Como tirar visto para o Myanmar: Veja aqui o passo a passo | Em Algum Lugar do Mundo

COMO TIRAR O VISTO PARA O MYANMAR: PASSO A PASSO

Explicamos aqui como é o processo para conseguir o visto de turista para o país.

  • Caio
  • -
  • 16 de janeiro de 2020
  • 13 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Visitar o Myanmar foi uma experiência única pra gente. Apesar de estar aberto ao turismo desde 1994, pouco mais de 20 anos, ainda são poucos brasileiros que buscam conhecer esse destino. Mas esse número vem aumentando a cada ano, e muitos brasileiros já descobriram que o Myanmar é uma excelente opção para sair dos tradicionais roteiros pelo sudeste asiático.

Muitas perguntas surgem quando pensamos em visitar o Myanmar: quais cidades visitar, pontos de interesse, preço da passagem. Mas a primeira dúvida que surgiu quando começamos a planejar nossa viagem foi: brasileiro precisa de visto para o Myanmar?

A resposta é SIM e vamos explicar aqui como é o processo para conseguir o visto de entrada para visitar o Myanmar.

Como tirar o visto para o Myanmar

O MOIP, Ministério de Imigração e População lançou um plataforma online que permite que turistas de 100 países, incluindo o Brasil, apliquem para o eVisa (Eletronic Visa) para turismo ou business.

Como Funciona

A plataforma com o formulário para preenchimento funciona 24 horas por dia, 7 dias por semana, no site oficial do governo http://evisa.moip.gov.mm . Antes de entrar no site, desbloqueie os pop-ups no seu navegador, já que a confirmação das informações é feita com a utilização desse recurso.

visto-para-o-myanmar-site

Formulário

Para o preenchimento do formulário você terá primeiro que escolher o tipo do visto (Turismo ou Business), indicar a sua nacionalidade e indicar qual será o local de entrada.

as informações que você precisa forncecer são: nome completo, sexo, data de nascimento, país de origem, profissão, endereço permanente, CEP, tipo da acomodação em que irá ficar hospedado no Myanmar, nome e endereço da acomodação, e-mail, informações do passaporte e foto digitalizada.

visto-para-o-myanmar-formulario

Preço

O valor do eVisa para o Myanmar é U$50,00 que deverá ser pago via cartão de crédito.

Validade

O visto para o Myanmar tem validade de 90 dias a partir da data de aprovação, servindo para apenas uma entrada com permanência de até 28 dias.

Prazo de entrega

Após aplicar para o visto, se aprovado, em até 3 dias úteis você receberá diretamente no seu e-mail a carta de aprovação do visto de turista para visitar o Myanmar.

visto-para-o-myanmar-carta-aprova

Portas de entrada: por onde começar sua viagem pelo Myanmar

Com a carta de aprovação do visto para o Myanmar, você poderá entrar no país pelos aeroportos de Yangon, Mandalay e Nay Pyi Taw, ou ainda pelas fronteiras terrestres de Tchileik, Myawaddy e Kawthaung, entre Myanmar e Tailândia.

Nós decidimos ir para o Myanmar depois de uma temporada que passamos em Bangkok. Conseguimos um ótimo preço nas passagens entre Bangkok e Yangon. Você pode verificar o preço das passagens aqui.

Outras informações sobre como tirar visto para o Myanmar

  • É necessário ter um passaporte válido por no mínimo 6 meses;
  • Ter dinheiro suficiente para o período de estadia no Myanmar. Esse é um requisito, mas na nossa entrada não foi solicitada essa comprovação;
  • Ter passagem de saída do país comprada.

Viagem Protegida

Na hora de planejar sua viagem pro Myanmar, não se esqueça de incluir um seguro de viagem. Já precisamos usar algumas vezes e, se não fosse o seguro, já estaríamos com um rombo na conta. Para uma viagem de férias, recomendo fazer uma comparação de preços com a Segurospromo. Tem bastante opção, só escolher a que melhor se encaixa às suas necessidades. E usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

Gostou do post? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de várias dicas de viagem!

em algum lugar do mundo no facebook

Você também poderá gostar desses posts:

Tirar o visto para o Myanmar hoje em dia é muito fácil e rápido!

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Myanmar: explore

13 comentários em “COMO TIRAR O VISTO PARA O MYANMAR: PASSO A PASSO”

  1. Ahhhh, que legal! Em breve iremos conhecer esse país que tanto nos fascina!

  2. Igor disse:

    É necessário ter passagem comprada ao tirar o visto ou para entrar no país?

    1. Caio Farias disse:

      Igor, não é necessário ter a passagem em mãos, mas você precisa saber qual será a cidade de entrada no país, nome do Hotel e endereço. Essas são as informações necessárias, além dos seus dados, para solicitar o e-visa. Abs e boa viagem

  3. Solange Lua disse:

    Como preenche o nome “exatamente como esta no passaporte” pq nos passaportes brasileiros vem primeiro o sobrenome na linha de cima e o nome da pessoa na linha de baixo. Coloco, por exemplo, “Araújo dos Santos Filho, João” com vírgula? sem vírgula? Sobrenome na frente e nome atras? Confusa….

  4. Felipe Schultz disse:

    Olá, parabéns pelo blog. Meu caso é o seguinte: farei Índia por terra e pretendo cruzar a fronteira com Myanmar do mesmo modo (terrestre), via Moreh-IN. O amigo saberia o rumo que devo tomar (junto às aduanas?) será possível essa entrada?

