Tudo sobre a ilha de Nusa Lembongan na Indonésia: a melhor maneira de encerrar sua viagem para Bali | Em Algum Lugar do Mundo

NUSA LEMBONGAN: A MELHOR MANEIRA DE ENCERRAR SUA VIAGEM PARA BALI

Saiba mais sobre essa ilha e veja por que você não deve ficar apenas em Bali durante sua viagem pela Indonésia

  • Adriana
  • -
  • 16 de janeiro de 2020
  • 8 Comentários

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

Nusa Lembongan é uma linda ilha que fica bem pertinho de Bali. Basta 30 minutos em uma travessia de barco para deixar o agito de Bali pra trás e curtir as praias mais calmas e descontraídas da pequena Nusa Lembongan.

Diferente de Bali, Nusa Lembongan é uma ilha de dimensões bem menores, com ritmo lento, sem agito e sem trânsito. Bom pra fugir do movimento e desacelerar por um ou dois dias.

Nusa Lembongan
Nusa Lembongan

Diferente também da vizinha Nusa Penida (que é uma ilha grande e ainda pouco explorada), em Nusa Lembongan você encontra uma boa infra estrutura de hotéis e restaurantes. Na medida certa – por enquanto.

Tem muita coisa crescendo em Lembongan e é melhor você se apressar se quiser encontrá-la assim.

Se você pretende visitar Bali, sugiro que faça como a gente e reserve uns dias pra conhecer Nusa Lembongan. Aproveitamos muito nossa estadia por lá e mostramos nesse post o que fazer em Nusa Lembongan, com todas as dicas que você precisa pra aproveitar o melhor dessa ilha.

Vai viajar pela Indonésia? Confira nossas dicas sobre os principais destinos:

Bali | Ilhas Gili | Nusa Penida | Nusa Lembongan | Lombok | Komodo | Yogyakarta | Monte Bromo e Vulcão Ijen

Onde ficar em Nusa Lembongan

Considerando que Nusa Lembongan é pequena e ainda não é super explorada pelo turismo, você vai encontrar boas opções de acomodação na ilha.

Nós ficamos no Kawans Inn, uma guest house que não aparenta grandes coisas do lado de fora, mas que tem um quarto bem confortável e espaçoso. Pro café da manhã você pode escolher no menu algumas opções simples, mas honestas. O hotel tem uma ótima localização, na rua principal de Jungu Batu.

Nusa LEMBONGAN
Kawans Inn. Foto: Divulgação

Pra uma opção com um pouco mais de estilo, vale conferir o Komodo Garden. Uma delícia com preço bem acessível, pode conferir.

E para quem quer ficar hospedado em Nusa Ceningan, a melhor pedida é o Le Pirate, com bangalôs lindos e super fotogênicos. Rola também uma piscina com borda infinita e um bom restaurante, que você pode visitar mesmo sem ficar hospedado lá. Ainda que eu voltasse para Nusa Lembongan, tentaria ficar hospedada nesse hotel.

O que fazer em Nusa Lembongan: 11 atrações imperdíveis

  1. Jungu Batu Beach
  2. Dream Beach
  3. Devil’s Tear
  4. Secret Beach
  5. Mushroom Beach
  6. Panorama Point
  7. Sunset Point
  8. Mangrove Forest
  9. Nusa Ceningan e Yellow Bridge
  10. Seaweed plantation
  11. Passeio de snorkel

1. Jungu Batu Beach

Essa é a praia principal e com maior faixa de areia de Nusa Lembongan. Dependendo do ponto em que você esteja, ali mesmo da areia dá pra avistar Bali e o vulcão Agung. Em alguns pontos tem uns bares bem gostosos, onde dá pra sentar e relaxar. Para uma tarde agradável nessa praia, pode escolher o Lembongan Beach Club & Resort, que tem uma bela piscina. Dá pra comprar uma bebida e sentar nos pufes dali.

