O que fazer em La Paz Bolívia | Em Algum Lugar do Mundo

O QUE FAZER EM LA PAZ, BOLÍVIA: GUIA COMPLETO

Conheça as atrações em la Paz e seus arredores e monte seu roteiro!

  • Adriana
  • -
  • 3 de agosto de 2019
  • Nenhum Comentário

Quer viajar mais por menos?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas já para a sua próxima viagem!

La Paz já é impressionante à primeira vista: a 3700 metros de altitude, a cidade se ergue no meio de um vale, entre o caos urbano e montanhas nevadas. Nós passamos mais de uma semana explorando todas as atrações dessa cidade caótica e encantadora e montamos esse guia completo com tudo o que fazer em La Paz.

Em nosso primeiro contato com La Paz já fomos impactados com o visual: a cidade é aparentemente confusa, encaixada entre os vales e ladeiras bem característicos do lugar. Mas bastou um dia para nos sentirmos confortáveis, pegarmos o teleférico e deixar La Paz nos conquistar. Acabamos ficando mais tempo do que o previsto por aqui!

Você vai ver que La Paz consegue preservar a essência e a tradição dos povos andinos, mesmo sendo uma metrópole. Entre mercados, cholitas com seus trajes típicos e sítios arqueológicos em seus arredores, não falta o que fazer em La Paz. Confira nossas dicas de La Paz para curtir o melhor que a cidade tem a oferecer e aproveite!

O que fazer em La Paz - Teleféricos
Cidade de La Paz e seu sistema de transporte por teleférico

Quem viaja para Bolívia deve estar preparado para o ‘soroche’ – o mal de altitude. La Paz fica a 3.700m de altitude, então é bom se prevenir e viajar protegido: faça um seguro viagem antes de embarcar. Sugerimos fazer uma busca pela Segurospromo, um site que compara preços e dá uma enorme variedade de opções de seguro. Aproveite para usar nosso código EMALGUMLUGAR5 e ganhar 5% de desconto!

Onde ficar em La Paz

Antes de conferir o que fazer em La Paz, é importante saber que o local de sua hospedagem é fundamental para ter uma experiência boa na cidade.

Recomendamos hospedagem em dois lugares: a primeira é a região central, para ter facilidade de acesso aos principais pontos turísticos. A segunda é o bairro Sopocachi, onde nós ficamos. Achamos mais legal que a própria região central, e basta pegar o teleférico para se locomover pela cidade.

Nós ficamos no Casa Fusion Boutique, um hotel boutique maravilhoso. Ele fica em um casarão com muito estilo e conforto. Eles tem quartos duplos, triplos e single, muito bem decorados, é incrível.

O café da manhã era sensacional, cheio de frutas fresquinhas e opções que iam muito além do pão e do bolo. Junto do hotel funciona uma pâtisserie de onde saíam delícias variadas todos os dias, e algumas delas eram servidas no café. É uma tentação, já vou avisando.

Nós estivemos aqui no meio do inverno e a calefação funcionava perfeitamente (pode ser um problema para quem está viajando pela Bolívia no inverno, acredite!). Chuveiro gostoso, cama deliciosa, tudo perfeito. A diária no Casa Fusion Boutique é a partir de R$219.

Você pode conferir aqui outras opções de acomodação em la Paz.

Como chegar e como circular em La Paz

Como chegar em La Paz

Para sair do aeroporto de El Alto, situado a 14km do centro da cidade de La Paz, a melhor opção são os taxis oficiais – empresas Aeropuerto 78 e Rafael Pabon. No entanto, mesmo nestas não há taxímetro, a corrida que normalmente é tabelada, custa cerca de 70B e dura no mínimo 20 minutos, sem transito.

Você pode optar ainda pelas mini vans da empresa Contranstur que saem do centro de La Paz, da Plaza Isabel de Católica e Plaza San Francisco, para regressar, só saia com mais antecedência. O bilhete custa 4B.

