SUÍÇA

#emalgumlugardomundo

A Suíça é um país onde os cenários deslumbrantes parecem infinitos. De vales verdes a lagos turquesa, passando pelos alpes nevados: aproveitar o turismo na Suíça é como entrar em um conto de fadas. Sua força econômica se reflete no perfeito funcionamento de suas cidades que, além de contarem com a ajuda da natureza, ainda contam com uma arquitetura encantadora.

O país é pequeno, mas a quantidade de destinos imperdíveis é enorme. Veja aqui tudo o que você precisa saber antes de planejar sua viagem para Suíça. E aproveite!

Viagem para Suiça - Turismo para Suíça - Lago
Grindelwald, a paisagem que parece um quadro

Um breve resumo sobre a Suíça

Geografia

A Suíça está localizada na Europa Central. O país faz fronteira com a Alemanha, França, Itália, Áustria e Liechtenstein. Apesar de sua pequena extensão territorial, as cidades suíças de Zurique e Genebra são consideradas dois grandes centros econômicos do mundo.

História

A origem da Suíça vem das tribos celtas, principalmente, os Helvécios. O país foi controlado pelo Império Romano até cerca de 400 d.C e, depois, invadido por tribos germânicas, como os Burgúndios e Alamanos.

Somente no século XIX é que a Confederação Helvética progrediu para uma democracia moderna e viu na indústria têxtil a sua grande marca. Portanto, o setor industrial foi um dos mais importantes para impulsionar a economia do país.

Nos períodos de guerra, a Suíça sempre se manteve neutra, conseguindo manter a paz com várias potências militares. Por conta disso, o país se tornou referência em assuntos relacionados aos direitos do Homem e se tornou o centro econômico do mundo.

Política

A Suíça não possui um Presidente como a maioria dos países, mas sim um representante da Confederação que governa o país. No entanto, o sistema único praticado pela democracia direta permite a participação da população em referendos que decidem sobre algumas leis de cada cantão, como são chamados seus distritos.

Religião

O cristianismo é a religião predominante na Suíça, que está dividida entre catolicismo e protestantismo. Existem também muitos islamitas e ortodoxos orientais, já que o país não proíbe a fé religiosa, seja de qualquer denominação.

Economia

O que impulsiona a economia do país é o setor terciário, principalmente, os bancos, seguradoras e turismo. Não é a toa que a Suíça é considerada um importante centro financeiro do mundo. Por isso, faz a gestão de fortunas de pessoas e empresas do mundo inteiro, sendo um porto seguro para eles investirem.

Turismo

O que movimenta o turismo na Suíça são as belas paisagens dos Alpes, que costumam ser visitados o ano inteiro. Dessa forma, as pequenas cidades da região estão sempre lotadas de visitantes para conhecer suas atrações e, principalmente, suas estações de esqui.

Entre as principais atrações do país estão os Alpes Suíços, principalmente, as atrações de cidades como Grindelwald e Kandersteg. Além disso, o país conta como belos lagos como o Lago Lucerna, Thun e Brienz, Oeschinensee e Blausee. As montanhas mais belas do mundo também estão na Suíça, como Matterhorn em Zermatt.

Informações úteis sobre a Suíça

Dinheiro

A moeda oficial da Suíça é o franco suíço (CHF) e o euro dificilmente é aceito como pagamento nos estabelecimentos. Portanto, é importante fazer o câmbio antes ou quando chegar ao país.

Viagem para Suiça - Turismo para Suíça - Franco Suíço
Franco Suíço

Eletricidade

A voltagem padrão é de 220v e o formato da tomada é de dois pinos paralelos e um central, seguindo o modelo J. Apesar do formato ser parecido com do Brasil, elas não são compatíveis. Portanto, não se esqueça de levar um adaptador universal em sua viagem para Suíça.

Vistos

Brasileiros que vão fazer turismo na Suíça não precisam de visto, já que o país faz parte do Tratado de Schengen (que permite estadia de até 90 dias). É obrigatório ter um seguro saúde de no mínimo €30.000 de cobertura para entrar no país.

