mercado flutuante fica a uns 50 km de Bangkok e a viagem leva pouco mais de uma hora.

Segundo muitos tailandeses, esse é o melhor mercado flutuante de Bangkok. Isso significa que você tem grandes chances de encontrar um mercado lotado, mas a maioria das pessoas que passeiam por lá são os próprios tailandeses.

Há várias barraquinhas em volta do canal, vendendo comidas, souvenirs, acessórios, de tudo um pouco. Os barquinhos vendem não só frutas e vegetais frescos, como comida feita na hora.

Foi bem legal sentar na beira do canal e ver meu pad thai sendo preparado ali dentro do barco. Há também muitas opções de frutos do mar. Veja o post sobre comida tailandesa pra saber algumas opções que você pode encontrar por lá.

Mercado Flutuante Bangkok Amphawa 3
Mercado Flutuante Bangkok Amphawa 2
Mercado Flutuante Bangkok Amphawa 4

Depois do almoço, nós resolvemos entrar num dos barquinhos e curtir um tour pelo canal. Ao se afastar do mercado flutuante, o cenário vai mudando e dá até pra sentir a calmaria.

O barquinho faz algumas paradas em diferentes templos que ficam na beira do canal. Dá pra sair do barco, conhecer os templos e voltar pra seguir viagem.

O mercado flutuante Amphawa funciona aos sábados e domingos das 7h às 16h.

Como chegar | Pegando um ônibus no Terminal Sul de Bangkok. Você deverá pedir para descer em Samut Songkran e dali pegar um tuk tuk ou um táxi. Uma boa alternativa é fechar um tour para o Amphawa com o mercado do trem Maeklong.

3. Khlong Lat Mayom Floating Market

Pronto, chegamos na resposta: para mim, o Khlong Lat Mayom é o melhor mercado flutuante de Bangkok. Se você quer ter uma experiência autêntica e ver como é o dia a dia em um mercado frequentado por tailandeses, esse é o lugar.

Eu já estava descrente, achando que todos os mercados flutuantes ou tinham virado atração turística ou estavam sempre insuportavelmente cheios.

Até que, depois de pesquisar um pouco, descobri o Khlong Lat Mayom Floating Market. Vi que a agência Take Me Tour oferecia esse passeio – e lá fomos nós finalmente conhecer um mercado flutuante em Bangkok “de verdade”!

Esse é um dos mais recentes e, por mais que contraditório que pareça, é o que tem mais cara de tradicional.

Isso se deve ao fato de que o mercado é em grande parte frequentado por tailandeses, e não turistas. Até vimos um ou outro com a câmera na mão, mas em nada interferiu nossa sensação de estar em um lugar original.

Mercado Flutuante Bangkok Khlong Lat Mayom 2
Mercado Flutuante Bangkok Khlong Lat Mayom 5

Nós chegamos por volta das 10h lá e já encontramos bastante movimento, mas o mercado não fica tumultuado ou lotado como os outros. Outro ponto pra ele!

Assim que chegamos fomos pegar o barquinho pra dar uma volta pelos canais. A dica da nossa guia foi fazer logo o passeio, pois já estava muito quente e o calor só tendia a piorar.

O passeio durou cerca de 1 hora e meia, e já nos primeiros 10 minutos você é capaz de jurar que saiu de Bangkok.

Muita paz, muito verde, um cenário maravilhoso! De vez em quando passava um barquinho com um senhorzinho remando, mostrando que a vida ali acontece em outro ritmo.

Mercado Flutuante Bangkok Khlong Lat Mayom

Terminado o passeio de barco, ficamos rodando pelo mercado que acontece ali na beira do canal. Ele é bem grandinho e ficamos um tempo perdidos nas opções de comida que tinham ali.

Quanto ao mercado flutuante em si, não há taaantos barquinhos vendendo coisas (como no Damnoen Saduak por exemplo), mas tem na quantidade certa pra garantir uma experiência autêntica.

A fome bateu e nossa guia nos deu várias sugestões para o almoço. Deixamos ela escolher a barraquinha, já que ela conhecia tudo (aliás ela nos deu uma aula sobre vários assuntos).

Encaramos um peixão assado e uns pedaços de frango, acompanhados de uns 5 molhos de pimenta diferentes (afinal, estamos na Tailândia!). Sobrou só osso e espinha.

Resumindo: quer conhecer o melhor mercado flutuante de Bangkok? Vá para o Khlong Lat Mayom! Só não sei se ele ficará bom assim por muito tempo!