Além disso, La Paz recebe vans e ônibus vindo das principais cidades da Bolívia.

Como circular pela cidade

Uma das coisas que mais nos impressionou em La Paz foi o teleférico, um sistema extenso e extremamente eficiente conectando diferentes partes de La Paz. É possível ir de El Alto até a zona sul de La Paz somente de teleférico.

São várias linhas em funcionamento (e outras ainda para serem inauguradas), sendo que cada linha custa 3B.

O que fazer em La Paz - Teleférico Laranja
Uma das linhas mais movimentadas do teleférico em La Paz

Além do teleférico, vans e ônibus circulam pela cidade toda. São inúmeras linhas diferentes, certamente haverá mais de uma opção para qualquer trajeto que você quiser. O valor varia entre 2 e 2,60B.

Se quiser pegar um taxi, essa é uma opção relativamente barata em La Paz – só é preciso combinar o valor antes da corrida, já que não há taxímetro.

O que fazer em La Paz: dicas, atrações e principais pontos de interesse

Mercado de Las Brujas

O famoso Mercado de Las Brujas de La Paz consiste em uma sucessão de lojinhas onde encontramos todos os produtos de coca e artesanato. Mas o diferencial desse mercado está na venda de outros tipos de produto: ervas, amarrações, poções do amor, bonecos de vudu… de tudo um pouco para uma boa oferenda.

O que fazer em La Paz - Mercado das Bruxas
Fetos de lhama expostos para venda

Porém, a coisa mais bizarra que encontramos no local são os fetos de lhama: eles costumam ser usados para serem enterrados em construções (casas, prédios) como oferenda à Pachamama, seguindo as tradições andinas do povo Aymara.

O Mercado de Las Brujas mais visitado pelos turistas fica na esquina da Avenida Santa Cruz com a Calle Melchor Jimenez. Achamos ele um pouco sem graça, para falar a verdade. Porém, há outro Mercado muito mais impressionante que fica em El Alto, falaremos dele mais para frente.

Outros mercados de La Paz

Se você é que nem a gente e curte muito um mercado de rua, não deixe de ir também no Mercado Rodriguez, que toma algumas ruas do centro. Em suas banquinhas comandadas pelas cholitas, encontramos uma grande variedade de legumes, frutas, carnes… como manda um bom mercado.

O que fazer em La Paz - Mercado Rodriguez
Além de comandar muitas das barracas são consumidoras muito presentes por aqui

Outra pedida é o Mercado Lanza, famoso pelos sucos frescos e pelos fartos quitutes bolivianos, como as empanadas salteñas e os rellenos, bolinhos de papas vendidos por preços super em conta.

Museu da Coca

O que fazer em La Paz - Calle Jaen
A Calle Jaen é uma das ruas mais charmosas de La Paz
O que fazer em La Paz - Museo da Coca
Entrada do pequeno Museo da Coca

Para quem quiser aprender mais sobre essa planta tão polêmica – e comum por aqui, esse é o lugar. O Museu da Coca fica em um antigo casario colonial no meio do centro de La Paz.

Apesar da simplicidade do museu, não faltam informações sobre a coca e seu uso medicinal, terapêutico, nutricional. Vale a visita para quebrar todos os possíveis preconceitos sobre a planta, e também para aprender mais sobre a produção da própria cocaína.

O Museu da Coca fica na Calle Linares 906 e está aberto de de segunda a sábado das 10h às 19h. A entrada custa 15B.

Calle Sagarnaga

A Calle Sagarnaga é a rua dos gringos em La Paz. A rua fica nos arredores da Praça San Francisco e reúne muitas lojinhas, perfeitas para dar uma olhada em lembrancinhas de viagem.

É bom se ligar na qualidade dos produtos, obviamente. Desconfie se aquele casaco de lã de alpaca estiver muito barato – certamente ele foi produzido na China. Por ali você também encontra lojas vendendo produto de qualidade, portanto pesquise bastante.

