O que fazer em Santa Cruz de La Sierra, Bolívia | Em Algum Lugar do Mundo

UMA PARADA PARA CONHECER SANTA CRUZ DE LA SIERRA, BOLÍVIA

Um passeio pela maior cidade da Bolívia

  • Adriana
  • -
  • 3 de agosto de 2019
  • 2 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Chegamos em Santa Cruz de La Sierra e encontramos a cidade mais rica e multicultural do país, com mesclas de ruas empoeiradas e construções antigas pelo seu centro histórico. Ela foge um pouco daquele cenário típico boliviano mas, contrariando nossas expectativas, há sim o que fazer em Santa Cruz de La Sierra – seja em uma visita rápida ou mais prolongada à cidade.

Apesar de ser a maior cidade da Bolívia, Santa Cruz de La Sierra não configura um dos destinos mais turísticos do país. Porém, a cidade acaba sendo a porta de entrada de muitos brasileiros, devido à proximidade com a nossa fronteira. Então por que não aproveitarmos pra conhecer melhor o que a cidade tem a oferecer?

o que fazer em santa cruz de la sierra - plaza
Praça 24 de Septiembre

Vamos mostrar nesse post o que fazer em Santa Cruz de La Sierra, com opções para curtir um dia inteiro na cidade; e ainda com passeios bate-volta, daqueles que valem a pena estender a estadia por mais uns dias.

Um pouco mais sobre Santa Cruz de La Sierra

Começar sua viagem na Bolívia por Santa Cruz de La Sierra tem suas vantagens. Para quem chega de avião do Brasil, costuma pagar menos na passagem para Santa Cruz, se comparado a La Paz. Para nós que entramos na Bolívia de carro, era inevitável passar por Santa Cruz para seguir viagem pelo país.

Outra coisa: Santa Cruz é um dos poucos destinos da Bolívia em que você não sofrerá o temido soroche, o mal de altitude. A cidade está a apenas 416 metros do nível do mar, com temperaturas mais quentinhas, que variam de 12 a 33 graus ao longo do ano.

Além disso, foi em Santa Cruz que começamos a nos aprofundar no conhecimento do país. Ainda considerando que a Bolívia é um país pobre, Santa Cruz é uma das cidades mais ricas da Bolívia, tendo sido por alguns anos consecutivos a cidade que cresceu mais rapidamente em todo o mundo.

Também foi interessante descobrir que há uma rixa e uma grande diferença cultural entre o leste e o oeste do país. Santa Cruz de La Sierra, por exemplo, é julgada pelo lado oeste por sua falta de identidade ou cultura: it’s all about money. Já os cruceños (naturais de Santa Cruz) apontam os moradores de La Paz (e de outras cidades com altitude elevada) como pessoas frias e “mãos fechadas”.

Seja como for, Santa Cruz de La Sierra está pronta para te dar as boas vindas ao país. Veja só:

O que fazer em Santa Cruz de La Sierra

Conhecer o Centro Histórico

Andar pelas ruas do Centro Histórico, onde se concentram muitos de seus atrativos, é a melhor maneira de começar a desbravar a cidade. Começamos nosso passeio na Plaza 24 de Septiembre, o epicentro da cidade histórica. Dali, seguimos pelas principais ruas do centro colonial, visitando museus e igrejas.

Dica importante: note que muitas atrações param de funcionar no horário do almoço, respeitando a siesta. Cuidado para não dar de cara na porta!

Alguns pontos que você pode visitar são:

Basílica Menor de San Lorenzo (Catedral)

Provavelmente a construção mais emblemática da cidade, no centro da Plaza 24 de Septiembre. Toda de tijolinhos, sua arquitetura e fachada logo se destacam à vista.

o que fazer em santa cruz de la sierra - basilica menos
A Basílica Menor de San Lorenzo está situada no coração da cidade, na praça 24 de Septiembre

Em seu interior podemos visitar o Museu de Artes Sacras e subir até a sua torre principal: lá de cima podemos contemplar a vista de Santa Cruz de La Sierra do alto. Também dá pra ver de pertinho as engrenagens e os ponteiros de seu antigo relógio.