Como chegar | A melhor forma de chegar até lá é fazendo  um tour. Nossa guia contribuiu muito pra experiência ter sido tão boa, então vale a pena. Você também pode pegar o BTS até Bang Wa e de lá seguir de táxi.

4. Taling Chang Floating Market

Taling Chang é outro mercado flutuante de Bangkok que ganha pontos pela conveniência, por ficar relativamente perto do centro.

Ele é mais antigo que o Khlong Lat Mayom Floating Market e, por ser mais conhecido, acaba recebendo muitos turistas, embora bem menos se comparado ao Damnoen Saduak.

É um mercado flutuante pequeno sem muitos canais, então o passeio de barco pode ser um pouco limitado e não ser tão interessante como no do Khlong Lat Mayom.

Mas ainda assim é gostoso relaxar por um momento e depois curtir um almoço feito ali na hora Só chegue cedo pois fica bem cheio. A boa aqui também é experimentar os frutos do mar.

O Taling Chang funciona das 8h às 16h, sábados e domingos.

Como chegar | Pegar o BTS até a estação Bang Wa e de lá pegar um táxi, que deve sair por uns 140 baht. Há também uma boa opção de tour para o Taling Chang, que combina o passeio com uma visita ao Chatuchak, outro mercado de Bangkok.

Mercado Flutuante Bangkok Amphawa 1

Dica extras de mercado em Bangkok

Mercado do trem Maeklong

Já mostramos os melhores mercados flutuantes de Bangkok. Mas não podemos deixar de citar o Maeklong, o incrível mercado do trem na Tailândia.

Não espere um lugar bonito, mas sim uma experiência inusitada. Afinal, trata-se de um mercado que é montado em cima dos trilhos do trem.

E o mais curioso: a ferrovia está em funcionamento, ou seja, o trem passa por ali! É uma experiência e tanto ver os toldos e barracas sendo recolhidos há poucos instantes do trem passar.

E em segundos depois, tudo volta ao normal – e o mercado funciona normalmente.

Para saber mais, confira o post que mostramos em detalhes o Mercado do Trem Maeklong. Assista o vídeo que fizemos por lá!

Mercados de rua

Mais mercados??? Sim, afinal você está em Bangkok!

Claro que os mercados flutuantes de Bangkok são imperdíveis e devem estar na sua lista de prioridades. Mas a cidade está cheia de mercados incríveis e você não deve perder a oportunidade de conhecê-los – afinal eles são a cara de Bangkok!

Há diversas opções. O Chatuchak é o famoso e gigantesco mercado que rola nos finais de semana. Pode pensar em praticamente qualquer coisa – você vai encontrar por lá.

Há outros mercados noturnos que são uma delícia: coloridos, movimentados, cheios de comidas gostosas. Eles são uma ótima pedida para encerrar um dia de passeios pela cidade.

Para saber mais, confira o post com os 7 melhores mercados de rua de Bangkok e escolha qual(is) visitar.

Onde se hospedar em Bangkok

Planejando sua viagem pela capital tailandesa e ainda não sabe onde vai dormir? Confira nossas dicas de onde ficar em Bangkok para saber mais sobre as melhores regiões. Para um resumo rápido, aqui vão três dicas:

A região de Old Town é onde fica a famosa Khao San Road, destino dos mochileiros e de quem quer ficar próximo das principais atrações turísticas. Tem acomodação para todos os gostos ali, e eu sugiro o Rambuttri Village Plaza, o Baan Chart e o Once in Bangkok With Me Guesthouse

Outra opção que até prefiro é ficar na Sukhumvit. É uma região central, com muito comércio e BTS pra te levar pra todos os lados de Bangkok. Boas opções por aqui são o Novotel Bangkok on Siam Square, o S33 Compact Sukhumvit Hotel e o Lub d Bangkok Siam.

Se você quer uma hospedagem em alto estilo, seja para uma viagem comemorativa ou para algo inesquecível, a região de Riverside é a mais indicada. Ali estão exemplares das grandes cadeias de hotéis internacionais, oferecendo luxo e conforto com um visual incrível. Confira o The Peninsula Bangkok ou o mais econômico The Grand Sathorn.

Primeira vez no país? Confira nosso Guia Prático da Tailândia: aqui você encontra todas as informações que precisa para planejar sua viagem

Você já fez seu seguro viagem?

Para viajar tranquilo e sem dor de cabeça, não se esqueça também de fazer seu seguro viagem. Já precisamos de atendimento médico durante nossa viagem para Bangkok e felizmente tínhamos o seguro para cobrir as despesas. E vale dizer que o atendimento foi excelente!