Em alguns pontos tem uns bares bem gostosos, onde dá pra sentar e relaxar. Para uma tarde agradável nessa praia, pode escolher o Lembongan Beach Club & Resort, que tem uma bela piscina. Dá pra comprar uma bebida e sentar nos pufes dali.

NUSA LEMBONGAN
Jungu Batu Beach

Nós caminhamos por um bom trecho dessa praia e ficamos tristes com a quantidade de lixo que vimos em alguns lugares, mas ainda assim a beleza do lugar é impressionante. 

Ah, e a água é bem esmeralda e clarinha, mas é turva e não dá pra ver o fundo. É bom entrar com cuidado porque a areia está cheia de corais no raso.

2. Dream Beach

Chegamos na Dream Beach por volta das 9h. É preciso descer um trilha bem pequena pra chegar à praia, mas nessa hora que fomos não havia nem faixa de areia, porque a maré estava muito alta.

NUSA LEMBONGAN
Dream Beach

Dream Beach é linda, mas nem que me pagassem eu dava um mergulho ali, pelo menos não naquele dia! O mar super agitado e a placa de aviso de “mergulhe sob seu próprio risco” me fizeram acreditar que a situação ali é sempre desse jeito mesmo.

3. Devil’s Tear

Seguindo pela direita da Dream Beach, chegamos no Devil’s Tear. Um lugar conhecido como Lágrima do Diabo não tem dos nomes mais convidativos, mas pode ir que vale à pena e você vai entender o porquê de se chamar assim.

A formação das pedras faz com que a onda bata e espirre água de uma forma linda e fascinante. Acabei tomando um banho com uma onda que me pegou desprevinida, mas ali é um lugar para se ter atenção o tempo todo, pois pode ser perigoso.

NUSA LEMBONGAN
Devil’s Tear

Ah, e tente descobrir o horário da maré cheia para assistir o espetáculo mais bonito!

4. Secret Beach

Trata-se de uma pequena baía com águas cristalinas, fazendo uma praia deliciosa. Para quem é fã do surfe, esse é o lugar.

Apesar do nome, essa praia não tem nada de secreta: não crie expectativas de encontrar uma praia deserta, você vai dividir o espaço com mais gente.

5. Mushroom Beach

Não demos muita sorte nessa praia, primeiro porque começou a chover quando estávamos chegando, segundo porque paramos num restaurante na beira da praia que tinha um clima bom, mas a comida não correspondia.

NUSA LEMBONGAN
Mushroom Beach

A maré estava bem cheia ainda e a faixa de areia estava curta, mas a praia parece ser bem agradável, com solzão e areia para sentar.

6. Panorama Point

Passamos diversas vezes por esse ponto. Na estrada entre Dream Beach e Jungu Batu há uma parte de ladeira, que dá pra parar a moto e tirar umas fotos da ilha. Algumas vezes não tinha ninguém, em outras havia aqueles grupos enooormes de chineses parados ali.

Nusa Lembongan
Panorama Point

7. Sunset Point

Uma estradinha bem ruim nos leva da rua principal até o Sunset Point. Ficamos na dúvida de ir até o Sunset Point porque o dia estava meio nublado, mas o sol resolveu nos dar uns minutos de alegria e apareceu todo lindo pra iluminar aquela paisagem sensacional.

Pôr do sol em Nusa Lembongan

8. Mangrove Forest

Boa parte da região norte de Nusa Lembongan é tomada por um mangue. Dá pra chegar até a ponta do mangue e, de lá, fazer um passeio de barco por dentro do mangue, que custa 100 mil rúpias e leva uns 45 minutos.

9. Nusa Ceningan e Yellow Bridge

Apenas uma simpática ponte amarela separam Nusa Lembongan de sua ilha vizinha Nusa Ceningan. Você pode atravessar a ponte de scooter ou até mesmo à pé.

Como Nusa Ceningan é ainda menor que Lembongan, em pouco tempo você consegue rodar a ilha.

Aproveite e faça uma pausa para o almoço no Le Pirate e curta o visual. O hotel é bem charmoso e se hospedar por lá é uma ótima ideia.