Calle Jaen e seus museus

Mantendo o estilo colonial e os calçamentos de pedra, a Calle Jaen é uma das ruas mais bonitinhas de La Paz. Além de todo o charme de sua arquitetura, é por ali que ficam os museus mais interessantes da cidade, que nos contaram muito da história do país: o Museo de Metales Preciosos, o Museo del Litoral, o Museu Costumbrista Juan de Vargas e, por fim, a Casa Pedro Domingo Murillo, que merece destaque.

Todos os museus estão abertos de terça à sexta, das 9h às 12h30 e das 14h30 às 19h, e sábado e domingo das 9h às 13h.  O preço do ingresso varia entre 4 e 10B.

Plaza Murillo

A praça central é o marco zero e um importante ponto turístico de La Paz. Seu nome é uma homenagem a Pedro Domingo Murillo, o precursor da independência boliviana.

Nos arredores da praça estão prédios de governo e construções de valor histórico como a Casa de Gobierno, o Congresso do país e a Catedral de La Paz.

O que Fazer em La Paz - Plaza Murillo
Foto: Dimitry B. / CC BY 2.0

A Catedral de La Paz, que data do século XIX, chama atenção pelo tamanho, com suas belas torres e cúpula, em estilo gótico. Vale à pena checar seu interior que é todo em mármore Carrara italiano, assim como o altar principal, também vindo da Itália. Aberta de segunda a sexta, das 15h30 às 19h e sábados e domingos, na parte da manhã.

Já a Casa de Gobierno é a sede do governo da Bolívia desde os tempos coloniais. Também chamada de Palácio Queimado, era ali que funcionava o Cabildo, a antiga administração colonial. No entanto, este prédio foi demolido e erguida a atual construção em 1845, sendo palco principal de muitos dos eventos históricos do país, incluindo golpes de Estado. Seu interior está fechado a visitação, mas vale apreciar a obra por fora.

Outra coisa interessante na Praça Murillo é o “relógio do sul”: o relógio tem números invertidos e roda ao contrário.  It is a symbol for the Aymara and Queshua communities who see the past in front of them and the future behind. The clock is supposed to remind the people of Bolivia “to think differently” (than the rest of the western world) and “find their indigenous roots”. For those interested, it is possible to buy watches that work anti-clockwise too.

Plaza de San Francisco

A Plaza de San Francisco é a principal praça de La Paz, sendo cenário comum de manifestações políticas em La Paz.

É aqui que fica a Igreja de San Francisco, um símbolo do período colonial. Sua fachada de pedra, em estilo barroco, foi esculpida pelos cristãos novos, os povos nativos convertidos ao catolicismo. Aberta apenas de segunda a sábado das 16h às 18h. A entrada é gratuita.

O que fazer em La Paz - Plaza San Francisco
Praça Principal da cidade, a bandeira verde e vermelha é a bandeira de La Paz

Mirador Kili Kili

Para quem gosta de mirantes, não falta o que fazer em La Paz: a cidade fica em um vale e, entre o sobe e desce de ladeiras e colinas, não é difícil encontrar uma bela vista para ser apreciada. O mirador Kili Kili é bem acessível e oferece uma das melhores vistas de La Paz.

O que fazer em La Paz - Mirador Kili Kili
Uma das melhores vistas em La Paz

Nós chegamos lá a pé, em uma longa-quase-eterna-caminhada partindo da Plaza Murillo. A distância não é tão grande assim, mas graças aos 3.700m de altitude, qualquer subida vira um desafio! Não deixe de se prevenir contra o soroche, pois o mal de altitude pode incomodar bastante. E se não quiser o esforço, basta pegar um taxi.

El Alto

El Alto fica no topo das montanhas que circundam La Paz. Embora E Alto ainda seja confundido como parte de La Paz, trata-se de duas cidades. E a cidade de El Alto é maior que La Paz, tendo cerca de 100 mil habitantes a mais.