Segurança e Saúde

A taxa de criminalidade na Suíça é uma das mais baixas do mundo. Você precisa apenas ficar de olho nas carteiras e malas em lugares movimentados. Portanto, viajar para Suíça é muito seguro, como era de se esperar.

O atendimento médico no país é considerado um dos melhores do mundo. Assim como em todos os países do Tratado de Schengen, o seguro viagem é obrigatório para entrar na Suíça. Por isso, recomendamos fazer uma pesquisa no site da Segurospromo. Aproveite para usar nosso código EMALGUMLUGAR5 e ganhar 5% de desconto.

Seguros Promo

Idioma(s)

Diferente de outros países, a Suíça possui quatro línguas oficiais, que são o alemão, o francês, o italiano e o romanche. Boa parte da população também fala inglês, facilitando um pouco a comunicação com os turistas.

Festivais e eventos

Carnaval | o carnaval suíço é bastante conhecido, principalmente, em cidades como Lucerna. Tanto crianças quanto adultos usam máscaras e fantasias e há desfiles de blocos por toda a cidade.

Viagem para Suiça - Turismo para Suíça - Carnaval
O incrível Carnaval em Lucerna

Chalandamarz | É o chamado festival da Primavera que acontece no início de março, onde os jovens e crianças tocam os tradicionais sinos das vacas, guiando-as para os Alpes, para que elas possam pastar.

Festa Nacional Suíça | O dia da Pátria acontece em 1º de agosto. Nesse dia, as pessoas se reúnem para ouvir discursos patrióticos e, durante a noite, as fogueiras são acesas e as pessoas soltam fogos de artifício.

Geneva Lake Festival | Na cidade de Genebra, no mês de agosto, acontece o evento Geneva Lake Festival, com muita culinária local e apresentações de queimas de fogos.

Zibelemarit | É o famoso Festival da Cebola na cidade de Berna, que acontece na última segunda-feira de novembro. No evento acontecem diversas atividades: várias barraquinhas são montadas, além da apresentação de mais de 50 toneladas de cebola das mais diferentes formas.

Turismo na Suíça: o que ver e fazer

Lucerna | Faça um passeio pelo centro histórico da cidade e conheça a Ponte da Capela, Torre Octogonal, Igrejas, a Muralha Medieval, entre outras atrações. Aproveite a oportunidade para fazer um passeio de barco pelo Lago Lucerna. E não deixe de visitar o lindo Monte Pilatus.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Lucerna
Kapellbrücke, a linda ponte em Lucerna

Berna | Aproveite sua viagem para Suíça e conheça a capital Berna, com um centro histórico encantador que parece ter saído de um filme medieval. Visite as fontes de Berna, a Torre do Relógio e a Catedral da cidade. Não deixe de conhecer também o Parque dos Ursos e o Museu do Einstein.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Lucerna
Um cantinho de Berna

Zurique | Faça um passeio pela bela rua Bahnhofstrasse, conheça as Igrejas Grossmunster e Fraumunster e contemple o Lindenhof. Vale um passeio pela Zurick West que é um bairro super trend que possui várias atrações como Flagship Store da Freitag (uma loja de contêineres), o Frau Gerolds Garten (um espaço com bares) e Viadukt (Shopping super diferente).

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Zurich
Vista da cidade de Zurich

Alpes Suíços | Um dos grandes ícones do turismo na Suíça, os alpes suíços fazem parte de uma enorme cordilheira, que também passa por outros países da Europa. Na parte suíça, alguns dos destinos mais buscados nos alpes são Zermatt, St Moritz, Interlaken e Grindelwald, entre outros.