NUSA LEMBONGAN
Ponte que liga Nusa Lembongan a Nusa Ceningan

10. Seaweed plantation

Eu nunca tinha visto e nem imaginava como era uma plantação de algas, mas em Nusa Lembongan constatei que é algo realmente bonito de se ver.

Soube que o cultivo de algas era algo mais forte em Nusa Lembongan, mas que acabou perdendo espaço pro turismo, que acaba sendo uma atividade mais lucrativa pra quem trabalha por aqui.

NUSA LEMBONGAN
Foto: Maks Karochkin / CC BY 2.0

11. Passeio de snorkel

Coloque um mergulho de snorkel como prioridade na sua lista de o que fazer em Nusa Lembongan. Nada vai ser mais convidativo do que aquele mar com corais lindos no fundo.

E o melhor: as chances de ver mantas são altíssimas! Em qualquer lugar da ilha você encontra pessoas oferecendo o mergulho, que vai custar por volta de 200 mil rúpias.

Nusa Lembongan-2

Primeira vez no país? Confira nosso Guia Prático da Indonésia: aqui você encontra todas as informações que precisa para planejar sua viagem

Onde comer em Nusa Lembongan

Geralmente nós experimentamos lugares diferentes a cada refeição. Mas logo no primeiro dia descobrimos o restaurante Lemongrass e acabamos voltando lá todos os dias. O restaurante é bem arrumadinho e tem um cardápio variado, com comidas orientais e ocidentais. Estava sempre cheio e algumas vezes ficamos na espera, se preferir você pode fazer uma reserva.

Outra opção gostosa pro café da manhã é o Bali Eco Deli, com opções saudáveis e sucos deliciosos. E para comer bem e muito barato, vá ao Waroeng Boemboe. Só não tenha pressa, pois a comida pode demorar facilmente uma hora pra chegar.

Como chegar em Nusa Lembongan

A forma mais rápida e comum é chegar em Nusa Lembongan partindo de Bali. Mas é possível também sair de Lombok ou de Gili Trawagan (uma das Ilhas Gili).

A viagem partindo de Bali dura uns 40 minutos. Em Nusa Lembongan não há píer, o barco para na praia mesmo, então melhor já chegar de chinelos.

Para fechar sua passagem, sugiro o 12GoAsia, que mostra todas as opções de deslocamento disponíveis entre os destinos que você selecionar, incluindo preços e duração do trajeto. Esse site nos ajudou muito em nosso planejamento de viagem pelo sudeste asiático, fechamos quase tudo com ele.

Powered by 12Go Asia system

Há também tours de um dia num bate-volta de Bali, mas recomendo ficar no mínimo uma noite pra conhecer melhor Nusa Lembongan (nós ficamos 3 noites, sendo que tiramos um dia pra conhecer Nusa Penida, o que te aconselho fortemente a fazer também!).

Se você tem pouco tempo, uma boa sugestão é fazer um tour de 2 dias/1 noite para Nusa Lembongan e Nusa Penida, com saídas de Bali.

Como circular por Nusa Lembongan

A ilha é pequena e disseram que sua extensão não passa muito dos 4km, o que facilita muito a vida de quem gosta de caminhar.

Nós preferimos alugar uma scooter, pois foi a forma mais prática de conhecer Nusa Lembongan. E pra quem não tem muita experiência com motocas, lá é um bom lugar pra tentar. O asfalto não é uma maravilha, mas dá bem pro gasto. E as pessoas não dirigem como loucas que nem em Bali! É só não esquecer que, na Indonésia, eles dirigem do lado esquerdo (mão inglesa).

Vimos alguns lugares oferecendo passeio de carro pela ilha, ou ainda alugando aqueles carros de campo de golfe. Há também umas caminhonetes com bancos na caçamba passando com frequência, só negociar o preço dependendo do seu destino.

Não se esqueça do seguro viagem!