    1. Caio Farias disse:

      Felipe, que viagem incrível! Dá uma olhada nesse artigo aqui: https://www.go-myanmar.com/arriving-and-departing-over-land . Ele detalha como cruzar a fronteira do Myanmar entrando por países como China, India e Tailândia. Espero que ajude! Boa viagem!

  5. Adorei o post e super nos ajudou quando estávamos tirando o visto! Obrigada Caio e Adriana <3 Vocês são demais!

    1. Caio Farias disse:

      Valeu Vic!!! Que bom que ajudamos! E quando for assim é só ligar! Bjos

  6. Paula Radomille disse:

    Caio, Você sabe se consigo tirar o visto para Myanmar na chegada no aeroporto?? Estou em Chiang Mai, no feriado do ano novo e não consigo ficar aqui até o e-visa reabrir devido ao feriado e aguardar mais 3 dias úteis…

  7. Lisi disse:

    Legal o blog muitas informações interessantes! Estou na Ásia e sempre busco texto com expelicações sobre diferentes destinos.
    Bom, mas aqui vcs dizem que precisa de visto, no site das Relações Exteriores do Brasil diz que para turismo não precisa, o que significa que posso pegar o carimbo de entrada no aeroporto, sem aplicar antecipadamente, claro desde que apresente os documentos exigidos.

    Fiquei confusa.

    Houve mudança?

    1. Caio Farias disse:

      Lisi, a informação que tínhamos quando fomos é que existe sim a necessidade de visto e por isso tiramos e escrevemos como. Vou buscar informações sobre mudança, mas a princípio é essa informação que temos.

  8. Dyane Santos disse:

    Olá Caio adorei o Blog !
    Você sabe me dizer se é possível tirar o visto quando chegar no aeroporto ? Ou se a informação a acima de que não precisa do visto para turismo é real ?

    1. Caio Farias disse:

      OLá Dyane, que bom que gostou. Nós apresentamos o visto para entrar. Em relação ao visto no aeroporto eu não tenho a informação. Tudo que pesquisamos nos direcionava para o visto pelo site.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

COSTA RICA NÃO É SÓ PRAIA! 
Se vc acha que o país (que por sinal é um dos lugares mais biodiversos do mundo) tem só belas praias a oferecer, dá uma espiada nessa beleza. 
Uma das cachoeiras mais bonitas que visitamos na Costa Rica foi a Catarata Rio Fortuna, com nada menos que 75 metros de queda d’água.

E para se banhar nessa maravilha, é preciso encarar uns 500 degraus de escadaria. Dica: desça na maior empolgação pra dar um mergulho nessa belezura e deixa pra sofrer na volta 😅 
Nós fomos não época de chuvas e mesmo assim a água estava linda! 
O que pode acontecer nessa época é que, devido ao grande volume de água, o mergulho na piscina principal seja proibido por questões de segurança. Mas dá pra se banhar logo adiante, no rio formado pela cachoeira. Então tá valendo o “esforço” de qualquer jeito!

E vc, tb curte uma cachoeira ou prefere mesmo uma praia?

#costarica #lafortuna #emalgumlugardomundo #nature #waterfall

🚙 🇨🇷Viajar pela Costa Rica de carro foi uma das melhores aventuras que vivemos! 
A gente ama a liberdade de dirigir pelo desconhecido, fazer as coisas do nosso jeito, no nosso tempo. 
Sabiamos que não iríamos muito longe alugando um carro comum, porque algumas estradas por lá são impraticáveis – então já fechamos num 4×4 da @nomad_america pra não ter erro. E gente, não é em qualquer lugar que a gente pode alugar um carro com barraca de camping e dormir em uma praia deserta, né? 🏕️🏖️ E foi assim que cruzamos rios e acampamos em lugares incríveis – tudo isso vivenciando uma conexão incrível com a natureza selvagem desse país que tanto nós surpreendeu 😍

🇨🇷 Dois ícones da Costa Rica: surf e por do sol ☀️ 🏄‍♀️ Como o país é estreito e comprido , quase todas as praias do lado do Pacífico têm espetáculo do pôr do sol garantido (isso quando as chuvas tropicais não atrapalham). Fora a água naquela temperatura gostosa e um tanto de ondas tranquilas, ótimo pra quem quer aprender a surfar. A gente até se animou fazendo umas aulinhas, mas precisava de mais uma temporada por lá pra se manter na prancha por mais tempo. Alguém aqui pensando em voltar? 😬😛

Saindo da rota: todo destino tem aqueles cantinhos escondidos, que não estão em nenhum guia de viagem ou que você nunca ouviu falar antes, por mais que tenha pesquisado tudo sobre o lugar. ⠀
“E se a gente virar aqui, onde que vai dar?”
⠀
Eu não sei vocês, mas pra gente uma das melhores partes da viagem é poder andar pelo desconhecido. É esticar a caminhada ou virar à esquerda no atalho, e chegar ali só pra ver o que que tem.
⠀
É verdade que você pode chegar numa rua sem saída (e obviamente não é em todo destino que dá pra fazer isso). Mas é numa dessas que você descobre um lugar especial, que já faz valer a viagem todinha – que até vale cortar atração do roteiro só pra aproveitar mais aquela descoberta. ⠀
O desconhecido definitivamente faz nossos olhos brilharem! E para você, qual o grande momento em uma viagem?⠀ ⠀
____________________________
⠀

🇨🇷 Na Costa Rica você passa o dia inteiro babando pelo azul, pra chegar no fim de tarde e ficar embasbacado com esse rosa. 😍😱 É um pôr do sol mais lindo que o outro por aqui! ☀️

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!