Interlaken | Ande pelas ruas de Interlaken sem ter rumo certo para descobrir o melhor da cidade. Pratique alguns esportes de aventura, como parapente, bungee jump e paraquedas. Se a intenção é curtir um belo visual, suba até o topo do Harder Kulm. E por fim, faça um passeio de barco pelos lagos Thun e Brienz.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Interlaken
O incrível voo de parapente na cidade

Grindelwald | a primeira atração a ser visitada aqui deve ser a First Cliff Walk, uma passarela suspensa localizada em cima de um penhasco. Depois, prepare-se para conhecer a grande estrela do lugar: o Lago Bachalpsee. E se você gosta de aventura, não pode perder a tirolesa First Flyer, o Trotti Bike e o carrinho Pfingstegg Rodelbahn.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Grindelwald
First Cliff Walk em Grindelwald

Kandersteg | aprecie as belezas do Lago Oeschinensee e do Lago Blausee – o azul de suas águas é algo impressionante. Para conhecer melhor a região, faça algumas trilhas que levam até a montanha Berner Oberland, e não deixe de aproveitar um imenso tobogã chamado Rodelbahn.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Oeschinensee
O lindo Oeschinensee

Lauterbrunnen | faça a trilha das 72 cachoeiras e conheça Staubbachfall, o símbolo da cidade. Coloque também no seu roteiro um passeio pela pequena Vila deLauterbrunnen. Assim como em todas as cidades dos Alpes Suíços, aqui é possível curtir os esportes de neve como ski e snowboard.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Lauterbrunnem
A cidade das 72 cachoeiras

Zermatt | A principal atração de Zermatt é uma das montanhas mais fotografadas do mundo: Matterhorn, que se tornou símbolo do famoso chocolate Toblerone e é um ícone do turismo na Suíça. Faça os diversos passeios para a montanha, pois os complexos possuem as mais variadas atrações.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - Monte Zermatt
O imponente Monte Zermatt

Acomodação na Suíça

As hospedagens na Suíça são caras se comparadas com vários países da Europa. Portanto, prepare o bolso na hora de escolher um hotel. Com um pouco de pesquisa, é possível encontrar acomodações (um pouquinho mais) econômicas e confortáveis.

Se você vai visitar Lucerna, Bena e Zurique, as áreas mais indicadas para se hospedar são nas proximidades do centro.

Em Interlaken, os hotéis costumam ser mais caros ainda – e a maioria está localizada próxima à estação Interlaken West.

Nas demais cidades dos Alpes Suíços, a melhor localização acaba sendo próximas às estações de trem. Em Zermatt, a área mais privilegiada é a região central, onde se encontram a Igreja de St. Mautirius e a estação da cidade.

Transporte na Suíça

Avião

Para voar do Brasil à Suíça, a companhia Swiss Airlines faz voo direto de São Paulo para Zurique. Mas é possível viajar com companhias como TAP, Latam, KLM e Air France, fazendo escala nas principais cidades européias. Costumamos fazer pesquisa de preços e comprar passagens pelos sites Skyscanner e Momondo.

Se você já estiver na Europa, pode voar até a Suíça com as principais companhias low cost como Ryanair e Easyjet, entre outras. Será uma das melhores formas de economizar, já que o custo de vida na Suíça é caro. Atenção às bagagens, que costumam ser cobradas à parte e acabam pesando no valor total da passagem.

Terrestre

Se já estiver na Europa, uma das melhores maneiras de chegar à Suíça é fazendo o trajeto de trem, pois a paisagem é realmente cênica. Além de rápidos, os trens são transportes muito confortáveis, modernos e integrados. Nós compramos nossas passagens de trem pelo site da Eurail.

Viajar de ônibus costuma ser a forma mais econômica. Diversas cidades do país são acessíveis por ônibus, sendo que em algumas haverá apenas a opção de trem. Para passagens de ônibus, sugerimos a companhia Flixbus, que tem ótimos preços e é bem confortável.

Se você gosta de dirigir e prefere ter mais liberdade e flexibilidade na sua viagem, nós recomendamos que alugue um carro para rodar pelas cidades. Você vai se encantar com a beleza dos lugares e pode aproveitar melhor cada cantinho da Suíça. Nós normalmente alugamos carros pela Rentcars, um site que funciona como comparador de preços e sempre indica o valor mais baixo.