O que fazer em La Paz - El Alto
Placa da cidade na estação final da linha vermelha do teleférico

El Alto fica a 4.095m de atitude e é nitidamente uma área mais pobre que La Paz. A região é um local estratégico para protestos, já que o acesso a La Paz se dá por El Alto (inclusive o aeroporto internacional fica em El Alto). Ouvimos recomendações de não andar por ali à noite, mas uma visita a El Alto durante o dia é dica imperdível para quem procura o que fazer em La Paz.

Os melhores dias para visitar El Alto são às quintas e domingos, quando acontece o gigantesco Mercado de El Alto: trata-se do maior mercado de rua da América Latina, e não dá para descrever a variedade de coisas que vimos à venda por lá.

O que fazer em La Paz - Mercado 16 de Julio
Vista do mercado de um dos teleféricos que cruza a cidade

É aqui que vimos também outro Mercado de Las Brujas, mais interessante e extenso do que o do centro da cidade de La Paz. Ali vimos filhotes de llamas, sapos e outros bichos não identificados, junto às poções, ervas e outros produtos.

Logo após o Mercado, encontramos uma rua praticamente exclusiva de bruxos: cada um trabalhando em sua portinha, com um fogareiro na frente para queimar as oferendas. Receber um atendimento ali deve ser uma experiência e tanto!

Luta das Cholitas

As cholitas são um símbolo de resistência feminina e da preservação da cultura andina no país. Elas estão por todos os lados na Bolívia, sempre caracterizadas com as longas tranças, saias volumosas, ponchos, chapéus e dentes de ouro. As cholitas são o melhor exemplo da tradição ancestral com uma certa influência da colonização espanhola.

Apesar de vê-las pelas ruas de La Paz, há um lugar em que elas são a atração principal: na luta das cholitas (ou cholita wrestling, em inglês). A luta acontece em El Alto, onde as moças vestidas com seus trajes típicos lutam ao estilo wrestling, como nas lutas livres mexicanas. Sobram golpes, puxões de tranças e aquela teatralidade trash.

O que fazer em La Paz - Luta de Cholitas
Cholitas Wrestling uma das atrações bastante procuradas em La Paz

Para assistir a luta, você pode ir por conta própria ou com um tour. A luta acontece todas as quintas e domingos em um ginásio em El Alto, e o preço é de 50B (se você for por conta própria).

Nós escrevemos um post exclusivo falando sobre a luta das cholitas: contamos como é a luta, como foi nossa experiência e damos dicas e informações de preços, como chegar, etc. Confira aqui.

Free Walking Tour La Paz

Várias cidades pelo mundo oferecem Free Walking Tours – e o de La Paz é excelente. Mas há um porém, qualquer tipo de serviço turístico grátis foi proibido na cidade por uma série de motivos e pos isso eles são “obrigados” a cobrar 20 bolivianos. Além de ser a melhor maneira de se situar na cidade, o Red Cap Walking Tour de La Paz oferece taaanta informação que a gente jamais seria capaz de ter aprendido tanta coisa em tão pouco tempo.

O Red Cap Walking Tour de La Paz começa em frente à Prisão San Pedro e segue por umas 3 horas explorando mercados (incluindo Mercado de Las Brujas), praças e igrejas.

O que fazer em La Paz - Walking Tour
Explicações sobre o Mercado da Bruxas e suas oferendas a Pachamama

Pelo caminho a gente vai tendo uma verdadeira aula sobre história, cultura e costumes da Bolívia. Tudo com muito conhecimento e bom humor dos guias.  Recomendamos muito!

Gostamos tanto que resolvemos fazer também com eles o tour Extended, que passa pelo cemitério, pelo mercado de El Alto e finaliza no Cholita Wrestling. Pode conferir no site da Red Cap Walking Tours os preços e horários.

Prisión San Pedro

Uma “atração” que teria passado batido pela gente, se não fosse o Walking Tour.