Para não ter dor de cabeça caso algo aconteça, não se esqueça de contratar um seguro viagem antes de ir pra Indonésia. Recomendamos fazer uma pesquisa pela Segurospromo, que funciona como um bom comparador de preços, e escolher o seguro que melhor se adequa ao seu estilo de viagem. E usando o nosso código EMALGUMLUGAR5 você ainda ganha 5% de desconto.

Seguros Promo

Não deixe de conhecer Nusa Lembongan: o final feliz da sua viagem para Bali

Pode colocar Nusa Lembongan no seu roteiro sem medo, não tem como não gostar! Mas antes de encerrar o post, lá vai nossa opinião sincera: entre todas as “Nusas” (Lembongan, Ceningan e Penida), nossa preferida foi Nusa Penida, pois achamos que essa é a mais bonita.

Por outro lado, Nusa Lembongan tem mais estrutura, é mais fácil de andar por lá e acaba atraindo mais pessoas (talvez pelos motivos anteriores). Na dúvida, faça que nem a gente: visite as três e tire suas conclusões. Se não puder, vá só pra Nusa Lembongan mesmo e aproveite muito sua viagem!

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Indonésia: explore

8 comentários em “NUSA LEMBONGAN: A MELHOR MANEIRA DE ENCERRAR SUA VIAGEM PARA BALI”

  1. Μeu membros da família sempre dizem գue eᥙ sou desperdiçando mеu temp᧐ aqui no web,
    exceto eᥙ seі գue estou recebendo ѕabe-como o
    tempo tߋdo lendo thes ƅom conteúdo.

    1. Caio Farias disse:

      Obrigado pela mensagem, ficamos felizes em saber que gostou do conteúdo!

  2. Caroline disse:

    Oi, gente! 🙂
    Usamos muito o blog de vocês para planejar nossa viagem pra Indonésia. Obrigada!
    Acabamos de ir no Lemongrass e tivemos uma experiência péssima. Estávamos comendo o prato principal e vimos 5 ratos comendo as oferendas que eles fazem para os deuses. E, aparentemente, é algo natural para eles, pois quando indicamos a atendente sobre os mesmos ela somente olhou e voltou para o lugar que ela estava sentada. Achamos bom indicar pra vocês, pois como vocês recomendam no blog de vocês, pode ser que fique ruim para vocês.
    Um beijo,
    Caroline

    1. Caio Farias disse:

      Olá Caroline, tudo bem? Muito obrigado pela mensagem e ficamos muito felizes quando recebemos um feedback como esse, de que conseguimos ajudar na viagem dos leitores.

      A gente gostou bastante da comida lá no Lemongrass, mas concordamos que ver 5 ratos bem ali do lado no momento da sua refeição não é nada agradável. Não tivemos esse tipo de encontro, mas certamente eles enxergam de uma outra forma. Moramos por mais de um ano na Ásia e você acaba achando isso mais normal do que jamais imaginou, rs! Vamos deixar seu comentário aqui no post como mais uma informação, e se recebermos mais algum comentário como esse vamos repensar essa indicação! Muito obrigado!

  3. Ana disse:

    Olá,
    Obrigada pelas informações!

    Pelo que vi, as praias de Nusa Lembongan não são boas para banhos? Me parecem , segundo as descrições, sempre perigosas (muitas em Nusa Penida tb)…ficamos restritos a paisagens e fotos? Tenho um filho adolescente e já sei que vou me estressar ahah ele adora essas experiências e tudo que busco são praias “normais” e paradisíacas, como vimos em Gilli T, por exemplo…enfim, estamos indo pela segunda vez para Indonesia, desta vez com destino as Nusas.
    Terminei de ler e pensei que, de repente, repetir Gilli T, Meno e Air seria mais vantagem. Será?

    Obrigada!

    1. Caio disse:

      Ana, Gilli realmente tem praias mais tranquilas, mas as Nusas também, mas realmente são diferentes. Se você tem esse tipo de preocupação, talvez seja melhor buscar águas mais paradas! Espero que curtam a viagem independente da escolha!