Por isso, sugerimos sempre fazer uma busca nas opções no site Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e ajuda a escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. 

E o melhor: aproveite 5% de desconto utilizando o nosso código promocional EMALGUMLUGAR5. Viaje na paz!

Seguros Promo

Mais dicas para sua viagem à Tailandia

Mala | Ainda não sabe como fazer sua mala para essa viagem? Dúvidas quanto a mochilão ou mala de rodinhas? Vai pegar algum voo com cia low cost e não sabe o limite de bagagem? Aproveita para dar uma olhada no nosso post sobre o que levar para Tailândia e tirar todas as suas dúvidas.

Chip de internet | Nós já usamos chip internacional (daqueles que você compra ainda no Brasil), mas ele não funcionou bem na Tailândia. Por isso, o ideal é usar um chip local. Existem várias empresas, nós usamos o da AIS e funcionou em todos os destinos. É possível comprar em qualquer loja de conveniência (boa sorte no tailandês e na mímica!) ou comprar com antecedência e retirar seu chip em um stand assim que chegar no aeroporto Suvarnabumi.

Roteiro | Se você pretende combinar Tailândia e outros destinos na mesma viagem, veja nossas sugestões de roteiro para o sudeste asiático: tem várias opções de destinos que cabem em uma viagem de 20 a 30 dias pela região.

Dinheiro | Vai para Tailândia e ainda não sabe quanto de dinheiro levar? Confira nosso post sobre quanto custa viajar para Tailândia e faça uma estimativa de seus gastos durante a viagem.

Transporte | Entender como se locomover pela Tailândia parece difícil em um primeiro momento: são tantas opções de avião, trem, ônibus e barco que só de começar a pesquisar você já pode ficar perdido. Pra facilitar, consulte o site 12GoAsia: ele lista todas as opções de deslocamento disponíveis entre os destinos que você selecionar. Esse site nos ajudou muito na nossa viagem pela Tailândia.

Powered by 12Go Asia system

E para você, qual o melhor mercado flutuante de Bangkok? Conta pra gente nos comentários!

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Tailândia: explore

38 comentários em “MERCADO FLUTUANTE EM BANGKOK: VEJA AS OPÇÕES E SAIBA QUAL VISITAR”

  1. eu adorei visitar o mercado flutuante! uma coisa muuito louca ne, preparando as comidas ali no barco memso, ajeitando sem virar o barco completamente aheuahe uma experiencia muito diferente!

    1. Adriana Mendonça disse:

      Esse povo tem uma habilidade incrível! hahaha <3 E a comida ainda fica muito boa né!

  2. Esse mercado é realmente muito interessante, adorei ter passei por ele, também recomendo o passeio.

    1. Adriana Mendonça disse:

      Que bom Christian! Quase todo mundo que vai curte o passeio mesmo 🙂

  3. Klecia disse:

    Bangkok é aquele lugar que sempre quis ir, mas nunca coloquei o planejamento de fato pra frente. Vou fazendo outros destinos e quando vejo um post assim, me lembro exatamente porque preciso fazer esse desejo de conhecer essa região virar realidade. Esses mercados são surreais, uma realidade e cultura tao diferente da nossa. Preciso ver isso de perto!

    1. Adriana Mendonça disse:

      Klecia, pode colocar esse planejamento pra rodar e ir sem medo, Bangkok é demais! Somos suspeitos pra falar pq moramos na cidade por um tempo, mas te garanto que não tem como não curtir, principalmente se for com o coração aberto pra aprender mais sobre a cultura. Se precisar de dicas, só chamar! Um abraço!

      1. Nara disse:

        Olá! Como faço pra chegar a esse mercado que você disse ser o melhor de bangkok? O meio de transporte

        1. Caio Farias disse:

          Olá Nara, explicamos tudo lá aí em cima, no post! “Você também pode pegar o BTS até Bang Wa e de lá seguir de táxi, que deve dar uns 120 baht.”
          Abs e boa viagem

  4. Seu post está perfeito. Muito completo. Eu também prefiro coisas mais autênticas e adorei o seu mercado favorito

    1. Adriana Mendonça disse:

      Obrigada pelos elogios! Nada como conhecer o lado mais autêntico de um lugar pra experiência ser mais enriquecedora ainda né?

  5. Diego Arena disse:

    Muito legal as dicas. Adorei todos, mas acho que não deixaria de visitar o Khlong. Com certeza conhecerei esses mercados quando for pra lá.
    Obrigado por compartilhar.