Essa é a principal prisão de La Paz, localizada bem no centro da cidade. Antigamente rolavam tours guiados dentro da prisão (recomendado inclusive pelo Lonely Planet), mas depois de episódios de morte, estupros e outros atentados contra os turistas visitantes, o tour foi cancelado.

O que Fazer em La Paz - Prisão de San Pedro
Foto: Danielle Pereira / CC BY-SA 2.0

O que intriga nessa prisão é que ela funciona como um “núcleo” muito organizado: existe aluguel e venda de espaços, os presos podem viver com suas famílias lá dentro e inclusive terem seu próprio negócio. Tudo acontecendo lá dentro, e o melhor: apenas 15 policiais fazem o controle do perímetro da prisão, nada mais.

Essa é apenas uma das coisas inusitadas que nos chamou atenção durante nossa viagem pelo país. Escrevemos um post com várias curiosidades da Bolívia, confere aqui.

Sopocachi

Esse é um bairro cool de La Paz e foi aqui que nos hospedamos no Casa Fusion Boutique. Um clima mais relax que no centro da cidade, com ótimas opções de restaurantes. O melhor é que há uma estação de teleférico (amarela) bem no meio do bairro, então podemos facilmente chegar ao centro ou a zona sul em menos de 30 minutos. Vale dar uma voltinha por aqui.

Mapa dos principais pontos da cidade

Quer mais dicas de viagem? Curta nossa página no Facebook!

em algum lugar do mundo no facebook

O que fazer em La Paz: atrações nos arredores da cidade

Depois de alguns dias conhecendo as principais atrações da cidade, partimos para seus arredores para conhecer alguns de seus sítios arqueológicos e vales. Portanto, na hora de planejar o que fazer em La Paz, não esqueça de reservar um tempo extra para visitar alguns desses pontos:

Bate e volta em Tiwanaku

Localizada a 72 km de La Paz, Tiwanaku ou Tiauanaco era uma cidade pré-hispânica, guardando vários achados arqueológicos, paredes, monólitos, portais e artefatos do povo precursor do Império Inca que viveu por ali. O sítio é tão importante que é patrimônio da UNESCO desde os anos 2000.

A 3843 metros de altitude, Tiwanaku era um polo administrativo, ritualístico e agrícola, habitado desde 1500 a.C. Mas foi entre os anos 300 e 1000 que ganhou destaque.

O que Fazer em La Paz - Tiwanaku
Foto: Mhwater de Wikipedia en neerlandés

Apesar da falta de maiores informações sobre sua cultura (eles não tinham escrita), sabemos que eles foram uma das civilizações mais importantes das Américas. As tecnologias agrícolas altamente complexas e produtivas definitivamente estavam à frente de seu tempo – e em Tiwanaku podemos sentir um pouco disso.

Como visitar Tiwanaku em um bate e volta

Para visitar Tiwanaku saindo de La Paz, você pode contratar um tour em uma agência no centro de La Paz. A maioria inclui transporte, almoço e visita guiada às ruínas, custando cerca de R$60-70 mais o valor do ingresso R$75.

Se quiser ir por conta própria, é só pegar uma van que sai do Cemitério de La Paz com destino à entrada do sítio de Tiwanaku. Cada trecho de van custa R$10, aproximadamente.

Valle de La Luna

Esta é uma das principais atrações saindo de La Paz, ficando pertinho da cidade, a apenas 30km de distância. O Valle de La Luna é um verdadeiro labirinto de arenito e argila: suas formações rochosas poderiam lembrar a superfície da lua, mas achamos que a coloração marrom lembra mais uma paisagem quase desértica.

O que fazer em La Paz - Vale de la Luna
Passeio pelo vale de la Luna e sua paisagem realmente de outro mundo

Nós passamos cerca de uma hora por ali apreciando a paisagem, que dizem já ter servido de cenário para gravação de Star Wars (não confirmamos se é verdade). A entrada para o Valle de La Luna custa 15B.