Horário de funcionamento: todos os dias das 8 às 21 horas. A torre, no entanto, fica aberta apenas das 8 às 12 e das 15 às 18:30 e o museu das 15 às 18 horas.

Casas del Gobierno

Aproveite para conferir ainda ali na Plaza algumas construções da Administração Pública – a Casa del Gobierno Autónomo Departamental e a Casa del Gobierno Autónomo Municipal, imponentes prédios históricos.

o que fazer em santa cruz de la sierra - casa del gobierno
Fachada do prédio onde é a sede do Governo da cidade

Museus e Centros Culturais

Nos arredores da Plaza de 24 de Septiembre está a Casa Municipal de La Cultura Raúl Otero Reiche, que reúne obras de diversos artistas sul-americanos. Horário de funcionamento: Dias de semana: 8h às 12h e das 16h às 21h. Sábados e domingos: 16h às 21h. Entrada gratuita.

o que fazer em santa cruz de la sierra - casa raul
Observando uma das exposições da Casa Municipal de La Cultura Raúl Otero Reiche

Já o Manzana Uno é um espaço cultural interativo, com diferentes exposições de fotografias e obras de arte. Horário de funcionamento: segunda a domingo, das 10h às 12h30 e das 16h às 21h. Entrada gratuita.

o que fazer em santa cruz de la sierra - manzana uno
Exposição externas de fotos de jornalistas bolivianos no Manzana Uno

Ainda no Centro Histórico fica o Museu de Arte Contemporânea, com mais de 250 obras fixas de arte moderna da Bolívia. Horário de funcionamento: dias de semana: 9h às 12h e das 15h às 20h; sábados: 15h às 20h. Não abre aos domingos.

Outras igrejas

Algumas outras igrejas que ficam na região do centro histórico e que você pode visitar são: Iglesia La Merced, Iglesia San Andres, Inglesia San Francisco e Iglesia Jesus Nazareno.

Jardim Botânico Municipal de Santa Cruz de La Sierra

O parque é grande e bem cuidado, surpreendendo pela variedade de espécies. Você pode percorrer cerca de 6km entre as árvores e descobrir mais sobre a flora local. Não deixe de fazer a pequena trilha que leva até o seu mirante. Endereço: Carretera a Cotoca, Quilômetro 8 ½. Horário de funcionamento: 8h às 18h. A melhor maneira de chegar até lá é nas vans com destino a Cotoca que saem do Terminal da região central (Esquina entre a Calle Barrón e a Avenida Suarez Arana). As passagens custam menos de 2 bolivianos, cerca de 1 real.

o que fazer em santa cruz de la sierra - jardin botanico
Foto: Dario Melgar / CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Região de Equipetrol: shoppings e atrações noturnas

O Equipetrol é um dos bairros mais moderninhos de Santa Cruz de La Sierra, onde está o grande shopping Ventura Mall, como também muitos dos bares e restaurantes badalados da cidade. Mesmo que você não esteja hospedado por aqui, vale dar uma voltinha durante a noite pra ver o movimento. Outra rua agitada e com muitas opções de onde comer é a Avenida Monsenhor Rivero.

Quer mais dicas de viagem? Curta nossa página no Facebook!

em algum lugar do mundo no facebook

O que fazer em Santa Cruz de La Sierra: passeios bate-volta

Tem mais de um dia para ficar em Santa Cruz de La Sierra? Pois há vários passeios próximos que podem valer mais a pena do que ficar na cidade mesmo. Confira algumas opções:

Visitar o Parque Nacional Amboró

Pra quem quer fugir do clima de cidade e ter mais contato com a natureza, está aqui uma ótima opção de o que fazer em Santa Cruz de La Sierra: dar uma escapadinha até o Parque Nacional Amboró.

o que fazer em santa cruz de la sierra - parque amboro
Foto: Pattrön / CC BY-SA 2.0 

Por lá você pode avistar mais de mil espécies de aves, centenas de espécies de mamíferos e répteis, além da flora riquíssima. No Parque você irá encontrar três ecossistemas diferentes: o da floresta Amazônica, o do “Chaco” (Pantanal) e a vegetação típica da Cordilheira dos Andes.