    1. Adriana Mendonça disse:

      O Khlong realmente é demais, muito original! Dá pra sentir a Tailândia “de verdade” em uma visita a esse mercado. Imperdível!

  6. Esse com certeza é um passeio super diferente de tudo que já vimos. O preparo do alimento ali mesmo, é impressionante. Sem contar com a variedade. Valeu muito o passeio.

    1. Adriana Mendonça disse:

      Também achamos que vale muito o passeio, é uma experiência incrível. E a variedade de comida thai é muito boa!

  7. Ana Flores disse:

    Bangkok está na minhas lista de destinos à visitar. Este mercado me causa um pouco de pânico, admito. Acho que por causa do barquinho, se balança muito, cai… ahhaha

    1. Adriana Mendonça disse:

      Você vai amar Bangkok, só vá de coração aberto para vivenciar algo bem diferente! Ah, e o barquinho não balança nada! É completamente estável e ás águas dos canais sã bem calminhas 🙂

  8. Viajante Comum disse:

    Que experiência mais massaaaaaa! Certamente estará no meu roteiro! É tão incrível conhecer novas culturas né? Amei o post!

    1. Adriana Mendonça disse:

      Que bom que gostou! Você vai adorar esse passeio, tenho certeza!

  9. Keul Fortes disse:

    Que interessante esse tipo de mercado. Uma loucura hein? Deve ser uma experiência incrível! Parabéns pelo post.

    1. Adriana Mendonça disse:

      Obrigada 🙂 O mercado realmente é muito interessante, diria que é um passeio imperdível pra quem quer conhecer mais da cultura tailandesa em Bangkok!

  10. os mercados flutuantes de Bankok são incríveis, adorei o seu post, super descritivo e com várias dicas muito importantes, principalmente para quem viajará pela primeira vez. As fotos estão incríveis, parabéns!

    1. Adriana Mendonça disse:

      Obrigada! Fico feliz com seu relato, a idéia é mesmo mostrar mais desses mercados e incentivar que os viajantes façam uma visitinha! Um abraço!

  11. Paula Abud disse:

    Não sei se eu iria hahaha E o medo de cair? Mas que são interessantes são, achei muito original e como vários comentaram o fato de produzirem o alimento ali é ainda mais legal de ir se visitar.
    Ainda não conheço Bangkok, mas por essas peculiaridades espero muito poder ir um dia!
    Adorei o post!
    Beijos.

    1. Adriana Mendonça disse:

      Oi Paula! Pode ficar tranquila se vier um dia, os barquinhos são muito estáveis e nem balançam! Dá pra curtir o passeio sem medo e depois aproveitar pra provar uma comidinha thai. Delícia de programa! Beijos!

  12. Confesso pra você que não curti muito os programas pega turista em Bangkok não, mas me aventurei por Thonburi e fiquei encantada. Acho incrível essa possibilidade que grandes cidades como Bangkok nos dão de descobrir a poesia no dia a dia das pessoas que moram por lá. Post encantador. Me bateu saudades.

  13. Adorei as dicas! Ficou bem completo o post!
    Estou planejando minha viagem para a Tailandia em Novembro e essas dicas vão me ajudar muito para escolher o melhor mercado para o meu roteiro.

    1. Adriana Mendonça disse:

      Oi Juliana! Você vai amar a Tailândia. Não deixe de conhecer um mercado flutuante quando estiver por Bangkok 🙂 Boa viagem!

  14. Junia Amaral disse:

    Olá Adriana!!
    Muit legal essa dica de mercados, estou na Tailândia e gostaria de visita lo.
    Saberia me informar se esse mercado abre todos os dias ou apenas finais de semana ?
    Obrigada

    1. Caio Farias disse:

      Oi Junia, desculpe pela demora, estamos numa batida de viagem corrida e não conseguimos responder a sua mensagem a tempo. O Damnoen Saduak Floating Market que é o mais “turistão” abre todos os dias, mas pelo que lemos a experiência não é tão legal assim.

  15. Michelly Weber disse:

    Adriana, algum mercado funciona durante a semana?

    1. Caio Farias disse:

      Olá Michelly, a grande maioria deles sim. Já fomos ao Amphawa Floating Market no sábado e no domingo e no Khlong Lat Mayom Floating Market no domingo!