Para chegar lá, também há opção de tour (só fechar em qualquer agência por cerca de 80B) ou conta própria. Nesse último caso, pegue um ônibus partindo da Igreja San Francisco em direção a Mallasa. Só pedir para que o motorista avise quando chegar no Valle de La Luna.

Chacaltaya

A visita a Chacaltaya é normalmente combinada com a visita ao valle de La Luna. A montanha Chacaltaya, que fica a 5400 metros de altitude, é o lugar onde funcionava a estação de esqui mais alta do mundo – que foi desativada com o derretimento do gelo.

O que Fazer em La Paz - Chalcataya
Foto: Felipe Ernesto / CC BY 2.0

Por falta de tempo, acabamos não indo a Chacaltaya. Mas prepare seu fôlego: apesar de ter que andar apenas um pouquinho até chegar ao topo, a sensação de ar rarefeito é forte. Esse provavelmente será mais um momento em que você sentirá os efeitos do soroche!

Estrada da Morte de bicicleta

Está aqui uma das opções mais incríveis sobre o que fazer em La Paz: descer a Estrada da Morte de bicicleta. Um passeio que une beleza, aventura e cansaço na medida certa!

O passeio percorre cerca de 70km em uma estrada estreita. O caminho começa no asfalto e segue alternando entre lama e cascalhos – tudo beirando o precipício e com um visual de tirar o fôlego.

O que fazer em La Paz - Estrada da Morte
A foto mais esperada do grupo fazendo o downhill de bicicleta pela Estrada da Morte

A estrada não tem esse nome à toa: nos anos 90, a via chegou a registrar uma média de 300 acidentes fatais por ano. Hoje em dia há uma estrada alternativa e mais segura para veículos.

Atualmente, várias empresas oferecem o tour de bicicleta por ali, mas é importante pesquisar sobre a reputação delas. O Caio foi com a Ride On Bolívia Biking e eles são excelentes. (eu não fiz o passeio porque tava passando mal com o soroche).

O Caio garante que esse é um dos passeios mais inesquecíveis da nossa viagem pela Bolívia. Confere o post dele sobre a Estrada da Morte na Bolívia.

Huayna Potosí

O Huayna Potosí é o pico nevado da Cordilheira dos Andes, situado a 25km de La Paz, cuja altitude ultrapassa 6000 metros. Trata-se de uma montanha lendária, que impressiona por sua beleza e imponência, atraindo escaladores e trilheiros do mundo todo que sonham em alcançar seu cume branco.

Dizem que essa escalada é considerada tranquila se comparada a outros grandes cumes. Entretanto, ela exige aclimatação, excelente preparo físico e um certo nível de experiência em trekkings, já que é uma trilha que dura vários dias.

O que Fazer em La Paz - Huayna
Trekking ao Huayna Potosi. Foto: M M from Switzerland

A gente nem considerou encarar esse desafio, uma vez que nossa falta de ar já estava forte o suficiente em caminhadas curtas. Tenso!

Quanto tempo ficar em La Paz

Certamente já deu pra ver que tem muito o que fazer por La Paz, né? Portanto, recomendo pelo menos dois dias inteiros para conhecer as principais atrações da cidade. A partir disso, adicione um dia para cada um dos passeios bate-volta que desejar fazer (sério, o Caio não para de repetir que a Estrada de La Muerte é imperdível)

Quando ir para La Paz

A localização e o clima de alta montanha propiciam uma certa constância entre verões chuvosos e invernos secos em La Paz. As chuvas, contudo, não devem estragar sua viagem, já que não são constantes ou abundantes: a estação chuvosa vai de dezembro a março.

La Paz pode ser visitada o ano todo, mas a melhor época para viajar é o período seco e frio que vai de abril até outubro. Junho e julho costumam ser bem secos e frios. Não esqueça de levar um bom casaco e um protetor labial.

Relembrando a dica: feche um seguro viagem!

Potosí é alto, muito alto. São 4.000m de altitude que podem pesar bastante para nós brasileiros que não estamos acostumados. Enquanto o Caio ficou tranquilo e sentiu só uma dor de cabeça, eu passei muuuuito mal.