É preciso contratar um guia para visitar o parque, que fica a apenas 40km de Santa Cruz de La Sierra. É um ótimo passeio para se combinar com uma estadia em Samaipata, já que fica no caminho entre as duas cidades.

Conhecer Samaipata

Samaipata é uma pequena cidade pacata nos pés dos Andes, a 120km de Santa Cruz de La Sierra. Por aqui não faltam casinhas coloridas, pequenas pousadas simpáticas, restaurantes naturais, cafés charmosos, artesanato e muito contato com a natureza.

Samaipata está cercada pelas montanhas do gigantesco Parque Nacional Amboró, com uma biodiversidade sem igual. Para quem gosta de cachoeiras, vale conhecer as La Cuevas, com 3 quedas d’água e piscinas naturais bem convidativas para um banho.

Mas um dos maiores atrativos da cidade é o chamado El Fuerte de Samaipata, um sítio arqueológico com vestígios de antigas civilizações, Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO.

o que fazer em santa cruz de la sierra - Sama
Forte onde eram realizados rituais religiosos e observações astronômicas dos povos pré-hispânico

Muitas pessoas visitam Samaipata em apenas um dia, mas sugerimos reservar pelo menos 2 dias inteiros para aproveitar bem a cidade.

Visitar as Dunas

Quando pensamos em tudo o que fazer em Santa Cruz de La Sierra, não esperávamos encontrar essa bela surpresa: essas lindas dunas ficam no Parque Lomas de Arena, a apenas 25km da cidade. Um ótimo passeio para brincar na areia, tentar um sandboard, visitar algumas lagoas e curtir um visual bem lindo.

o que fazer em santa cruz de la sierra - lomas de arena
Um parque que nas devidas proporções nos faz lembrar dos Lencóis Maranhenses. Mas bem pequeno!

Para chegar lá, o ideal é fechar um tour saindo do centro ou do seu hotel em Santa Cruz (pergunte no seu hotel). Nós fomos no nosso carro e não tivemos nenhum problema. Para ir de transporte público, você deverá pegar o ônibus 21 na esquina das ruas Colon com Ayacucho – o Parque será no ponto final. Dali, siga em uma boa caminhada de 6km até as dunas.

Onde se hospedar em Santa Cruz de La Sierra

Existem duas principais regiões que concentram as melhores opções de hotéis em Santa Cruz de La Sierra. A primeira é o Centro Histórico, ideal para quem quer ficar bem localizado e conhecer grande parte dos atrativos caminhando.

A outra região é Equipetrol, um bairro mais moderno e com boas opções de comércio e restaurantes ao redor. O ponto negativo aqui é depender de transporte para ir ao centro.

Nós ficamos hospedados no Aviador Hotel Boutique, que fica a uma curta caminhada do centro histórico. A localização é boa e ainda tem um shopping pertinho. O hotel em si é excelente – e lindo: uma decoração toda temática de aviação, bem inspirador para os apaixonados por viagem.

São poucos quartos, tudo novinho e muito aconchegante. O café da manhã era delicioso, com muitas opções frescas e incluindo algumas delícias locais. Fora isso, só o atendimento já valeria a estadia, sempre éramos recebidos com um sorrisão no rosto. Uma diária no Aviador Hotel Boutique custa a partir de R$249 reais.

Para mais opções de hotel em Santa Cruz de La Sierra, é só clicar aqui.