  4. Vanessa disse:

    Gostaria de deixar meu agradecimento pela dica do restaurante lemongrass, a comida é definitivamente maravilhosa, os pratos são bem servidos e o atendimento também foi excelente!!

    1. Caio disse:

      Que mensagem boa de receber, Vanessa! Ficamos muito felizes que você tenha gostado, recebemos há algum tempo atrás um feedback não muito bom de lá e ficamos super chateados pois gostamos bastante do Lemongrass! Que bom que você gostou também!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

COSTA RICA NÃO É SÓ PRAIA! 
Se vc acha que o país (que por sinal é um dos lugares mais biodiversos do mundo) tem só belas praias a oferecer, dá uma espiada nessa beleza. 
Uma das cachoeiras mais bonitas que visitamos na Costa Rica foi a Catarata Rio Fortuna, com nada menos que 75 metros de queda d’água.

E para se banhar nessa maravilha, é preciso encarar uns 500 degraus de escadaria. Dica: desça na maior empolgação pra dar um mergulho nessa belezura e deixa pra sofrer na volta 😅 
Nós fomos não época de chuvas e mesmo assim a água estava linda! 
O que pode acontecer nessa época é que, devido ao grande volume de água, o mergulho na piscina principal seja proibido por questões de segurança. Mas dá pra se banhar logo adiante, no rio formado pela cachoeira. Então tá valendo o “esforço” de qualquer jeito!

E vc, tb curte uma cachoeira ou prefere mesmo uma praia?

#costarica #lafortuna #emalgumlugardomundo #nature #waterfall

🚙 🇨🇷Viajar pela Costa Rica de carro foi uma das melhores aventuras que vivemos! 
A gente ama a liberdade de dirigir pelo desconhecido, fazer as coisas do nosso jeito, no nosso tempo. 
Sabiamos que não iríamos muito longe alugando um carro comum, porque algumas estradas por lá são impraticáveis – então já fechamos num 4×4 da @nomad_america pra não ter erro. E gente, não é em qualquer lugar que a gente pode alugar um carro com barraca de camping e dormir em uma praia deserta, né? 🏕️🏖️ E foi assim que cruzamos rios e acampamos em lugares incríveis – tudo isso vivenciando uma conexão incrível com a natureza selvagem desse país que tanto nós surpreendeu 😍

🇨🇷 Dois ícones da Costa Rica: surf e por do sol ☀️ 🏄‍♀️ Como o país é estreito e comprido , quase todas as praias do lado do Pacífico têm espetáculo do pôr do sol garantido (isso quando as chuvas tropicais não atrapalham). Fora a água naquela temperatura gostosa e um tanto de ondas tranquilas, ótimo pra quem quer aprender a surfar. A gente até se animou fazendo umas aulinhas, mas precisava de mais uma temporada por lá pra se manter na prancha por mais tempo. Alguém aqui pensando em voltar? 😬😛

Saindo da rota: todo destino tem aqueles cantinhos escondidos, que não estão em nenhum guia de viagem ou que você nunca ouviu falar antes, por mais que tenha pesquisado tudo sobre o lugar. ⠀
“E se a gente virar aqui, onde que vai dar?”
⠀
Eu não sei vocês, mas pra gente uma das melhores partes da viagem é poder andar pelo desconhecido. É esticar a caminhada ou virar à esquerda no atalho, e chegar ali só pra ver o que que tem.
⠀
É verdade que você pode chegar numa rua sem saída (e obviamente não é em todo destino que dá pra fazer isso). Mas é numa dessas que você descobre um lugar especial, que já faz valer a viagem todinha – que até vale cortar atração do roteiro só pra aproveitar mais aquela descoberta. ⠀
O desconhecido definitivamente faz nossos olhos brilharem! E para você, qual o grande momento em uma viagem?⠀ ⠀
____________________________
⠀

🇨🇷 Na Costa Rica você passa o dia inteiro babando pelo azul, pra chegar no fim de tarde e ficar embasbacado com esse rosa. 😍😱 É um pôr do sol mais lindo que o outro por aqui! ☀️

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!