Ou seja, cada organismo funciona de um jeito e isso é meio imprevisível. Portanto, não se arrisque de viajar sem seguro viagem. Nós recomendamos fechar com a Segurospromo, um site que funciona como um buscador e mostra as melhores opções. Use nosso código EMALGUMLUGAR5 e garanta 5% de desconto!

E para se informar mais sobre o assunto, veja o que escrevemos sobre como lidar com o soroche.

Agora que você já conferiu nossas dicas e viu tudo o que fazer em La Paz, é só planejar sua viagem e curtir muito essa cidade boliviana!

E depois conta pra gente qual foi sua atração preferida ou se tem mais o que fazer em La Paz que nós não escrevemos aqui 🙂

Você também poderá gostar de:

Esse post pode conter link de afiliados. Isso significa que, ao fazer uma reserva a partir desses links, você ajuda a manter nosso blog e não paga nada a mais por isso. Nós agradecemos seu apoio!

Nós nos esforçamos para manter o blog atualizado, mas alguns detalhes podem sofrer alterações a qualquer momento. Sempre confirme datas, preços e informações.


Quer saber como viajar mais por menos?

Receba agora so seu e-mail nosso guia gratuito: são 40 dicas imperdíveis para colocar em prática já na sua próxima viagem!

Bolívia: explore

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos no Instagram

Ahh Costa Rica! Essa é uma formação natural que parece a cauda de uma baleia –  e o local de chama Parque Nacional Marino Ballena.
Tudo bem, já sabemos que o nome do parque veio desse formato. Mas quem explica a “coincidência” desse local ser o melhor ponto do país para  para o avistamento de baleias? 🤔#emalgumlugardomundo #costarica #visitcostarica #baleiajubarte

Pura Vida!Mal desembarcamos na Costa Rica e já começamos a ouvir a expressão por todos os cantos. Embora não tenha uma tradução exata, essa é uma forma de cumprimentar, de dizer olá, tchau – ou qualquer coisa que tenha uma intenção positiva – dá pra usar de diversas formas!A nossa conclusão é que “Pura Vida” é essa coisa boa que você sente ao chegar por aqui e que te faz ficar sorrindo o tempo todo. É como encostar o carro em uma praia deserta, assistir o por do sol e dormir por ali mesmo, ao som dos macacos, com o barulho das ondas. Bem do jeitinho que a gente fez nesse dia!#emalgumlugardomundo #costarica #puravida #visitcostarica #destinosimperdiveis

O Parque Nacional Corcovado é um dos lugares menos explorados da Costa Rica – e até agora um de nossos destinos preferidos no país!A natureza aqui ainda é selvagem e é possível avistar araras, tucanos, macacos, bichos preguiça, quatis, antas… a lista é extensa!
E como se não bastasse a diversidade animal, tem essa praia de areia escura bem intocada. A constante névoa na praia dá um ar de paraíso perdido nesse lugar.Essa viagem pra Costa Rica tá tendo um cenário mais lindo que o outro! Estamos amando!!! #emalgumlugardomundo #costarica #corcovadonationalpark #visitcostarica

Ainda encantados com o lado do Caribe da Costa Rica!
Sem dúvidas, Punta Uva foi uma das praias mais bonitas das bandas de lá – pelo menos foi a nossa preferida!Agora estamos no lado do Pacífico. Estamos mostrando tudo no stories e já já vamos postar as fotos daqui!

A felicidade de quem estacionou o quarto do hotel e vai dormir em frente a praia no Caribe costa riquenho! Valeu @nomad_america !#emalgumlugardomundo #costarica #puntauva #destinosimperdiveis #visitcostarica

X

JÁ BAIXOU NOSSO E-BOOK GRATUITO?

Inscreva-se agora e receba no seu e-mail nosso e-book: são 40 dicas de como viajar mais e melhor por menos!