Onde e o que comer em Santa Cruz de La Sierra

As opções de restaurante em Santa Cruz de La Sierra são bem variadas. Encontramos cozinha de todo o mundo aqui, mas nós queríamos provar algo bem tradicional.

Para isso, a recomendação é o El Aljibe, um restaurante-museu que fica no centro histórico. As peças antigas dão um toque bem especial ao restaurante, que tem mais de 130 anos de história. No próprio cardápio você já aprende mais sobre a origens da culinária local. Ou seja, já valeria uma visita independente da comida.

Mas a comida é deliciosa! Ficamos na dúvida entre as tantas opções de “chincharrón”, “majadito” e “queperí” que vimos no cardápio. Aproveite para provar o “locro de gallina”, que é parecida com a nossa canja de galinha, mas com um toque diferente. Dá pra conferir o cardápio no site deles.

Aproveite sua passagem por Santa Cruz de La Sierra e prove o tradicional majadito de charque, uma famosa delícia da Bolívia de arroz com charque, servido com ovo e banana frita. E entre uma caminhada e outra, delicie-se com as salteñas, a versão boliviana do pastel brasileiro e das empanadas argentinas.

Como chegar e se locomover em Santa Cruz de La Sierra

Como chegar a Santa Cruz de La Sierra

Avião

O principal aeroporto de Santa Cruz de La Sierra é o Viru Viru, que fica à 17km da cidade. Há algumas opções de voos diretos do Brasil para Santa Cruz, mas muitos deles vão incluir uma escala em Lima, Assunção ou Buenos Aires. As principais cias que fazem o trajeto são a Gol, BoA, Latam e Aerolineas Argentinas.

Trem

Muitos brasileiros optam por chegar em Santa Cruz de La Sierra de trem, no chamado Trem da Morte. Para isso, é preciso cruzar de Corumbá (Mato Grosso do Sul) para Puerto Quijarro, a cidade boliviana que faz fronteira com o Brasil. De lá, pega-se o trem, que é bem lento e sem luxo, mas tem um baixo custo. O blog Leve na Viagem contou como é essa viagem de trem.

Vale dar uma explicação breve sobre o “Trem da Morte”: alguns dizem que esse nome se deu pela quantidade de mortos durante a construção, vítimas da malária. Outros contam que o nome veio porque o trem serviu para transporte de doentes e mortos durante uma epidemia de febre amarela que assolou a região no passado.

Carro

Para quem pretende chegar de carro como a gente, irá encontrar estradas em boas condições até chegar em Santa Cruz. Nós cruzamos a fronteira de Corumbá para Bolívia, e acrescentamos uma parada na cidade de San José de Chiquitos, antes de chegarmos a Santa Cruz. Você pode ler nosso post sobre como viajar para a Bolívia de carro e ter mais informações.

Como circular em Santa Cruz de La Sierra

É bem fácil se locomover por aqui. A cidade é divida em anéis – 1º anillo, 2º anillo, 3º anillo e, dentro destes, por quarteirões numerados. Os táxis são bem baratos, mas existe também opções de micros, pequenos ônibus, para os trajetos maiores, e os trufis, táxis compartilhados que circulam nos anéis. Mas fica a dica que, que dentro do Centro Histórico, é possível conhecer quase tudo a pé.

Quando ir a Santa Cruz de La Sierra

A boa notícia é que por aqui o tempo é bem constante, fazendo sol quase o ano todo. Contudo, a temperatura varia bastante dependendo dos ventos que vem dos pampas argentinos, caindo bastante nos meses de junho e julho amenizando o forte calor do início do ano, que pode chegar aos quase 40 graus.

Nesta região baixa da Bolívia, os melhores meses para visita costumam ser entre maio e setembro, que não chove muito e a temperatura é mais agradável.

Agora que você já sabe o que fazer em Santa Cruz de La Sierra, vai incluir esse destino no seu roteiro pela Bolívia?