  16. Luan Ferraz Chaves disse:

    Olá, boa tarde.
    Entrando no site da Take Me Tours, os passeios são só para final de semana. Como não estarei em Bangkok durante um final de semana, gostaria de saber se o Amphawa e o Khlong abrem de segunda ou terça-feira.
    Obrigado

    1. Caio Farias disse:

      Olá Luan,
      é uma pena, os dois funcionam apenas nos fins de semana. O único que conhecíamos que fica aberto durante a semana é o Damnoen Saduak. Esse é o mais visitado pelos turistas e por isso, na nossa opinião a experiência não é tão autêntica e por alguns chega a ser considerado até como uma “turist trap”, aquelas armadilhas para turistas.

      Espero que curta sua viagem pela Tailândia!

      Abs e boas viagens!

  17. Luca disse:

    depois que você fez esse tour, vc voltou pra bangkok e fez o mercado do trem?

    1. Caio Farias disse:

      Luca, depende de qual mercado flutuante você fala. É possível fazer o mercado do Trem pela manhã e ir até o Amphawa Floating Market no mesmo dia e depois voltar para Bangkok. Abs.

  18. Caio Farias disse:

    Muito obrigado pela indicação! O post ficou muito legal!

  19. Luciana disse:

    Amei as dicas!!!
    Gostaria de saber se a guia que fez o passeio com vcs fala Português?

    1. Caio Farias disse:

      Olá Luciana, tudo bem? Que bom que gostou. A guia que fez o passeio com a gente falava inglês e Thai. No tempo que passamos lá na Tailândia, não vimos guias que falavam português apesar de acreditar que hoje, com o grande número de visitantes brasileiros, já deve ser possível encontrar esse serviço.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Porque um dia de semana qualquer em Arraial do Cabo com o pessoal da @lagostrilhas sempre rende foto boa!#emalgumlugardomundo #arraialdocabo #destinosimperdiveis #topdestinos #turismobrasil

Essa foto tá pra sair do forno tem tempo, mas a correria do dia a dia tem nós mantido meio distantes daqui.
Daí hoje fizemos uma pausa pra refletir sobre a rotina que “rouba” nosso tempo.
É muito bom estarmos tão envolvidos com o blog e com os projetos que tocamos. E sim, viver do nosso blog de viagem dá muito mais trabalho do que muitos imaginam! Mas é muito bom e só temos a agradecer.Afinal, graças a ele conhecemos tantos lugares maravilhosos. Alguns do outro lado do mundo, outros pertinho do nosso – até então – lar oficial.Um dos últimos destinos que conhecemos foi a Cachoeira do Saco Bravo, em Paraty. Pra chegar nela, encaramos uma trilha de 9km saindo de Ponta Negra, uma vila Caiçara próxima a Trindade e Praia do Sono. Bem cansativa, mas não poderia ter melhor recompensa do que esse visual: uma piscina natural, formada por uma cachoeira na beira do mar!
Por mais viagens assim. E por mais momentos de reflexão e felicidade por nossas escolhas de destinos e de vida!
.
.
.
.
.
#emalgumlugardomundo #paraty #costaverde #destinosimperdiveis #destinosbrasileiros #mtur #qualviagem #embarquenaviagem #errejota #turismobrasil #proximaviagem #achadosdasemana #gostariadeiroficial

😃 Uma praia dessas é mais felicidade que um parque de diversões sem fila!!! É não é que é essa a sensação mesmo? Parando aqui pra pensar e agradecer pelo quanto a gente é sortudo na vida por ter momentos maravilhosos em lugares paradisíacos assim – e vazios na baixa temporada 🙏❤️ A belezura de Trindade nos diazinhos de sossego que passamos na @pousada_cabeca_do_indio e fomos diversas vezes à Praia do Cachadaço. 🏝
Conta pra gente: qual seu destino preferido pra curtir um momento relax?#emalgumlugardomundo #trindade #paraty #mtur #destinosbrasileiros #missaovt #revistaqualviagem #embarquenaviagem #praiasbrasileiras #achadosdasemana #errejota #proximaviagem #viajarfazbem

Ainda sobre Trindade: essa é a piscina natural do Cachadaço (ou Caixa D’Aço). Pude muitas vezes contemplar esse lugar lá de baixo, mas a vista de cima dela é incrível!
O legal daqui é que, mesmo com o mar  bem agitado, as pedras dão a proteção ideal para um mergulho bem tranquilo!#emalgumlugardomundo #paraty #trindade #destinosbrasileiros #mtur #qualviagem #destinosimperdiveis

Tem horas que tudo que a gente quer é brincar. Como é bom voltar a ser criança, mesmo que seja por alguns poucos minutos!#emalgumlugardomundo #paraty #trindade #embarquenaviagem #destinosbrasileiros #mtur #viagemeturismo

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!