Dentro das cidades grandes da Suíça, o mais recomendado é usar o transporte público como metrô e ônibus. Em alguns casos, é possível fazer passeios a pé pelos pontos turísticos da região.

Nas cidades pequenas, o mais recomendado é andar a pé para conhecer de perto os melhores pontos da região. Dessa forma, você consegue apreciar melhor a beleza de cada lugar que for visitar.

Quando ir para Suíça

Escolher a melhor época para viajar para Suíça vai depender dos destinos que você quer conhecer. A primavera é baixa temporada no país, sendo uma ótima época para visitar a cidade de Lucerna por exemplo, que estará sempre florida.

O verão é alta temporada em toda Europa – e não seria diferente da Suíça. Entretanto, Acaba por ser um período mais chuvoso na região, mas é um dos melhores momentos para conhecer cidades como Montreux, Berna e Genebra.

Se a intenção é assistir uma das paisagens mais lindas da Suíça, visite Lausanne, Lilienstein e Lotschental na estação de outono. Só tenha cuidado com os nevoeiros e neblina, que podem atrapalhar a vista para as montanhas.

O inverno também pode ser considerado alta temporada em algumas regiões da Suíça, principalmente, nas estações de esqui dos Alpes. Se sua intenção é curtir a neve, essa é a melhor época. Aproveite para conhecer Zermatt, Interlaken e St. Moritz.

Viagem para Suíça - Turismo para Suíça - tempo
Temperatura média nos últimos dois anos, em Zurich

O que levar na mala em uma viagem para Suíça

A maioria das pessoas escolhem viajar para Suíça no inverno, por conta das inúmeras atrações dos Alpes Suíços. Como o frio é intenso na região, é conveniente levar peças apropriadas.

Blusas e calças térmicas não podem faltar, assim como os gorros e cachecóis. Um casaco bem quente é ideal para aguentar as baixas temperaturas, leve calças apropriadas e alugue algumas vestimentas específicas para a prática de esportes de neve.

Para calçar, leve um tênis para temperaturas amenas. Para aguentar a neve, o mais indicado é usar um calçado térmico, impermeável e que seja próprio para altas temperaturas.

Se sua viagem para Suíça ocorrer no verão, separe roupas mais leves e confortáveis, mas nunca se esqueça de um casaco para se proteger de temperaturas mais baixas. Protetor solar é um item indispensável para qualquer período.

E lembre-se: antes de montar sua mala, cheque as restrições das companhias áreas, principalmente se for fazer voos internos. Muitas cias aéreas low cost cobram um valor extra por bagagem despachada.

O que comer na Suíça

Queijos suíços | a Suíça é o verdadeiro paraíso para amantes de queijo – existem dos mais variados tipos, que podem ser usados em diferentes pratos. Entre eles, prove o Gruyère, Emmentaler, Appenzeller e L’Etivaz.

Zurcher Geschnetzelte | O prato típico é feito de carne ou fígado de vitela, que deve ser cozida com champignon, cebola, vinho e creme de leite. Para acompanhar, um bom arroz.

Zopf | O zopf é um tipo de pão com sabor de manteiga e faz uma perfeita combinação com queijos. O seu formato é de uma trança, e fica melhor ainda quando servido bem quentinho.

St. Galler Bratwurst | A salsicha de carne de vitela é recheada com bacon, algumas especiarias e leite fresco. Ela deve ser assada em brasa e, geralmente, é servida em fast food ou em restaurante, tendo uma batata rosti ou batatas fritas como acompanhamento.

Alplermagronen | O prato é uma mistura de queijos suíços, macarrão, cebola, batata, creme e leite, maçã e até bacon. A receita é servida, principalmente, nas noites mais frias de inverno. Simplesmente delicioso!

Birchermuesli |normalmente servido no café da manhã, Birchermuesli é uma mistura de aveia, cereais, frutos secos, suco de limão e leite condensado. Geralmente, os suíços acrescentam o iogurte na noite anterior e deixam para degustar no dia seguinte.

Aproveite:

Lonely Planet Sul da África

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Baixe agora nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

SUÍÇA: Explore

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!