Você também poderá gostar de:

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Bolívia: explore

2 comentários em “UMA PARADA PARA CONHECER SANTA CRUZ DE LA SIERRA, BOLÍVIA”

  1. LAIS CANCIAN E OLIVEIRA FERNANDES disse:

    Olá gostaria de saber se vcs ainda tem o contato do hotel que ficaram

    Não estou conseguindo entrar em contato com eles
    Obrigada

    1. Caio disse:

      Olá, infelizmente não temos o contato, já tentou pela página deles no Facebook?
      Abs

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Ainda sobre Arraial do Cabo… Vamos publicar nas próximas semanas vários posts sobre a cidade: trilhas, melhores praias, passeio de barco, além do post com sugestão de hospedagem que já tem lá no blog. Por aqui, continuamos aproveitando um pouco desse paraíso entre um post e outro! Escreva nos comentários o que você gostaria de saber sobre esse destino!
#emalgumlugardomundo #arraialdocabo #destinosimperdiveis #mtur

Olhar pro horizonte e planejar o que vem pela frente: é nessa fase que estamos! Trabalhando muito para produzir conteúdos e estruturar o blog – sem deixar de pensar no próximo destino. 😁Arraial do Cabo tem sido a nossa base esse ano e as belezas daqui tem nos ajudado a relaxar nos momentos de stress. Não é tão difícil com um mar desses, né?
E vc, o que faz quando precisa desestressar e planejar a próxima viagem?#emalgumlugardomundo #arraialdocabo #destinosimperdiveis

Porque um dia de semana qualquer em Arraial do Cabo com o pessoal da @lagostrilhas sempre rende foto boa!#emalgumlugardomundo #arraialdocabo #destinosimperdiveis #topdestinos #turismobrasil

Essa foto tá pra sair do forno tem tempo, mas a correria do dia a dia tem nós mantido meio distantes daqui.
Daí hoje fizemos uma pausa pra refletir sobre a rotina que “rouba” nosso tempo.
É muito bom estarmos tão envolvidos com o blog e com os projetos que tocamos. E sim, viver do nosso blog de viagem dá muito mais trabalho do que muitos imaginam! Mas é muito bom e só temos a agradecer.Afinal, graças a ele conhecemos tantos lugares maravilhosos. Alguns do outro lado do mundo, outros pertinho do nosso – até então – lar oficial.Um dos últimos destinos que conhecemos foi a Cachoeira do Saco Bravo, em Paraty. Pra chegar nela, encaramos uma trilha de 9km saindo de Ponta Negra, uma vila Caiçara próxima a Trindade e Praia do Sono. Bem cansativa, mas não poderia ter melhor recompensa do que esse visual: uma piscina natural, formada por uma cachoeira na beira do mar!
Por mais viagens assim. E por mais momentos de reflexão e felicidade por nossas escolhas de destinos e de vida!
.
.
.
.
.
#emalgumlugardomundo #paraty #costaverde #destinosimperdiveis #destinosbrasileiros #mtur #qualviagem #embarquenaviagem #errejota #turismobrasil #proximaviagem #achadosdasemana #gostariadeiroficial

😃 Uma praia dessas é mais felicidade que um parque de diversões sem fila!!! É não é que é essa a sensação mesmo? Parando aqui pra pensar e agradecer pelo quanto a gente é sortudo na vida por ter momentos maravilhosos em lugares paradisíacos assim – e vazios na baixa temporada 🙏❤️ A belezura de Trindade nos diazinhos de sossego que passamos na @pousada_cabeca_do_indio e fomos diversas vezes à Praia do Cachadaço. 🏝
Conta pra gente: qual seu destino preferido pra curtir um momento relax?#emalgumlugardomundo #trindade #paraty #mtur #destinosbrasileiros #missaovt #revistaqualviagem #embarquenaviagem #praiasbrasileiras #achadosdasemana #errejota #proximaviagem #viajarfazbem

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!